CENA – “Tudo Pode Acontecer” no novo disco cheio de participações do mineiro Filipe Alvim

>>

1 - cenatopo19

Fotos: Julia Galione

Fotos: Julia Galione

Depois de lançar o single aqui na Popload em maio deste ano, o mineiro Filipe Alvim solta seu terceiro disco, “Tudo Pode Acontecer”, sucessor de “Beijos”, de 2016. O registro traz relatos da curta passagem de Alvim por São Paulo e uma série de parcerias como Samira Winter, Dinho, do Boogarins, e Guerrinha, da carioca Séculos Apaixonados.

Filipe é uma das figuras da pequena cena independente de Juiz de Fora, em Minas Gerais. Junto do selo Pug Records, Alvim vem organizando shows, prensando discos e divulgando seu trabalho no maior estilo guerrilha, totalmente artesanal e colaborativo. Exemplo disso foi o processo de produção do último disco, dividido entre São Paulo, Rio de Janeiro e Juiz de Fora.

“Tudo Pode Acontecer” começou a ser composto quando o cantor resolveu se mudar de MG para São Paulo com o objetivo de expandir seus horizontes e alcançar mais público para o seu som. Depois de dois meses na capital paulista, por falta de adaptação, voltou para sua cidade natal com uma porção de letras, todas elas traduzindo um pouco do período em que Felipe resolveu provar a sorte longe de casa.

Em meio a esse processo, ele chamou alguns amigos para complementarem composições e vocais das canções que compôs, entre eles, os já citados Dinho, Samira e Guerrinha. O último, vocalista da banda Séculos Apaixonados foi quem mais apostou na empreitada de Alvim e acabou sendo o responsável por gravar todos os instrumentos existentes no álbum.

Durante as gravações, Guerra gravava takes e compartilha com Alvim, fazendo uma ponte digital entre RJ e MG. Junto das gravações à distância, as outras participações foram fechadas e captadas, levando os vocais de Samira para a faixa “Chiclete” e a voz do vocalista do boogarins, para a track “Tudo Pode Acontecer”. Com tudo gravado,
Filipe viajou até o Rio de Janeiro e finalizou todas as músicas com os seus vocais.

Com o lançamento em mãos, o compositor se prepara para abrir a agenda de final de ano e organizar uma série de shows da nova turnê para 2019.

>>