Sofrência cool: versão de “Cosmic Dancer”, do T. Rex, cantada por Morrissey e Bowie, ganha lançamento oficial

>>

Um dos maiores momentos da história da música pop, sabido há quase 30 anos, mostrado há mais ou menos quatro meses, agora está eternizado em forma de arquivo oficial.

A famosa invasão de palco do David Bowie no show do Morrissey, em Los Angeles, no ano de 1991, quando os dois cantaram “Cosmic Dancer”, faixa linda do incrível T. Rex de Marc Bolan, ganhou lançamento oficial.

O show foi realizado no gigante The Forum e Bowie apareceu logo no final da apresentação de Morrissey, que contou um pouco do episódio em sua autobiografia, publicada em 2013. “Ele entrou no palco todo majestoso e eu já estava exausto, quase sem voz. Mas o garotinho fã de 12 anos dentro de mim, que não ia para a escola sem antes acalmar meus nervos ouvindo “Starman” todos os dias, não estava acreditando no que estava acontecendo ali. Mas lá estávamos eu e ele”.

Esse momento tão comentado entre os fãs durante anos só teve imagens reveladas em julho deste ano, quando surgiu um vídeo de gravação bruta não apenas do dueto, mas também com cenas de bastidores, com o Bowie fumando um cigarrinho de boa, esperando o Moz sair do camarim.

“Cosmic Dancer” foi lançada hoje nas plataformas digitais em contas oficiais de Morrissey. O som limpinho pode ser conferido abaixo, junto com o vídeo que saiu há alguns meses.

* Vale lembrar que… Moz e Bowie viviam relação conturbada, e ficaram com contas por acertar neste plano terrestre. Em 2016, em um show em Manchester, Morrissey separou um momento de seu show para discursar sobre as “melhores pessoas” que morreram naquele ano. Ele citou o boxeador Muhammad Ali, Prince, a atriz Caroline Aherne e a comediante Victoria Wood. Omitiu Bowie, o bastante para a reação negativa de parte do público.

Os dois começaram a tretar em 1995, quando fizeram uma turnê juntos. As razões nunca foram reveladas. Já em 2013, Bowie vetou a publicação de uma foto dos dois para a capa da reedição do maravilhoso single “The Last of the Famous International Playboys” (1988), que em sua versão final teve Moz e o cantor Rick Astley.

Na época, a NME destacou que Morrissey havia dito, em 2014, que sabia que havia criticado David no passado, mas que ele (Bowie) também tinha consciência de era uma “infantilidade boba” por parte do ex-Smiths.

131120_mozbowie

>>