Em brittany howard:

Não basta ser uma das rádios mais legais do planeta. A inglesa 6Music tem ainda um festival incrível. Veja Black Midi, Brittany Howard, Kim Gordon e a rapa, tudo ao vivo

>>

* Sai pra lá, Corona!

6music

Não sei se você já escutou ou escuta, mas deveria. Tem uma rádio do gigantesco conglomerado inglês de comunicação BBC, só digital, fora do dial britânico, que se chama 6Music. Funciona por satélite, TV digital e… bem… internet.

A BBC 6Music, ou BBC 6, é um dos maiores celeiros de música genuinamente independente do planeta. Foi criada em 2002 como projetinho online da BBC para testar esse negócio de internet, mas desde os meados da década, principalmente quando poperizaram de vez a Radio 1 e botaram o DJ herói Steve Lamacq para ser exclusivo dela, a coisa ficou séria. Lamacq tem um programa diário, toda tarde da Inglaterra, hora do almoço.

((Neste mesmo minuto em que escrevo, Lamacq está tocando um Nick Cave ao vivo.))

Tem outras maravilhas na 6Music: as incríveis DJ Mary Anne Hobbs e Lauren Laverne é da 6Music. Outra do time das mulheres incríveis da emissora é a galesa Cerys Matthews, que um dia cantou na banda Catatonia (sdds!).

O Iggy Pop tem programa lá. O Don Letts também. O Jarvis Cocker vira e mexe apresenta algo na 6Music. O Cillian Murphy, o principal do seriado campeão “Peaky Blinders”, também.

((Lamacq tocou agora Squid (manja Squid!!!!, novinha, de Brighton) e na sequência uma das novas lindas da francesa Christine and the Queens.))

Bom, toda essa divulgada linda e gratuita para a 6Music apenas para falar que eles têm um festival indie pequeno incrível.

((Bom, no Lamacq já entrou agora um Human League antigão e nada óbvio. Para depois vir a nova do Gbostpoet, a absurda “Concrete Pony”.))

O 6Music festival do ano passado, olha o naipe, rolou em Liverpool e teve Fontaines DC, Idles, Anna Calvi, Hot Chip, Little Sims, Slowthai, Charlotte Gainsbourg e uma série de outras atrações.

O deste ano aconteceu agora, neste final de semana, em Londres, ocupando em dois dias a sensacional casa Roundhouse, de Camden Town. A edição 2020 teve no line-up gente como Black Midi (showzinhos aqui logo mais), Kate Tempest, a Brittany Howard, a Jehnny Beth solo (do Savages, na foto lá em cima), a Kim Gordon, o Bombay Bycicle Club e o EOB, o projeto solo do radiohead Ed O’Brien (a imagem da home da Popload), entre outros nomes.

Aqui a gente tem alguns videozinhos, um áudio e um trecho especial de uma discotecagem para mostrar.

>>

Brittany Howard passa por Seattle e nos deixa uma session linda de presente

>>

* Se tudo soa lindo nas sessions da KEXP, imagina uma da Brittany Howard, então.

Captura de Tela 2020-01-27 às 11.56.07 AM

Na divulgação de seu disco solo “Jaime”, lançado em setembro do ano passado, a cantora do Alabama Shakes em fase sozinha deu uma passadinha na querida rádio indie de Seattle para uma session massa. As gravações foram em novembro, mas só divulgadas no final de semana pela KEXP.

“Jamie”, o primeiro disco solo de Brittany Howard, é de uma beleza e tanto. Quem ainda não ouviu pode começar por aqui mesmo, pela session. São quatro músicas tocadas em seu melhor momento, superbanda, tudo soando bonito, caprichado.

E o setlist tem o fino do álbum: “Stay High”, “Georgia”, “He Loves Me” e “Presence”.

Brittany atualmente está em turnê pelo Reino Unido, depois vai para os Estados Unidos e se aventura pelo festivais europeus do verão. Quem tiver a chance só vai.

>>

OS MELHORES DE 2019 – O Top 25 da NPR Music

>>

nprlogo

Uma das listas mais respeitadas do meio, saiu o Top 25 de melhores discos do ano pela NPR, a rede pública de rádios dos Estados Unidos, que engloba grandes emissoras importantes na cena alternativa musical.

A publicação elencou nomes como Tyler the Creator, Lana Del Rey e Solange em sua seleção, que foi vencida por Brittany Howard e sua estrela solo, “Jaime”, com o disco em homenagem à sua irmã que morreu vítima de câncer.

Importante ressaltar que a garota fenômeno Billie Eilish não consta no Top 25, algo raro neste 2019. Confira toda a relação abaixo.

Top 25 – NPR MUSIC
1. Brittany Howard — Jaime
2. Angel Olsen — All Mirrors
3. Raphael Saadiq — Jimmy Lee
4. Solange — When I Get Home
5. Aldous Harding — Designer
6. Sharon Van Etten — Remind Me Tomorrow
7. Caroline Shaw / Attacca Quartet — Orange
8. Lankum — The Livelong Day
9. Billy Woods & Kenny Segal — Hiding Places
10. Jenny Hval — The Practice of Love
11. Vagabon — Vagabon
12. Ari Lennox — Shea Butter Baby
13. Our Native Daughters — Our Native Daughters
14. Weyes Blood — Titanic Rising
15. Christian Scott aTunde Adjuah — Ancestral Recall
16. Burna Boy — African Giant
17. Holly Herndon — PROTO
18. iLe — Almadura
19. Lana Del Rey — Norman Fucking Rockwell!
20. Sault — 5
21. Seattle Symphony — John Luther Adams: Become Desert
22. J Balvin & Bad Bunny — Oasis
23. Kris Davis — Diatom Ribbons
24. Tanya Tucker — While I’m Livin’
25. Tyler, The Creator — IGOR

>>

Brittany Howard dá seu show costumeiro em performance de “History Repeats”

>>

261119_brittany2

A incrível Brittany Howard está no meio do trabalho de divulgação de seu primeiro disco solo, o tocante e edificante “Jaime”, que homenageia sua irmã que morreu há alguns anos, vítima de câncer.

A mais recente parada da voz do Alabama Shakes foi no programa do Jimmy Kimmel, onde ela fez uma performance avassaladora do single “History Repeats”, canção que abre o disco.

O álbum solo de Howard foi o primeiro trabalho dela em estúdio em quatro anos, quando foi lançado o disco “Sound & Color”, de sua também incrível banda.

>>

Pop e Indie na mesinha: Taylor Swift e Brittany Howard mostram novas músicas em sessions intimistas

>>

161019_taylor2

Duas das cantoras mais bombadas de suas cenas nos últimos tempos, Taylor Swift e Brittany Howard estiveram recentemente no Tiny Desk Concert, projeto de sessions intimistas da rede de rádios norte-americana NPR.

Divulgando seu novo álbum, “Lover”, Taylor meio que retomou suas raízes e cantou com seu violão canções desse novo álbum, entre elas “The Man” e a faixa título. Ela ainda botou no set a faixa “All Too Well”, do álbum “Red”, de 2012.

161019_brittany2

Já Brittany, que lançou há algumas semanas o álbum solo “Jaime”, em homenagem à sua irmã que morreu vítima de câncer quando as duas eram adolescentes, apresentou sons como “Stay High” e “Georgia”.

As duas sessions, lindas, podem ser conferidas abaixo.

>>