Update: Chet Faker está morto. Mas reencarnou em Nick Murphy, ele mesmo. E lançou música nova

>>

* Heeeiiinn?

170615_chetfaker2

Há tipo um ano e meio, algo já estava acontecendo no palco do Chet Faker. No show lindão feito no Rio de Janeiro, em março de 2015, o divo australiano trocou suas tradicionais mesinhas de programação e se apresentou full band, no caso um baixista e um baterista muito bons, porque àquela altura Chet Faker já tinha seus momentos de crooner e achou de colocar cada vez mais uma presença de banda no palco.

Embora essa coisa Chet Faker Band faça o show ir para um perigoso caminho “jazzy” às vezes (palavras de um amigo que tem banda), ele saiu muito do lugar comum e brilhou quando sozinho no palco. Enfim.

Oficializando um novo direcionamento para a carreira, Chet Faker anunciou hoje que não vai mais se apresentar ou trabalhar a carreira com este nome que o estourou na cena nos últimos anos. Agora ele carrega para sua vida artística o nome Nick Murphy, o de batismo.

“Já tem tipo meia década desde que comecei a lançar músicas como Chet Faker e todos vocês têm sido a força primordial por trás da música desde então. Há uma evolução acontecendo e eu quero que vocês saibam os rumos que isso irá tomar. Meu próximo álbum será gravado sob meu nome real, Nick Murphy. Chet Faker sempre será uma parte da música. Este é o próximo”, informou Chet em comunicado.

Ele tem show marcado no Pitchfork Festival de Paris, no fim do mês que vem. Enquanto Chet Faker, o australiano lançou o discaço “Built on Glass”, em 2014. Ele já tem até site novo, o nickmurphymusic.com, com uma música nova, “Fear Less”.

>>