South Park revela que Lorde é uma fraude e tem 45 anos

>>

* Popload no Texas. Assistindo a desenhos.

Screen Shot 2014-10-09 at 13.32.53

* Pelo segundo episódio seguido, mas desta vez botando ela para ser tema mesmo do programa, o desenho “educacional” “South Park” pega para “cristo” a famosa cantora teen neozelandesa Lorde.

O episódio começa com o Eric Cartman precisaaaaando ir ao banheiro (nº. 2) e as portinhas todas ocupadas. Desesperado, ele botou um lacinho rosa no cabelo, assume um lado “cissy” e foi take his shit no banheiro feminino. As meninas ficaram bravas, mas ainda assim ele mandou ver, com todos os barulhos possíveis.

Levado à diretoria da escola, Eric disse que era “transgênico”, o que equivale a dizer que tinha duas sexualidades. E portanto poderia usar os dois banheiros.

Eric defendia que podia ser chamar Erica, por não ter nenhuma das sexualidades estabelecidas. Ou ter as duas. E que, por mais que a sociedade não tenha um lugar para ele, ele tinha sim direito aos dois banheiros. Mas deixou claro que isso não tinha nada a ver com atração sexual, homossexualidade, porque não necessariamente um transgênico se sente atraído por uma pessoa sisgênica. Tá entendendo?

Enfim, depois que Erica Cartman ganhou um banheiro exclusivo só para ele na escola, a “nossa” Lorde entrou na jogada. Haha.

Lorde apareceu no “South Park” sendo investigada por um repórter da revista musical “Spin” (haha) como sendo na verdade uma mulher de 45 anos que vive no Colorado, EUA, em vez de ser a menininha de 17 que veio da Nova Zelândia.

A história do episódio, na real, é mais complexa que essa. E envolve o pai do Stan. Hahahaha.

God, que zoeira! Não vou falar mais nada.

Só que foi muito bem explicado, no desenho, como “Royals” é uma MÚSICA FORJADA!!!!!!!

>>