Popnotas – Dinosaur Jr. na neve, a newsletter da Patti Smith e todos os discos do My Bloody Valentine à disposição

>>

– As especulações estavam corretas. O mistério que a seminal banda inglesa My Blood Valentine fez nas redes sociais era relativo à chegada deles na gravadora Domino, que resultou no lançamento dos álbuns da banda, nas versões digitais e físicas (a partir de maio). Todos os três discos do grupo do genioso Kevin Shields, “Isn’t Anything” (1988), “Loveless” (1991) e “m b v” (2013), agora estão disponíveis nos streamings do mundo – Brasil, incluso. Tem faixa extra e tudo. Se você procura pela playlist “The Complete My Bloody Valentine”, então, leva a pacoteira de distorsão toda de uma vez. Spotify e congêneres ganharam uma barulheira dos diabos.

mybloody

– A onda da newsletter chega para todo mundo. A da vez é da cantora e poetisa punk Patti Smith, amiga da Popload, entrar nesse jogo. Ela lançou sua newsletter pela Substack, incrível coletivo de escritores independentes que é uma plataforma online. Rola assinar de graça e em uma versão paga, que te dá um bônus – textos da Patti escritos no início da pandemia. “A cada semana vou postar minhas divagações semanais, fragmentos de poesia, música e reflexões sobre qualquer assunto que encontre seu caminho do pensamento à pena, notícias da mente, pedaços deste mundo, de graça para todos.”

– Temos um segundo single do próximo álbum do Dinosaur Jr., “Sweep It into Space”. Desta vez o som liberado, “Garden”, é uma das composições do herói indie e baixista Lou Barlow que estarão no disco. O vídeo chega a ser hilário, com a banda mascarada dublando a música, porém com um bateria invisível – um momento digno de playback na televisão brasileira nos anos 80/90. O disco, que tem co-produção do músico e engenheiro de som Kurt Vile, chega em abril agora.

>>