Em citizens:

MECA Festival: o teaser e o Aldo The Band confirmado

>>

* O primeiro festival brasileiro a acontecer em 2015, o ótimo MECA Festival gaúcho, que tem braços em São Paulo e Rio, divulga hoje um teaser da turma gringa que estrela o evento neste ano.

A diva indie La Roux, o duo Aluna George, o quinteto Citizens! e o trio eletrônico Years&Years são as atrações internacionais do MECA 2015, que acontece no hotel-fazenda de Maquiné (Rio Grande do Sul), no próximo dia 17, no dia seguinte na Estação Leopoldina, no Rio, e depois dia 24, no Hangar 001 (Campo de Marte), em São Paulo.

ALDO by JOSÉ DE HOLANDA-0160(1)

A boa esquadra brasileira tem as seguintes atrações nacionais confirmadas:

Maquiné: Eric Endres e Wannabe Jalva
Rio de Janeiro: Pearl Negras, Glass n´Glue e Mahmundi
São Paulo: Aldo the Band (foto acima), Wannabe Jalva e Glass n´Glue

Eric Endres é um verdadeiro guitar hero brasileiro. Tem 17 anos. O Wannabe Jalva, hoje, é a mais americana das bandas brasileiras. Carreira americana, quero dizer. O Pearls Negras é um impressionante trio de hip hop do Morro do Vidigal, no Rio, três garotas novinhas mais conhecidas na Inglaterra que em São Paulo, por exemplo. O Glass n’Glue é um talentoso grupo indie de gente bonita também do Rio. Outra atração carioca é o Mahmundi, bem interessante projeto electropop de Marcela Vale. E agora se junta à turma os caras do Aldo, prediletos da casa, uma das melhores bandas indie-eletrônicas do Brasil, ao vivo ou em disco. Aliás, o segundo disco do Aldo deve sair em março, então algumas músicas novas podem aparecer no show de SP, pelo MECA.

O teaser do festival ficou assim:

** Fotos do Aldo do post e da home da Popload são de José de Holanda.

*** Info de ingressos para o show de São Paulo, aqui.
>>

Festival indie-eletrônico gaúcho traz Citizens!, mas deve liberar só Friends e Flight Facilities para São Paulo

>>

* Popload em Nova York. De olho nas (coisas) gaúchas.

* O incrível MECA Festival, evento que chama os indies para a praia e já foi apelidado por “alguém” como o “Benicassim brasileiro” (sempre uso essa, haha), anunciou nesta semana sua programação de 2013, quando rolará sua terceira edição. O festival, que já teve Vampire Weekend e Two Door Cinema Club (2011) e Rapture e Mayer Hawthorne (2012), entre outros, acontece no dia 26 de janeiro num hotel-fazenda Pontal, numa região não por acaso chamada de Xangri-la, que fica a 10 minutos do centro da badalada praia de Atlântida e 1h20 de Porto Alegre. Atrás do palco principal do Meca tem o belo lago Pontal.

O MECA, repaginado para receber 6 mil pessoas, vai importar em 2013 um elenco de bandas menores que suas últimas edições, mas não menos deliciosas. São elas:
* Flight Facilities – duo australiano de disco, meio revival de dance anos 80, dupla amiga da galera do Tame Impala e que cravou em 2012 a fofa “Crave You”
* Citizens! – Já que é para citar as turmas, essa banda aqui, de Londres, é produzida pelo Alex Kapranos. Inclusive se vestem e penteiam os cabelos como o Franz Ferdinand. Estão no cast do selo francês cool de indie-eletrônico Kitsuné e fizeram uma das músicas mais bacanas do ano, a “True Romance”. Precisa de mais recomendações?
* Friends – Este quinteto, mais famosinho, são três-minas-dois caras do Brooklyn, NY. Precisa de mais recomendações?
* Dragonette – Banda canadense já “rodada” para os padrões indies, que lançou há pouco tempo o terceiro álbum, o agitado “Bodyparts”.
* Zulu Winter – Banda “certinha” da nova safra já catalogada de “pós-Vaccines” do rock inglês. São adoradas pelo fanfarrão Zane Lowe, DJ da Radio One, e fazem a linha Duran Duran dramático, haha. Boa escolha.

O grupo inglês Citizens! vem ao Brasil para festival no Sul. São Paulo, só no aeroporto…

Dessas, o Friends e o Flight Facilities devem tocar em São Paulo apenas, em datas perto de 26/1. Os “shows paulistanos” do Meca vão ser anunciados no começo da semana que vem. Vamos acompanhar.

A parte brasileira do Meca também está por ser divulgada.

Para o evento em Shangri-la, parece que os ingressos estão à venda em Porto Alegre, tipo em lojas do Shopping Iguatemi e Barra Shopping Sul, e ainda na Complex, o bacanudo complexo pista/restaurante/loja/balada da capital gaúcho. A venda online deve ser anunciada no site do festival em breve.

>>

Todos os beijos do Citizens!: na cova, na blitz, com baba, algemado, no quebra-quebra, dirigindo em velocidade…

>>

* Estou falando que vivemos uma “retomada” das bandas novas boas da Inglaterra.

* Música linda de morrer, banda bem boa, vídeo sensacional e “com história”. Ouça sem parar (e veja o vídeo) a música “True Romance”, single de 2011 da banda Citizens! que ganha sobrevida à francesa na versão remix “Gildas Kitsuné Club Night”. A canção original deste quinteto de Londres já era bonita, mas agora ficou um arraso. Com o vídeo dos beijos, então… French do it better!

Ah. A banda é produzida pelo Alex Kapranos, do Franz Ferdinand. E “True Romance” é o single que puxou o bacana disco de estréia da banda indie “com levada de Bowie anos 80”, o álbum “Here We Are”, lançado no meio do ano.

O vídeo é inspirado em famosa foto que correu o mundo no ano passado, quando um confronto entre a torcida e furiosos (porque frustrados) torcedores de um time de hóquei de Vancouver provocou uma quebradeira punk na cidade canadense. Na imagem marcante, cenas de tumulto, polícia e tudo mais nas ruas, enquanto um casal deitado no asfalto se beija como se não houvesse amanhã. Daí, o vídeo do Citizens no remix afrancesado ficou assim.

>>

Santigold e Best Coast puxam noite indie em Londres para clube de 300 pessoas

>>

* Um dos clubinhos mais famosos do mundo, o 100 Club, situado na Oxford Street, em Londres, recebeu terça passada uma noitada indie espetacular, com uma festa chamada Represent, na verdade uma ação da marca cool de tênis Converse.
O Converse Represent recebeu, seguidos, na mesma noite, apresentações ao vivo de Santigold, Best Coast, a banda americana Friends, do Brooklyn, o esperto grupo psicodélico escocês Django Django e os bombados Citizens!, de Londres.

Pensa tudo isso num lugar que cabem pouco mais de 300 pessoas, quase 1/5 do tamanho do Cine Joia, por exemplo

O 100 Club, que já teve show dos Rolling Stones, The Clash e Sex Pistols, foi inaugurado em plena Segunda Guerra Mundial, na capital inglesa. Em 1942, para ser exato. Em 2010, o clube estava decretando falência. Mas o Paul McCartney, a Nike e a Converse não deixaram esse patrimônio do rock mundial fechar suas portas.

Da festança indie de terça, da Santigold só achei a foto acima. Mas o restante das atrações está bem representado nos vídeos abaixo.

>>