Em circo voador:

Devendra Banhart já está entre nós para o Popload Gig. Fotos, vídeos e o setlist do show no Circo Voador

>>

070917_devendra2

Foi no mítico Circo Voador que o distinto Devendra Banhart iniciou sua série de shows no Brasil na noite de ontem. A cidade, envolvida com a final da Copa do Brasil, tirou um tempinho para o indie esperto do norte-americano de alma latina, que a partir de hoje inicia também sua participação em quatro edições do Popload Gig.

Devendra está no país para mostrar a turnê do disco “Ape in Pink Marble”, lançado ano passado. O show, dentro do Popload Gig, passa por Recife neste feriado de 7 de setembro, Salvador (8), São Paulo (12) e Curitiba (13). A banda O Terno vai abrir a apresentação em SP. O músico, amigo do Caê e bro do Amarante, também vai tocar em BH (10) e Porto Alegre (14).

Abaixo, alguns registros em fotos, vídeos e o setlist do show da noite de ontem em terras cariocas.

070917_devendra_setlist

>>

Em show épico, Wilco inicia no Rio sua minitour no Brasil. Amanhã é Popload Festival o/

>>

* Cânticos de futebol, o César (!) da plateia subindo ao palco para tocar guitarra com a banda, doses desenfreadas de emoção músicos-audiência. O Circo Voador, casa mágica de shows ao vivo do Rio de Janeiro, viveu ontem à noite mais uma de suas noites épicas. Nada menos do que o esperado.

wilco2

Não sou eu quem estou dizendo isso tudo, nem estive lá. Mas “épico” aparece na esmagadora maioria dos relatos do show que a veterana e cultuadíssima banda americana Wilco fez ontem no Rio, na primeira de suas três paradas brasileiras, corrigindo um erro histórico de ter tocado no país uma vezinha só, no saudoso Tim Festival de 2005, uma tumultuada e inesquecível apresentação no Museu de Arte Moderna, do próprio Rio de Janeiro.

O Wilco agora se apresenta no Popload Festival, em São Paulo, amanhã, sábado, e faz um show íntimo no Auditório do Ibirapuera, no domingo. Depois disso, quando será que veremos de novo essa que é uma das bandas mais ricas da história da música independente? Vai saber.

“Sério agora. A gente geralmente não gosta muito da maioria das plateias”, confessou ontem um Jeff Tweedy visivelmente emocionado, antes de tocar a linda “The Late Greats”, hit indie clássico do grupo, do álbum “A Ghost Is Born”, lá de 2004. A música fechou a primeira parte do show do Circo, antes das duas voltas ao palco para mais cinco músicas no total. “Mas, sério mesmo, vocês são uma das plateias mais fantásticas para qual já tocamos. Vocês são quase muito bons. Me sinto um pouco culpado (por achar isto)”, disse Tweedy, meio zoando, meio falando bem sério.

Veja uma série de vídeos incríveis do show do Wilco ontem no Circo Voador, todos do Cristiano Souza. Tem mais no Youtube dele.

Veeeeeeeeeeem, Wilco!!!

Wilco Setlist Circo Voador, Rio de Janeiro, Brazil 2016, Schmilco World Tour

** As fotos deste post são do músico André Paixão (o Nervoso), do Rio.

>>

“Improvável”, Tame Impala faz Circo Voador voar. Amanhã é no Popload Festival, em SP

>>

* Algumas coisas sobre o show do Tame Impala no Rio de Janeiro, ontem à noite, dentro do Circo Voador, parceria de sempre com a galera ativa do Queremos. Esse combo todo não tem como dar errado.

Primeiro que eu não entendi até agora por que p*rra eu não peguei um avião e não fui nesse show.

Screen Shot 2014-11-27 at 11.04.29

Outra é que adoro ir ao Twitter ver o que achou a galera que teve a sorte de ir ao show, qualquer show, principalmente um Tame Impala no Circo Voador, lugar de magias sonoras. Assim, você colhe depoimentos na fonte, no calor do momento ou logo após, gente que sai do concerto e só pensa em postar para a humanidade a emoção ou decepção de ver o que viu, ouvir o que ouviu.

Neste caso específico, com todas as referências a cores e psicodelia à performance da especialíssima banda australiana, vi coisas como:
– “O Tame Impala foi fantástico, senti o Circo decolar”
– “O Tame Impala fez o Circo voar”

Talvez o que eu mais tenha gostado foi de um amigo que soube que foi ao show de ontem e mandei uma mensagem, perguntando. E ele disse, apenas, e desse jeito: “O show do Tame Impala ontem foi I.M.P.R.O V.Á.V.E.L.”.

Entendo o que ele quer dizer.

>>

You really giving me a lovely time tonight. Metronomy no Rio. Semana que vem é em SP

>>

* I’ve gotta beam my message to you.

IMG_3439

* O grupo inglês Metronomy, um certo electropop com guitarras que tem cheiro de new wave na linha Devo romântico (ok, ok!), está longe de ser uma das melhores bandas da história da música pop. Mas como é encantadora. O show de ontem do “mágico” Circo Voador, estampado pelo selo do Queremos, fez parte da turnê latina que vai descambar no Popload Festival, em São Paulo, semana que vem. E foi daqueles que faz valer a experiência de estar vivo, respirando, nesta experiência na Terra, não menos que isso. Músicas gostosas, banda cada vez melhor ao vivo, letras fofas por todo lado, galera animada e receptiva.

A esta altura da banda e de sua terceira visita ao Brasil, sempre com a Popload “suspeitamente” envolvida, replico o que sempre diz uma pessoa muito querida a respeito de qualquer coisa que mereça a frase, para o bem ou para o mal: O que dizer do Metronomy?

IMG_3454

O Metronomy autografando pôsteres ontem no Rio, depois do show no Circo Voador

>>

>>

Biffy Clyro no Rio, ontem. Biffy Clyro em São Paulo, hoje

>>

171014_biffy2

Uma das bandas mais pesadas do indie nos dias de hoje está no Brasil para sua primeira turnê no país. O Biffy Clyro, banda escocesa amada pelo Dave Grohl, está na região para apresentar seu novo álbum de faixas lado B com cara de lado A, “Similarities”, lançado em julho passado. O registro reúne 16 b-sides gravadas na era “Opposites”, o discaço duplo que eles soltaram no início de 2013, que foi parar direto no topo das paradas britânicas. Enquanto “álbum cheio”, este é o sétimo da carreira do trio, que tem no currículo alguns EPs bem bons também.

Desde 2013, o grupo escocês (que mistura um pouco de hardrock, um pouco de psicodelia e um pouco de indie pop no seu som tocados por caras tatuados e descamisados como se fosse uma banda de metal) vem em uma incrível ascendente. Venceu o NME Awards de “Melhor Banda” e foi headliner do último Reading & Leeds em 2013, por exemplo.

O show de ontem no famoso Circo Voador, no Rio de Janeiro, recebeu público modesto para o tamanho do talento da banda. Mas foi tudo muito intenso e pesado, relata quem foi. O grupo tocou 21 canções em apresentação que durou mais de uma boa hora e meia.

Durante o dia, deram um rolê pela cidade, como dá para ver na foto postada pelo grupo em seu Twitter.

171014_biffy1

* Hoje, o compromisso do Biffy Clyro é em São Paulo, em show no Audio Club, que no fim de novembro sedia o Popload Festival, na Barra Funda. Ontem, no Rio, o setlist foi o seguinte, “conquistado” por um fã.

171014_biffysetlist

** A foto do show é da página Biffy Clyro Brasil, no Facebook.
Do setlist é do fã Victor Marques

>>