Em Alice Glass:

A Alice Glass voltou para explodir nossas cabeças. Ouça o EP… “Alice Glass”

>>

180817_aliceglass2

Semana passada, a doidinha Alice Glass ressurgiu das cinzas com uma nova música, “Without Love”, e o mundo indie ficou se perguntando o que a ex-voz do Crystal Castles estava tramando, já que em 2015 ela lançou uma faixa solo e depois sumiu.

Poucos dias depois, vem a resposta: “Without Love” está em um EP homônimo da cantora, que foi lançado de surpresa nesta sexta-feira nas plataformas digitais com as quais já estamos acostumados.

“Alice Glass”, o EP, tem 6 faixas novas e é o primeiro trabalho solo da cantora desde a saída de sua antiga banda, que se rompeu (oficialmente) por “incompatibilidade musical” entre Alice e seu parceiro Ethan Kath, no fim de 2014. A produção da obra é de Jupiter Keyes.

>>

Alice Glass surge do nada e mostra nova música em que dá para ouvir sua voz

>>

100817_aliceglass

Um dos grandes choques do mundo indie nos últimos anos foi o fim da parceria entre Alice Glass e Ethan Kath no Crystal Castles, uma das bandas mais legais que apareceram nos tempos modernos da música alternativa.

O rompimento “por incompatibilidade musical” rolou entre 2014 e 2015. Ethan seguiu com o CC e Alice reapareceu com uma canção solo promissora no meio de 2015, “Stillbirth”, com elementos eletrônicos, vocal berrado e pegada heavy metal. Depois, sumiu.

Dois anos depois, Alice reaparece do nada com uma nova música. A exemplo de “Stillbirth”, “Without Love” foi escrita pela cantora e o produtor Jupiter Keyes. Em algumas declarações recentes, ela falou que em suas novas músicas sua voz pode ser melhor ouvida. Mas não contou o que está preparando para o resto do ano. Se está, na verdade.

“Without Love” pode ser ouvida e vista abaixo.

>>

Crystal Castles dá um novo grito sem a Alice Glass e solta single pesado em vídeo cool

>>

060716_crystalcastles2

No fim de 2014, o mundo indie ficou chocado com a notícia de que a louquinha e intensa Alice Glass estava terminando a parceria com o músico e produtor Ethan Kath. Na ocasião, muita gente imaginou que era o fim do Crystal Castles, uma das representações sonoras mais legais da música alternativa da década passada.

A decisão de Alice foi um tanto polêmica, até porque ela disse, basicamente, que o Crystal Castles estava “pequeno” para suas pretensões e anseios artísticos.

Cerca de seis meses depois, Ethan deu a resposta com uma nova vocalista, Edith Frances. Soltaram algumas canções para mostrarem que o Crystal Castles, sim, estava vivo. E agora, um ano depois, meteram o pé na porta e vão começar uma nova era na carreira da banda.

“Concrete” é o novo single do duo. Barulhento e pesado, o som ganhou um vídeo no qual Edith vaga chapada no meio do público em um festival. A comparação com Alice é inevitável e os próprios fãs andam meio divididos com a nova cantora, tipo #TeamAlice vs. #TeamEdith. Vai render bastante ainda…

O novo disco do Crystal Castles será lançado no segundo semestre.

>>

Wow!!! A volta heavy metal da Alice Glass

>>

170715_alice1

Enquanto Ethan Kath segue a vida com o Crystal Castles, a louquinha Alice Glass apareceu com seu primeiro single em carreira solo. A cantora, que ficou seis anos no CC e chocou o mundo indie ao anunciar sua saída da banda por “incompatibilidade musical”, parece, lança amanhã o single “Stillbirth”. O dinheiro arrecadado com a venda digital do single será revertido para instituições beneficentes que tratam casos como abusos domésticos e violência sexual.

“Stillbirth” foi escrita por Alice e o produtor Jupiter Keyes. A estreia solo da cantora é promissora. O single é um petardo sonoro, com elementos eletrônicos, vocal berrado e pegada heavy metal. \m/

>>

A vida além da Alice Glass: Crystal Castles ressurge com vocalista misteriosa

>>

020715_crystalcastles

Pouco mais de seis meses após Alice Glass anunciar sua saída e consequentemente o fim da banda, o Crystal Castles, veja bem, continua.

A parceria da cantora louquinha com o músico e produtor Ethan Kath durou seis anos, três discos e shows intensos. No fim do ano passado, Alice pegou o mundo indie de surpresa ao dizer que o CC havia acabado porque ela estava partindo para uma carreira solo.

“Minha arte e minha forma de expressão, de todas as maneiras, sempre tiveram compromisso com a sinceridade, honestidade e empatia com o outro. Por diversas razões, profissionais e pessoais, não acredito que isso ainda seja possível com o Crystal Castles. Ainda que este seja o fim da banda, espero que os fãs me apoiem como artista solo”, comunicou a cantora, em outubro de 2014.

Daí que em seu lugar entrou a Edith, que ninguém sabe quem é, se já é uma cantora conhecida, uma revelação. Ou que Edith não seja alguém, mas sim “alguéns”…

Depois de “Frail”, o novo CC soltou “Deicide”, som que combina com o DNA do duo, passeando por uma eletrônica refinada, que acelera e desacelera em um piscar de olhos. Ethan foi evasivo, não disse quem é a Edith, mas informou que um novo disco será lançado.

Este será o quarto disco do Crystal Castles. Desde 2008, enquanto o duo era formado por Alice e Ethan, foram três álbuns lançados: “Crystal Castles” (2008), “Crystal Castles II” (2010) e “Crystal Castles III” (2012).

>>