Em debbie harry:

Spoiler Alert: tudo o que você precisa saber e que a Heineken pode te contar sobre o show do BLONDIE no Popload Festival!

>>

****
Esta série de posts tem apresentação da marca de cerveja Heineken, mais uma vez junto do Popload Festival!
****

BLONDIE_popload_festival

OMG: faltam TRÊS dias! T.R.Ê.S. Neste feriado, faça chuva ou faça sol, estaremos no Memorial da América Latina, em São Paulo, para passar o dia com Lorde, Blondie, Death Cab For Cutie, MGMT, At The Drive In, Mallu & Tim e Letrux na sexta edição do Popload Festival! Melhor feriado desde o Popload Festival do do ano passado.

Nesta série de posts, damos uma olhada no que as bandas têm feito, postado e tocado por aí antes de chegarem ao Brasil. Já fizemos um especial da Lorde e outro do Death Cab For Cutie. Agora, chegou a vez da trupe da Debbie Harry. O que esperar desse show INÉDITO do Blondie no Brasil, hein???

UMA BREVE HISTÓRIA

Pioneiro na emblemática cena new wave e punk nos anos 70 em Nova York, o BLONDIE está prestes a comemorar 45 anos de carreira! Formado em 1974 pela cantora e musa Debbie Harry ao lado do guitarrista Chris Stein e do baterista Clem Burke, o grupo emplacou uma série de hits inesquecíveis que influenciam bandas até hoje, como “Heart of Glass”, “Call Me”, “Rapture” e “One Way or Another”. Dos lendários shows na boate CBGB’s, em Nova York, a festivais recentes, como o Coachella, Blondie vendeu mais de 40 milhões de discos pelo mundo e jamais perdeu a relevância.

Já sabia de tudo isso? Sem problemas: temos outros muitos fatos sobre a banda para você descobrir. Um cursinho-intensivo de Blondie by Popload, em menos de seis minutos:

SETLISTS RECENTES

São 45 anos. Muitos álbuns, inúmeros hits. Um disco novo excelente. É difícil equilibrar tudo isso em um setlist perfeito (isso existe?), mas misturamos as músicas de alguns shows solos da turnê com as dos shows menores, para ficarmos na média das músicas mais tocadas. O resultado foi este abaixo. As cinco últimas* aparecem em alguns shows, mas com menos frequência em festivais:

One Way or Another
Doom or Destiny
Hanging on the Telephone (The Nerves cover)
Fun
Call Me
Rapture
The Tide Is High (The Paragons cover)
Long Time
Atomic
Heart of Glass
****
Gravity
Maria
Too Much
Dreaming
Fragments (an Unkindness cover)

PLAYLIST

Uma playlist completa com o setlist acima, na ordem!

BLONDIE NO INSTAGRAM

****
Debbie & Debbie by Andy Warhol
****

****
Esta versão deluxe e linda de morrer de Heart of Glass!
****

****
#tbt, né?
****

****
Alguns anos depois…
****

****
Uma MUSA é uma MUSA…
****

****
E este mural do Blondie em Nova York? By Shepard Fairey, que também fez a arte do disco Pollinator!
****

****
Que dupla! Debbie & Bowie em 1977 (no backstage do show do Iggy Pop!)
****

****
E por falar nele…
****

****
Mais uma Queen Bee! Debbie & Pollinator
****

****
Stop Fucking The Planet
****

****
Power Trio
****

****
Ladies of the 80’s!
****

****
UOU!
****

****
EITA…
****

****
Papito é dos nossos! Come on Kids!
****

COVERS QUE GOSTAMOS

****
Franz Ferdinand & La Roux – CALL ME
****

****
One Direction levando Blondie ao público mais jovem e arrecadando dinheiro por uma boa cousa!
****

****
Arcade Fire tocando Heart of Glass com participação de Debbie Harry!
****

****
Tem a Lily Allen também!
****

****
E a banda brasileira Leela fazendo a sua versão de “One Way or Another”…
****

MERCH!

Sim, teremos merch oficial da banda em nossa lojinha dentro do festival! O pagamento também será feito via pulseira cashless. Uma pequena amostra abaixo, mas também teremos bonés, ecobags e mais:

blondie_post

BLONDIE AO VIVO

Um show recente (de setembro!) e completo do Blondie, em HD. O spoiler dos spoilers:

INGRESSOS POPLOAD FESTIVAL

Compre o seu ingresso aqui!

