Em dinho:

GIO, ex-Giovani Cidreira, reúne “quase” a CENA toda em seu novo disco solo

1 - cenatopo19

* Ainda que nas plataformas de streaming a gente siga achando ele por Giovani Cidreira, sabemos que seu nome agora ele é GIO. E GIO lançou seu aguardado segundo álbum solo. “Nebulosa Baby” é mais uma parceria do baiano de Salvador com Benke Ferraz, guitarrista do Boogarins nas vezes de produtor, ele que já tinha colaborado com GIO nos EPs “MixStake”, solo, e “Mano*Mago”, encontro de GIO com Mahal Pita.

Gio - Nebulosa Baby

Antes de qualquer outra palavra sobre “Nebulosa Baby”, vale ressaltar a primeira coisa que deixa a gente de cara neste disco, da capa acima. As participações do álbum são quase que uma retrospectiva dos nomes que mais elogiamos no Top 50 da CENA desde sua criação. Saca só a lista: Alice Caymmi, Jadsa, Luiza Lian, Josyara, Jup do Bairro, Ava Rocha, Dinho do Boogarins, Maglore, Obinrin Trio e Luê. Sério, tá mais fácil pensar quem ficou de fora. Concorreu aí com o Kanye West, quem consegue a melhor lista de feats. da história.

Mas exagero nosso à parte, a bela obra vem acompanhada ainda de um parte visual, elaborada por GIO com Edvaldo Raw, cineasta de Salvador – essa luxuoso adendo imagético não traz o álbum completo, mas parte da produção em 14 minutos de uma história que busca “uma manifestação diversa e expandida da realidade”. E olha, está tudo lindão. Se liga:

***

* A foto de GIO, que ilustra a chamada deste post na home da Popload, é de Alex Oliveira.

>>

CENA – Paus, de Portugal, convoca os vocais psicodélicos de Dinho Boogarins em novo EP

>>

1 - cenatopo19

IMG_3333

* Não obstante finalmente se tornar robusta em seu território, a CENA brasileira estica seus tentáculos além-mar. Nome sempre presente no line-up dos principais festivais da Europa, o quarteto português PAUS reforça os alicerces da ponte Brasil-Portugal lançando um single em parceria com o embaixador da psicodelia indie tupiniquim: o Dinho Almeida, vocalista do Boogarins. A faixa, “Corpo Sem Margem”, faz parte do novo EP comemorativo de 10 anos da banda lusitana, “LXSP”, com data de lançamento para esta sexta-feira.

A banda PAUS pode não ser totalmente conhecida em terras brasileiras, mas em seu país de origem já conseguiu alcançar o topo das listas de melhores discos do ano e também destaque nos festivais da região, como o grandioso Primavera Sound espanhol. O quarteto é dono de quatro discos, vários EPs e uma série de turnês pelo mundo, enfileirando boas críticas e construíndo relações, amizades… Entre elas esse networking com a banda goiana mais internacional de todos os tempos.

IMG_3335

O encontro entre Dinho (foto) e a banda de Lisboa aconteceu em 2018, quando PAUS e Boogarins se reuniram no palco do festival MIL (Lisbon International Music Network) para uma jam. A conexão entre estilos e sonoridades foi tanta que a parceria transbordou para o estúdio e acabou em uma viagem do quarteto para São Paulo, gerando uma construção totalmente conjunta da letra e melodia entre o grupo, Dinho e o produtor Kastrup (Tom Zé, Zeca Baleiro, Jorge Drexler). A partir da junção de todos esses artistas nasceu “Corpo Sem Margem”, faixa que mescla questões políticas em sua letra com ritmos tortos em sua sonoridade, originando uma canção grande em significados, ritmos e conexões.

Além da faixa em som, a gravação ainda virou um elaborado lyric vídeo/webclipe trazendo imagens da passagem da banda por São Paulo, misturando cenas de estúdio, da capital e também do processo de gravação do EP, tudo isso produzido por dois amigos do grupo, Ricardo Silveira e Tomás Brice. Segundo Hélio, integrante da banda, “o vídeo é quase que uma imagem direta daquilo que experienciamos todos os dias no nosso percurso entre o hotel e a Red Bull Music Studios. Aprovamos logo de primeira, tal foi a identificação de todos com as imagens”.

Sobre o EP completo que irá sair nesta sexta, o público pode esperar uma extensão do que foi apresentado na faixa ao lado de Dinho, trazendo mais participações e misturas, entre elas colaborações da compositora Maria Beraldo e do rapper Edgar.

>>