Em bruce sprinsteen:

Bruce Springsteen se rende a Lorde e bota gaita em "Royals"

>>

Screen Shot 2014-03-03 at 12.33.06

* Para quem já tocou Raul Seixas e cantou “Sociedade Alternativa” em português, até que está tudo certo.

Com o hábito de escolher uma música local para fazer cover-homenagem em cada país que atravessa com sua turnê, o veteraníssimo roqueiro Bruce Springsteen não teve outro jeito a não ser se render à garotinha Lorde para emular seu big hit mundial “Royals”, a música mais tocada no planeta nos últimos seis meses. Isso aconteceu, claro, num show do herói do rock proletário americano em Auckland, na Nova Zelândia, terra da pequena heroína não-ostentação do pop.

Springsteen interferiu um pouco no andamento de “Royals”, “interpretou” a letra a seu modo, socou o violão para reproduzir as batidas da música e meteu uma gaita na canção. Achei sincero quando ele cantou a parte “And I’m not proud of my addressssss”. O resultado foi bonito. Lorde deve ter ficado orgulhosa.

>>

Bruce Springsteen se rende a Lorde e bota gaita em “Royals”

>>

Screen Shot 2014-03-03 at 12.33.06

* Para quem já tocou Raul Seixas e cantou “Sociedade Alternativa” em português, até que está tudo certo.

Com o hábito de escolher uma música local para fazer cover-homenagem em cada país que atravessa com sua turnê, o veteraníssimo roqueiro Bruce Springsteen não teve outro jeito a não ser se render à garotinha Lorde para emular seu big hit mundial “Royals”, a música mais tocada no planeta nos últimos seis meses. Isso aconteceu, claro, num show do herói do rock proletário americano em Auckland, na Nova Zelândia, terra da pequena heroína não-ostentação do pop.

Springsteen interferiu um pouco no andamento de “Royals”, “interpretou” a letra a seu modo, socou o violão para reproduzir as batidas da música e meteu uma gaita na canção. Achei sincero quando ele cantou a parte “And I’m not proud of my addressssss”. O resultado foi bonito. Lorde deve ter ficado orgulhosa.

>>