POST_popload_festival

***
O Popload Festival é apresentado por Heineken! Aprecie com moderação.
#LiveYourMusic
***

EHR_LogoGreenPMS

>>

Blondie: o que você precisa saber da banda e o livro que você pode ganhar da Popload

>>

* A gente já publicou isso nas redes, mas não aqui. Não que uma banda icônica como o Blondie precise, a esta altura de nossas vidas e da vida dela, ser “explicada”. Mas gostamos tanto da nossa série “22 Fatos Sobre” (às 23) que vale o repeteco do Blondie, atração de luxo do Popload Festival (semana que vem, kct!!!!), que vem ao Brasil em show único PELA PRIMEIRA VEZ EM SUA RICA HISTÓRIA. O “22 Fatos Sobre o Blondie” trazem o porquê do nome Blondie (não é tão óbvio quanto você pensa), as conexões da banda com o CBGB (um dos clubes mais famosos do mundo), como a Debbie Harry diva era considerada a Marilyn Monroe do rock e… Bom, vê aí.

** VIDAS PARALELAS, O LIVRO – SORTEIO


No embalo de Blondie no Popload Festival, está sendo relançado no Brasil o livro “Vidas Paralelas”, biografia que saiu nos EUA em 2012, ganhou edição primeira aqui em 2015 e que conta a história da época da algazarra algazarra punk de Nova York, a entrada da New Wave, a separação turbulenta e as tentativas de volta. A história do livro acaba pouco antes desse retorno atual, de 2014, que vai render aos brasileiros, via Popload, a chance de ver o icônico grupo pela primeira vez por aqui (cóf.). “Vidas Paralelas” tem o nome inspirado no famoso disco do Blondie de 1978, “Parallel Lines”, que deu fama internacional a Debbie Harry e galera. O livro traz ainda o prefácio do jornalista brother André Barcinski.

blondie

Direto ao assunto, a Popload tem DUAS CÓPIAS para sorteio. Só precisa ir até o instagram @lucioribeiro, na foto do Blondie a ser postada logo mais e dizer que está a fim de ganhar o livro. Entenda o crossover de mídias, porque vou fazer o sorteio por ali. Meu email está meio comprometido por estes dias, então não rola por lá. Partiu Debbie?

>>

Lembra quando…: a Popload entrevistou o BLONDIE?

>>

debbie harry 2

Sério. Debbie Harry em foto de Meredith Jenks

Estreamos na semana passada o #tbt Popload, um “flashback” às quintas-feiras (como manda a hashtag) com posts, entrevistas marcantes, vídeos, sessions, matérias que chocaram a Cena e descobertas que você (muito provavelmente) ouviu aqui primeiro. A ideia é resgatar essas pérolas que acabaram esquecidas nas mudanças de uma casa para outra ou então, como no caso deste especial de hoje, podem simplesmente ter virado banheiro de gato.

Sempre falamos de mulheres memoráveis aqui e estava procurando uma entrevista com uma delas para comemorar o dia de hoje, este 8 de março feminino. Lembrei de quando entrevistei a Debbie Harry para a Ilustrada e vi Blondie ao vivo em Nova York, em show comemorativo dos 40 anos da banda. Só então percebi que a entrevista completa acabou nem saindo no site! Na época, chegamos a publicar a resenha do show com fotos e vídeos, destacando uma frase da cantora que prometia vir ao Brasil “em breve”, mas só isso.

Ótimo motivo para relembrar deste bate-papo que aconteceu há quatro anos e aproveitar também para eterniza-lo por aqui. A promessa da Debbie ainda não foi cumprida, mas a gente vai cobrar.

*ATENÇÃO: contém um plot-twist no final. Papito!

160514blondie

Foto do show em NY, em 2014

Blondie chega aos 40 com disco e turnê

LÚCIO RIBEIRO
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA, EM NOVA YORK
30 de maio de 2014

Uma garota-propaganda de uma marca de óculos jovem que não é exatamente uma garota —ou, na verdade, é uma “garota” de quase 69 anos— só poderia ser a cantora americana Debbie Harry.

A loira e sua icônica banda Blondie, importante nome do prolífico punk/new wave nova-iorquino do final da década de 1970, completam 40 anos de carreira em 2014 de volta ao noticiário musical.

