Em alison mosshart:

Alison Mosshart lança a ótima “It Ain’t Water” e diz que está trabalhando em um novo disco do The Kills

>>

130520_alison2

A espetacular Alison Mosshart deu um tempinho no seu lindo The Kills e vai lançar mais canções solo este ano.

Envolvendo produtores como Alain Johannes e Lawrence Rothman, Alison primeiro vai lançar um single duplo com as faixas “Rise” e “It Ain’t Water”, esta última divulgada hoje em vídeo produzido pela própria cantora, em confinamento em sua residência em Nashville. A data prometida é 31 de julho. Se virão mais músicas, ainda não se sabe.

Em entrevista para a NME, Alison entregou ainda que ela e seu parceiro Jamie Hince estão trabalhando em um novo álbum do Kills.

“Estamos no meio da gravação do disco. Se algum dia pudermos nos ver novamente e eu puder voltar para Los Angeles, seria o ideal. Acabamos de escrever as demos e tudo mais, por isso temos já de cara três ou quatro músicas que realmente gostamos, além de várias outras que estão sendo aprimoradas no momento. Elas soam diferentes, mas provavelmente todo mundo vai achar que continua parecendo o que sempre fizemos”, disse a cantora.

>>

The Kills mete o pé na porta e lança duas covers potentes em novo single

>>

010318_thekills2

Não-casal mais legal do mundo indie, Jamie Hince e Alison Mosshart chegaram com os pés na porta e lançaram hoje um single duplo, com duas regravações e um vídeo novo.

As canções escolhidas pelo lindo duo The Kills em seu novo projeto foram “List Of Demands (Reparations)”, canção lançada em 2004 pelo músico, ator e poeta Saul Williams, e “Steppin’ Razor”, de Peter Tosh.

Diz a Alison que bateu um medinho para se atrever em fazer a cover de Saul Williams, pois trata-se de uma canção de muito respeito. “É uma música sobre força e empoderamento, com a ideia de ascensão. Certas músicas você se sente feito um intruso tentando cantá-las, mas nesta me senti à vontade”, contou. A faixa veio acompanhada de um vídeo todo bem produzido.

>>

Um show completo do Foo Fighters em Portugal, com a Alison Mosshart cantando música nova e tudo

>>

100717_foofighters2

Dando sequência ao rolê que vai culminar no lançamento do seu novo álbum, “Concrete and Gold”, o Foo Fighters atualmente está realizando shows pela Europa, em estádios, arenas e festivais, mostrando algumas canções novas e as prediletas da galera.

A mais recente parada foi no NOS Alive, em Portugal, onde o grupo americano se apresentou na última sexta-feira. O show, que durou quase duas horas e meia, foi transmitido por um canal de TV português e já está ao nosso alcance. Um dos pontos altos da apresentação foi a dobradinha com a incrível Alison Mosshart, do The Kills, na canção “La Dee Da”, que está no novo álbum da banda de Dave Grohl. Alison participou da gravação em estúdio, também.

“Concrete and Gold” é o 9º da carreira da banda e será lançado dia 15 de setembro. Em 7 de outubro, o grupo promoverá seu próprio festival, Cal JAM, que será realizado na cidade de San Bernardino, Califórnia, com participações especiais de nomes como Queens of the Stone Age, Liam Gallagher, The Kills, Japandroids, Cage the Elephant, Royal Blood, Wolf Alice, Bob Mould, Bully, Circa Waves, Babes in Toyland, The Obsessed e White Reaper.

>>

Wow!!! The Kills volta cheio de estilo. E falando de morte

>>

010316_kills2

Alison gata e Jamie cool anunciaram hoje o lançamento do primeiro disco de inéditas do incrível The Kills em cinco anos. “Ash & Ice” será lançado dia 3 de junho, pelo badalado selo Domino, e é o quinto álbum de estúdio da carreira linda do duo que certa vez parou São Paulo por duas noites para tocar no Popload Gig.

O álbum foi anunciado junto com um vídeo do primeiro single, “Doing It To Death”, que mostra a dupla acompanhando um funeral, por exemplo.

O disco foi gravado em Los Angeles e também no famoso Electric Lady Studios, em Nova York. A produção ficou na responsa do próprio Jamie Hince em parceria com John O’Mahoney, que já trabalhou com bandas como Cribs e Metric.

>>

Dead Weather e sua canção estranha e espetacular. Com uma linda Alison no meio

>>

240915_deadweather1

* Acho que nunca contei essa história aqui. Há muitos anos, fui ver um show do White Stripes em Nova York e quem ia abrir a noite era o novíssimo The Kills. A banda já tinha uns dois singles bons circulando e, já que eu estava por lá mesmo, tentei uma entrevista com a banda. Troquei uns emails com os assessores, parecia tudo certo, mas nada confirmado. Isso, sei lá, tipo 2002. Acho que era o Mercury Lounge. Ou o Irving Plaza. Na verdade já nem lembro mais se era do White Stripes o show principal. Mas era um indie grande desses, da época. Com o Kills abrindo.

Uma terceira banda, ainda menor, estava tocando quando cheguei ao lugar, que estava meio vazio (ou meio cheio, depende). De repente, atravessando o salão do clube, com bebidas na mão, vinda obviamente do bar, reconheci que era “a mina do Kills”, a Alison Mosshart, meio apressadinha. Provavelmente levando bebidas que ela tomaria no palco.

Pensei ser um bom momento para abordá-la e falar se sabia da tal entrevista “combinada”. Interceptei-a com um “Hey, Alison”. Talvez achando que estivesse sozinha num castelo abandonado, Alison tomou o maior susto do mundo e derrubou toda a bebida que estava nas mãos. Antes de eu terminar qualquer frase, ou me desculpar oferecendo novos drinks a ela, a menina seguiu rumo ao camarim e só apareceu de novo aos meus olhos no palco, cantando. Com uma garrafa de cerveja na mão.

Mais de dez anos indies depois, estão aí, juntos, a Alison Mosshart e o dono do White Stripes, o Jack, na mesma banda, o Dead Weather, prestes a lançarem o terceiro álbum. “Dodge and Burn”, que sai oficialmente amanhã.

Estamos acompanhando aqui na Popload o lançamento aos poucos das novas músicas, que vão formar o novo disco. Mostradas em vídeos ao vivo do Dead Weather. Hoje soltaram mais uma dessas, a esperta “Be Still”, que começa estranha e acaba estranha e espetacular. Esse novo disco do Dead Weather, arrisco dizer pelo que temos ouvido, é infinitamente superior aos outros dois anteriores. Dead Weather mostrando que, realmente, é supergrupo.

>>