Em diploid love:

Brody Dalle vai a restaurante indiano de NY. Para tocar uma música

>>

Screen Shot 2014-07-15 at 19.10.19

* Tem um restaurante indiano bom no East Village, em Manhattan, chamado Panna II. A Brody Dalle foi lá nestes dias. Para se apresentar. Em uma session para a NPR, o conglomerado americano de rádios independentes, a roqueira punk de voz rouca sentou-se em uma cadeira do restaurante e mandou ver “Dressed in Dreams”, música do vigoroso álbum “Diploid Love”, o primeiro disco com seu nome em sua longa carreira punk, lançado neste ano. Espero que depois dessa session bizarra (ela parece estar surpresa com o local no começo do vídeo), ela tenha comido o House Special Biryani de lá. O de beef, claro.

>>

A bagunça de Brody Dalle

>>

Screen Shot 2014-06-24 at 7.24.22

* A espetacular Brody Dalle, que por um acaso tem um marido que possui uma das melhores bandas do planeta, não se limita a ouvir as músicas do parceiro. Ela faz as delas. Ela toca as guitarras dela. Ela canta as músicas delas. E faz os vídeos delas. Tipo esse, abaixo, para a deliciosa cancão riot “Don’t Mess with Me”, de seu belo primeiro álbum solo, lançado em abril deste ano, chamado “Diploid Love”.

Punk, tatuada, voz de contralto, dona de duas bandas antigas bem legais e fã de Nirvana desde os 12 anos, Brody Dalle é O CARA!!!?? Ou não é?

>>

Não mexa com a Brody Dalle. Duas vezes

Screen Shot 2014-05-15 at 10.08.01

* Primeiro porque a “boneca punk tatuada com piercing e dona de casa” Brody Dalle é mulher do Josh Homme, do Queens of the Stone Age. E ele é grandão e pode ficar bravo. Depois porque “Don’t Mess with Me”, uma das melhores músicas de seu “vigoroso” disco “Diploid Love”, recém-lançado, ganhou dois vídeos ao vivo muito bons. O primeiro ela mesmo divulgou em seu Youtube, tipo vídeo oficial:

O outro, melhor ainda, é tirado de session na esperta rádio canadense The Edge, de Toronto, realizada no começo de maio e divulgada ontem.

Grita para nós, Brody!!

Não mexa com a Brody Dalle. Mais capa do disco, duas inéditas e entrevista

>>

* Lá vem a Brody.

brody

Eis a capa do disco da roqueira australiana Brody Dalle, ex-diva punk do Distillers, hoje californiana, mão de família, casada com o líder do Queens of the Stone Age. Mas que ainda solta seus berros e solta a mão na guitarra. Dalle lança seu álbum “Diploid Love” dia 28 de abril. Dele a gente já conhece as faixas “Meet the Foetus / On the Joy” e “Parties for Prostitutes”.

Brody Dalle atualmente está experimentando ao vivo seu novo trabalho, que a tirou de casa depois de alguns anos cuidando da gravidez e dos filhos. Ela excursiona por seu país tocando na abertura da tour conjunta do Nine Inch Nails e Queens of the Stone Age. Pelo fuso horário, à medida que eu escrevo este post ela deve estar em performance no palco do Perth Arena, na cidade de Perth, terra do Tame Impala.

Sábado passado ela tocou na cidade australiana de Newcastle, de onde sacamos este vídeo abaixo de Brody Dalle mostrando ao vivo a faixa que abre seu disco, “Rat Race”. Mais para baixo tem uma entrevista que ela deu ontem para o Zane Lowe, DJ da Radio One inglesa, falando dos horários que acordava para ir para o estúdio, levar as crianças para a escola, voltar para o estúdio, pegar as crianças, voltar para o estúdio… E as pílulas de dormir que precisava tomar. E o Josh longe, excursionando com o QOTSA. Rocker mom.

Para terminar, uma outra ótima música nova do disco, que acaba de ser liberada. “Don’t Mess with Me”. Ouve isso:

>>

Brody Dalle enfim saiu de casa: música nova, vídeo ao vivo, fotos no Insta

>>

* Tem jeitão de ser um dos discos do ano. Mas vamos esperar mais. A “senhoura” Brody Dalle, mulher do Josh Stone Age, ex-punk morena e cheia de piercings e agora uma housewife rockeira loira e com alguns piercings (não mais o da boca), soltou outra música de seu disco solo, “Diploid Love”, que sai no dia 28 de abril. O álbum novo, parece, resgata uma certa gritaria feminina intensa no indie rock americano que não vemos desde… hum… Courtney Love?

Screen Shot 2014-03-06 at 4.43.00 PM

A nova música nova (veja bem) da linda Brody Dalle se chama “Parties for Prostitutes” (veja bem). Acabou de subir online. Segundo Dalle, ex-Distillers e ex-Spinnerette, essa é uma canção sobre traição. “É uma ‘música foda-se'”, disse ela para a “Rolling Stone”. A madame Homme continua hot.

É o segundo single do disco solo de Brody Dalle nesta sua (grande) volta à cena. O primeiro foi “Meet The Foetus/Oh The Joy”, que tem a participação vocal da warpaint Emily Kokal e da garbage Shirley Manson. Apenas.

Olha o naipe de “Parties for Prostitutes”.

Para seu disco, o primeiro que vai levar seu nome, Dalle contou com a produção de Alain Johannes (colaborador do QOTSA, Arctic Monkeys e Mark Lanegan). Além de Emily Kokal e Shirley Manson, o álbum traz no elenco de convidados o Nick Valensi, dos Strokes, e o Michael Shuman, do QOTSA.

Brody Dalle HOJE se encontra na Austrália para tocar. Quer dizer: pelo fuso horário, já foi. Ela abriu SOMENTE a turnê do Queens of the Stone Age/Nine Inch Nails, em Sydney. A propósito, ela é australiana e voltou lá para participar da tour do marido. Tudo em casa.

Olha a foto que ela postou em seu Instagram, hoje:

Screen Shot 2014-03-06 at 4.44.19 PM

Dalle andou fazendo uns shows pequenos para experimentar as músicas novas ao vivo. Tocou em fevereiro em Los Angeles, Londres e Berlim. Desse show alemão, de uma semana atrás, tem um vídeo dela se apresentando no Magnet Club. Tipo isso.

>>