Às vésperas do novo disco, Georgia lança a música sobre 24 horas na balada

>>

Captura de Tela 2020-01-09 às 5.34.24 PM

* Amanhã, sexta, será lançado o segundo álbum da inglesa Georgia Barnes, mais conhecida mesmo como Georgia. O álbum se chama “Seeking Thrills” e é bom prestar atenção especial nele. E nela. 2020 parece ser mesmo o ano de Georgia.

A começar hoje pelo lançamento de um single, o electropop dançantíssimo “24 Hours”, que obviamente vem com vídeo.

Uma espécie de “Grimes meets La Roux” com uma das carreiras mais insólitas da música nova, sem ser tão nova, Georgia é uma ex-jogadora de futebol. Jogou no Arsenal, de Londres. Trocou a chuteira pelas baquetas e virou baterista. Toca (e canta) de pé, regendo o público enquanto espanca seu kit próprio de bateria. Está na música desde o berço: é filha do grande Neil Barnes, um dos fundadores do Leftfield, patrimônio da música eletrônica britânica dos anos 90, grupo muito querido dos indies na época.

No último Glastonbury Festival, de tantos shows marcantes, Georgia teve sua performance elogiadíssima.

Essa “24 Hours” lançada hoje, segundo os seus informes a sua música mais pop até hoje, é inspirada num rolê recente seu por festas em Berlim, indo de clube em clube numa mesma noite. Ou num mesmo dia inteiro.

O single e seu respectivo vídeo são assim:

>>