“Não estou a fim de voltar com o Oasis”, disse Noel Gallagher aos australianos. Coletânea solo sai em junho

>>

* De vez em quando vem uma ondinha de esperança de fã sobre uma volta do Oasis, aí o Liam vai no Twitter e posta um “maybeeee” e depois o Noel aparece dizendo “sem chance”. Mais um ciclo se fechou hoje, quando apareceu uma entrevista dizendo um categórico “Não estou a fim”.

Falando da Inglaterra para o importante programa de TV australiano The Project, obviamente perguntado sobre um possível retorno, Noel disse, entre outras várias coisas, que estar numa banda é um compromisso absoluto com aquilo. Ele não assumiria a treta que é voltar com uma banda desse tamanho, com mais quatro pessoas, para depois de seis semanas alguém aparecer dizendo que não pode mais porque o gato pegou um resfriado. Eita!!

Disse ainda, grosso modo, que as pessoas que gostam da banda precisam acostumar que elas às vezes não tem volta. E citou o amor dele sobre Beatles e Sex Pistols, bandas que ele ama e nunca viu ao vivo.

“Sinto muito, mas o Oasis acabou!”

Noel foi convidado a falar para os australianos pelo álbum que ele vai lançar em junho, uma coletânea chamada “Back the Way We Came: Vol 1 (2011-2021)”, para comemorar os dez anos de seu projeto-banda High Flying Birds. O primeiro álbum dessa sua vida pós-Oasis, o “Noel Gallagher’s High Flying Birds”, saiu em outubro de 2011. E essa compilação de 18 faixas, “Back the Way We Came: Vol 1 (2011-2021)”, sai dia 11 de junho, daqui a pouco. E com três inéditas.

Uma delas, “We’re on Our Way Now”, foi lançada semana passada, com vídeo-drama.

noel

>>