Em CRIA:

CENA – Com lambada indie e o insólito duo promissor 2DE1, festival de música e arte CRIA acontece em SP em setembro

>>

popload_cena_pq

2de1

* Já teve em seu palco o ótimo grupo goiano Carne Doce, recebe anualmente feiras e negócios locais de São Paulo e em sua quinta edição vai contar com mais uma porção de  shows incríveis de tão diferentes entre si, fiel retrato da produção indie atual, atirando para todos os lados. Dia 24 de setembro, em São Paulo, o atuante selo multitarefas Freak arma mais uma realização do Festival CRIA, tendo como destaques, entre várias atrações confirmadas, dois duos insólitos: o festeiro alagoano Figueroas e o talentosíssimo paullista 2DE1 (foto acima).

Num misto de evento cultural e festival de música, a junção de conceitos do Freak, o CRIA, abreviação CRIAtiva (hummm) de Coletivo de Realização e Criação Artística, chega novamente à Casa das Caldeiras e, entre feira gastronômica, feira de discos, exposições, workshops e oficinas, faz rolar ainda shows da nova cena indie para ficar de olho. Raça, Garotas Suecas, Mel Azul, Marcia Novo, 2DE1 e Figueroas estão fechados para atuarem na parte musical da tarde de domingo.

Das bandas, fica um destaque especial para a dupla 2DE1. Formado em Santos, o duo de MPB com toques R&B e uma pitada de eletrônico lançou seu primeiro álbum em 2017 e já chamou atenção não só pela pinta diferentona que tem nos vídeos e ao vivo, mas também pelas ótimas músicas e arranjos. Outro ponto para destacar é que a 2DE1 é formada por irmãos gêmeos, Fernando e Felipe, um hétero e outro gay, que decidiram usar a música para quebrar, com muita classe, o normativismo do que a maioria das pessoas entende por amor.

De Alagoas, Figueroas é outra atração para bagunçar conceitos na nova música. Com dois discos lançados, sua lambada quente fez até indie dançar e fã de hardcore bater o pé. Descoberto pelo famoso selo capixaba Laja Records, a dupla formada por Givly Simons e Dinho Zampier lançou seu primeiro disco em 2015 com o título de “Lambada Quente”, em 2016 divulgou um EP em espanhol e, mais recentemente, um novo álbum, o animado “Swing Veneno”.

Meio com a cara de mini-Picnik (o famoso festival do Distrito Federal), o Cria vem misturando mais uma vez um pouco dos braços do mercado criativo local, da música até os menores e mais artesanais negócios de viés independente. Como dizem eles, uma junção de crias, criadores e criaturas.

Mais informações sobre o festival podem ser encontradas em seu evento oficial no Facebook. Um vídeo com um pouco da edição passada pode ser conferido logo abaixo também:

>>

CENA: Carne Doce, de Goiânia, encabeça dois festivais indies em SP

>>

cena

* Destaque da mais que destacada cena goiana de bandas independentes e num atual gás de shows por causa do lançamento recente de seu belo segundo disco, “Princesa”, o Carne Doce vai protagonizar dois festivais em São Paulo, foi anunciado nesta semana.

salma

* FESTIVAL CRIA – Festival anunciado já para o dia 9 de outubro, na Casa das Caldeiras, produzido pelo núcleo de agitadores e bandas e selo e coletivo Freak. Vai ter shows, DJs, feira gastronômica, filmes, mercado de arte e moda, exposições, palestras e lançamento de revista.

O CRIA vai acontecer das 15h às 22h. O evento, no Facebook, está aqui.

Além do Carne Doce, vão se apresentar as bandas Strobo (Pará), FingerFingerrr, Cupin, Raça e Monza.

* SECRET FESTIVAL – Acontecendo em São Paulo e Curitiba, o festival que ainda não divulgou seu local (secret!) soltou suas duas atrações, para o evento, e firmou novembro como data de sua realização. A produção do Secret apenas afirma que o evento vai rolar em um casarão da década de 30 com capacidade para duas mil pessoas.

O quinteto Carne Doce mais a carioca Mahmundi se apresentam pelo festival no dia 6/11. Em Curitiba, a edição-extra é antes, no dia 4/11, e só Mahmundi está confirmada na escalação. Nas duas cidades, o evento terá seis atrações cada. O local, só com apenas 48 horas de antecedências do festival.

O Secret é inspirado no Sofar Sounds, uma política de encontros musicais em shows íntimos. O festival, que acontece desde 2012, já teve como sedes o Centro Cultural Rio Verde, a Red Bull Station e o Estúdio Trama, respectivamente. Inky, Tiê e O Terno já se apresentaram no Secret.

O ingresso do Secret Festival, em seu primeiro lote, sai por R$ 70 e pode ser comprado no site do evento.

*** A foto que abre este post e a da home, da Salma Jô (Carne Doce) atuando, foram tiradas do Instagram da banda.

>>