Em chapecoense:

Capa triste do “Sgt. Peppers”, reinventada com astros que nos deixaram em 2016, foi atualizada até com a Chape

>>

No início deste mês, mais precisamente no dia 9 de dezembro, a Popload e outros diversos sites e blogs web afora divulgaram uma triste arte feita pelo ilustrador Christhebarker, que reinventou a capa do icônico disco “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”, dos Beatles, com personalidades que nos deixaram neste ano, além de outros fatos sociais agora históricos, tipo o Brexit (e o fim do Toblerone como o conhecemos).

Acontece que, com 2016, o jogo só acaba quando termina, e a arte, veja bem, precisou ser atualizada. Triste. Com as mortes recentes do astro pop George Michael e da famosa atriz Carrie Fisher, além da nossa Chapecoense, a capa, que já tinha Bowie, Leonard Cohen, Gene Wilder, Prince e Sharon Jones, ficou assim…

281216_sgtpeppers12

* E após este post, durante a madrugada, a imagem foi atualizada mais uma vez, infelizmente. Agora com a consagrada atriz Debbie Reynolds, mãe de Carrie Fisher que morreu apenas um dia após a filha. As duas aparecem iluminadas pelo R2D2, robô de Star Wars (tanto o ator que interpretava o robô quanto o designer que o construiu também morreram em 2016):

C01D2WZWQAAMoNL

* A capa “velha”, que saiu no início do mês.

>>

O Guns N’ Roses, o Black Sabbath e a Chapecoense

>>

* No meio da comoção mundial pelo trágico acidente de avião que vitimou o time inteiro da Chapecoense, mais jornalista etc., a banda americana Guns N’ Roses misturou estações (música e futebol) e fez um vídeo tocante para mostrar apoio ao clube catarinense, tendo como trilha sonora a canção “Knockin’ on Heaven’s Door”, single de Bob Dylan e largamente apropriada pelo grupo de Axl Rose e que virou símbolo das passagens de mundos, digamos. Bem bonito por parte do Guns.

** Geezer Butler, baixista da banda Black Sabbath, que se apresenta no Brasil nesta semana, também prestou uma homenagem em seu tweet à Chape, mostrando luto.

>>