O grupo acabou de lançar seu décimo disco de inéditas, apresentou-se no grande festival Coachella e tem feito shows pequenos em Nova York como ensaio para sair em uma turnê mundial.

“Não acho que isso que está acontecendo com o Blondie agora seja um recomeço para nós. A banda nunca acabou. Temos uma turnê mundial planejada. Desta vez certamente iremos ao Brasil”, diz Debbie em entrevista à Folha.

“Cantar no Coachella com o Arcade Fire, para 80 mil pessoas, para mim foi apenas diversão. Nada de mais”, diz. “Não faz muito tempo, tocamos em festivais para 80 mil.”

O disco novo da banda, “Ghosts of Download”, foi lançado nos Estados Unidos em 12 de maio. É parte de um pacote com dois álbuns chamado “Blondie 4 Ever”.

A outra metade do pacote inclui as principais músicas da carreira da banda, regravadas nos últimos dois anos.

LATINIDADE

O álbum tem participação especial, entre outros, do grupo colombiano de mistureba musical “afro-hip-hop-eletrônica” Systema Solar. Debbie Harry gravou uma cumbia para o disco do conjunto, que retribuiu emprestando latinidade ao novo single do Blondie, a canção “Sugar on the Side”.

“Nos afundamos em música moderna latina nos últimos anos. Estamos bastante ligados à região. Nos interessa muito esse intercâmbio”, diz o guitarrista Chris Stein.

“Há uma participação acidental brasileira no disco novo”, revela Debbie. “Existe uma canção chamada ‘Mile High’, produzida por um DJ amigo meu, o Hector Fonseca. Ele tocou recentemente numa festa no Rio de Janeiro e gravou o público cantando ‘hey, ow, ow’. Sugeriu botar esse som das pessoas na faixa e colocamos os brasileiros em coro na música.”

O Blondie sai em turnê mundial agora em junho, começando por um giro europeu em Estocolmo, na Suécia, que envolverá o megafestival inglês Glastonbury. Existem conversas para que a banda, que jamais veio ao Brasil, passe pela América do Sul entre o final de julho e começo de agosto.

“Nunca entendi por que nunca fomos aí”, afirma Stein. Ao fim da entrevista, Debbie manda um recado pelo repórter: “Por favor, diga ao Supla que estou mandando um ‘alô’ para ele”.

>>

Musas, Debbie Harry e Joan Jett (que vem ao Brasil no começo de 2018) noticiam o caos do mundo em vídeo incrível

>>

071217_blondie2

Duas das musas mais representativas e talentosas da história da música, Debbie Harry e Joan Jett estrelam de forma incrível o novo vídeo para “Doom or Destiny”, faixa lançada neste ano no último disco do Blondie, “Pollinator”.

Debbie e Joan aparecerem como âncoras de um jornal de TV no qual noticiam peculiaridades do mundo, em um tom bastante satírico, que envolve até o Donald Trump discursando feito um fantoche, além de diversos desenhos mostrando “nasty women”.

A canção tem produção do distinto Dev Hynes e é um dos pontos altos do disco. Já Joan Jett, algo sumida, não lança um álbum de estúdio desde 2013.

E atenção. Joan Jett tem shows marcados para a América Latina, Brasil incluidaço, em fevereiro/março de 2018. Vamos esperar o arranjo das datas e saber dos locais em breve.

>>

Já imaginou o Blondie cantando “Y.M.C.A.”, do Village People? Acústica, ainda por cima?

>>

* Então. Aconteceu. Haha.

090517_blondie2

Em ritmo de divulgação de “Pollinator”, seu 11º disco de estúdio da carreira, o lindo Blondie está naquela fase de compromissos promocionais em rádios e emissoras de TV.

Banda liderada pela eterna diva Debbie Harry, hoje uma gata de 71 anos, o Blondie esteve nos últimos dias no conglomerado da BBC e se apresentou na BBC Radio 2 e no programa do Jools Holland.

Na rádio, o grupo de Nova York fez uma session acústica e tocou a clássica “Call Me”, do álbum “American Gigolo” (1980), e uma inusitada cover de “Y.M.C.A.”, som histórico do Village People.

Já no programa de TV, além de repetir a performance de “Call Me”, desta vez full band, o Blondie mostrou ainda uma de suas músicas novas, “Long Time”. Tudo pode ser conferido abaixo.

>>