Em billie eilish:

Miley Cyrus está oficialmente de volta, depois da turbulência. E fez cover de Billie Eilish

>>

* A hoje veterana cantora pop Miley Cyrus, ex-ídolo teen, cruzou passos ontem na Inglaterra com a hoje ídolo teen Billie Eilish, durante gravação de session para a Radio One, uma das emissoras lindas da BBC.

Depois de um pouco sumida do rolê, se recuperando de términos traumáticos e uma perda de casa também sofrida nos incêndios de Malibu, Cyrus aponta para o futuro com o lançamento de seu álbum-reafirmação “She Is Miley Cyrus”, ainda sem data certa de lançamento.

Desse seu sétimo disco de sua carreira já temos um primeiro single, lançado recentemente, que é o “Midnight Sky”, música inclusive mostrada em performance especial no último final de semana em Nova York na cerimônia do outrora importante prêmio Video Music Awards, da MTV. Das mais elogiadas do evento.

“Midnight Sky” também foi mostrada na session para a Radio One, especial para o programa multimídia “Live Lounge”. Mas o que botamos para rodar abaixo é a cover (sempre tem uma) de Miley Cyrus para “My Future”, musicaça das novas da Billie Eilish.

É Miley Cyrus, de volta depois da turbulência, querendo a parte dela do futuro. Ficou lindona a versão, o jeito, a pegada impressa por Cyrus para a pequena obra da Eilish.

>>

Billie Eilish faz uma Tiny Desk de mentirinha para uma performance bem boa e real

>>

Captura de Tela 2020-08-27 às 5.17.42 PM

* Aí que a musa do indie paralelo Billie Eilish vai e mexe lindamente com uma das nossas instituições prediletas, a série “Tiny Desk Concerts”, da NPR, o conglomerado de rádios americanas NPR, que faz esse famoso programete virtual desde Washington DC.

Obviamente neste momento de quarentena Eilish fez sua performance de sua casa, num cenário normalzão de escritório que num momento até parece mesmo o escritório do grande Bob Boilen, que atua em várias mídias e músico ele-mesmo, fora ser o sujeito que criou tanto o “Tiny Desk” quanto o maravilhoso programa “All Songs Considered”.

Mas Billie, acompanhada do irmão-produtor Finneas, foi fofa demais de fazer uma versão da Tiny Desk real em cartolina, para encenar em uma realidade de mentirinha a incrível série da NPR.

O resultado é muito bom tanto no visual quanto na música. A ícone pop destes tempos tocou a linda “My Future”, cantando e tocando piano a canção que ela já tinha mostrado na Convenção dos Democratas dos EUA, semana passada, ao vivo pela primeira vez.

Tanto semana passada quanto desta vez, teve discurso. Agora Billie falou umas palavras sobre a pandemia e o estado de estar quarentenado esperando ela ir embora. “Vamos ficar bem um dia, talvez não por agora.”

Depois de erra o nome do irmão na apresentação, “Vinneas”, ela mandou como segunda música “Everything I Wanted”, desta vez com Finneas no piano (a primeira ele tocou piano e fez backing vocals).

Em resumo: tudo f•da!

***

* Nesta semana, acho que segunda-feira, já tinhamos colocado aqui outra Tiny Desk muito boa e também à distância, só que da Austrália e feito pelo Tame Impala. Lembra?

>>

Em convenção dos Democratas, Billie Eilish pede voto “contra Trump” e promove estreia de “My Future” ao vivo

>>

200820_billie2

Notícia que trouxemos por aqui ontem, a menina fenômeno Billie Eilish foi uma das principais atrações na Convenção Nacional dos Democratas, se posicionando e inclusive encorajando seus fãs a votarem em Joe Biden na corrida presidencial da América.

Eilish, que tem 18 anos e vai votar pela primeira vez, participou remotamente com seu irmão Fineas e mostrou também pela primeira vez ao vivo a canção “My Future”.

Não bastasse a apresentação artística, ela gravou um vídeo direito, em que diz que Trump está destruindo o país. “Você não precisa de mim para dizer que as coisas estão uma bagunça”. Ela ainda destacou em seu discurso que o país precisa de líderes que se importem com as mudanças climáticas e a pandemia. “Comece votando contra Donald Trump e a favor de Joe Biden”.

A apresentação de “My Future” e o depoimento franco de Billie podem ser conferidos abaixo.

>>

Billie Eilish “goes political” e vai cantar hoje na convenção do partido democrata nos EUA

>>

* A cantora-fenômeno teen americana Billie Eilish é uma das atrações musicais desta noite na Convenção Nacional dos Democratas, que vai ser transmitida a partir das 22h (nosso horário) no site demconvention.com.

Na agenda dos acontecimentos, Eilish vai cantar uma canção às 22h15, entre as falas da senadora do estado de Massachusetts e que foi pré-candidata à presidência Elizabeth Warren e da Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos.

A noite ainda vai ter discurso do ex-presidente Barack Obama e da ex-secretária de estado dos EUA Hillary Clinton, além de outra pequena performance sonora da cantora e atriz Jennifer Hudson.

Ainda não está claro qual música será cantada por Billie Eilish, 18 anos, na convenção. Por seu caráter declaradamente anti-Trump, o Twitter aposta que ela vai mandar um “Bad Guy” bem mandada.

A ver. No fim da noite certamente teremos o vídeo disso.

eilish2

>>

Billie Eilish começa triste, mas depois ama o futuro dela em ótima música nova

>>

Captura de Tela 2020-07-31 às 1.14.45 AM

* Finalmente a cantora pop-teen-sensação soltou sua música nova, “My Future”, a primeira desde o tema do James Bond, revelado em fevereiro. Para os fãs de música pop feminina, a temporada anda bonita. Disco novo indie da Taylor Swift, livro-disco de poesia da Lana Del Rey, remix arrasa-pista da Dua Lipa (como se a gente tivesse alguma para ir) e esta música inédita da Billie Eilish.

“My Future”, o single, vem acompanhado de um vídeo de animação bem fofo. Tanto música quanto a historinha podem ser “lidas” como uma superação, tanto pessoal de Billie a caminho à adultecência quanto universal, de um mundo pandêmico. “My Future” foi composta no começo da pandemia.

billie1

A música tem duas partes. A primeira, super mellow, com um pianinho muito ao fundo e Billie solando com sua voz absurda quase sussurando. Foi a parte triste. Depois entra uma batidinha de música romântica de FM antiga, com o vocal mostrando a moça quase a esquisitinha a qual a gente se acostumou a ouvir, mas sem ser descontrol.

O vídeo mostra ainda a aranha de estimação de Billie Eilish, que ela sempre traz. Em animação, claro. E mostra também seu tênis Nike bem destacado, porque Billie e a aranha precisam comer, afinal de contas.

Olha o 2020 da Billie Eilish. Cinco Grammys, uma cover de Beatles no Oscar, uma música para o 007, uma interrompida turnê em arenas americanas sold-out e uma pandemia colossal. E, com um presente deste, ela compõe “My Future”, com produção de seu irmão protetor, o Finneas. Tá bom, né?

>>