Em Disclosure:

Pistas em chamas: Friendly Fires solta nova música bem boa, com dedo do Disclosure

>>

161018_friendlyfires_slider

161018_friendlyfires2

Duas entidades do indie dance, de épocas diferentes, Friendly Fires e o Disclosure uniram forças em “Heaven Let Me In”, canção que estará no próximo disco da banda de Ed Macfarlane, previsto para ser lançado no primeiro semestre de 2019.

A canção tem co-produção do duo britânico e é uma canção sobre “se sentir confortável sob sua própria pele”, disse o Ed em comunicado. “É quando você para de se cobrar e abraça a sua imperfeição, daí surgem oportunidades e portas se abrem”, completou.

No início deste ano, o Friendly Fires quebrou um silêncio musical de sete anos, quando lançou a faixa “Love Like Waves”, a primeira gravação desde o álbum “Pala”, de 2011.

>>

Disclosure lança a terceira música em 24 horas. A melhor delas. E não parece Disclosure…

>>

260515_disclosure2

Os brothers Lawrence, Guy e Howard, estão tramando o lançamento do terceiro álbum deles enquanto Disclosure. Só nas últimas 24 horas, foram nada menos que três canções inéditas divulgadas.

Ontem, o par formado por “Moonlight” e “Where Angels Fear To Tread”. Hoje, a bem boa “Love Can Be So Hard”, com pegada funky, um tanto distante das batidas-loucura deles.

Mesmo com todas estas novidades, eles ainda não confirmaram nenhuma notícia em relação ao disco cheio. Nem nome, nem data de lançamento, nem se vai ter na prática. Vamos aguardar.

>>

Hora de dar um tempo: Disclosure anuncia pausa e choca (meio) mundo indie

>>

100614_disclosuremultishow

Um dos principais respiros sonoros da música eletrônica inglesa dos últimos tempos, o Disclosure, formado pelos irmãos moleques Guy e Howard Lawrence, utilizou suas redes sociais no fim da noite de ontem para anunciar que está dando um tempo.

A notícia pegou os fãs um pouco de surpresa, mas o duo garante que não é um “fim”, só um “tempo” mesmo. Em carta escrita à mão, os dois jovens talentos relataram que estão nessa sem parar há sete anos, desde quando tinham “15 e 18 anos” de idade e agradeceram por todo o suporte do público pelo mundo.

Neste meio tempo, o Disclosure lançou os ótimos discos “Settle” e “Caracal”, viajou pelo mundo, saiu do clubinho e foi para as grandes arenas, bombou com a Lorde e foi considerado um dos grandes momentos da eletrônica inglesa desde o, sei lá, Chemical Brothers.

Por mais que a carta venha carregada de certo drama, eles garantem que vão apenas dar uma desacelerada e que ainda assim vão se envolver em algumas coisas neste ano, como uma apresentação no festival Wild Life.

Confira abaixo o comunicado na íntegra:

“Obrigado a todos por todo o apoio pelos últimos 7 anos.

Nós tínhamos 15 e 18 quando começamos essa incrível jornada que foi preenchida com os maiores e melhores shows do que nossas mentes juvenis poderiam imaginar, entre outros inacreditáveis momentos e conquistas.

Realmente não podemos agradecer cada um de vocês o suficiente. Vocês mudaram nossas vidas para sempre e nos permitiram fazer o que mais amamos nesse planeta.

Neste ano, vamos fazer somente algumas coisas especiais, incluindo retornar ao nosso festival Wild Life e algumas outras coisinhas que não podemos mencionar ainda.

Na maior parte, entretanto, vamos tirar algum tempo para aproveitar um merecido descanso.

Nós estaremos de volta!… Masm até lá … Muito amor.

Guy e Howard”.

090217_disclosure

>>

No mundo de Doria, Disclosure se despede dos shows do disco “plural”

>>

Captura de Tela 2016-10-03 às 5.34.12 PM

* O duo inglês cool Disclosure encerrou sua turnê mundial ontem à noite em São Paulo, um domingo à noite, no distante e frio Citibank Hall, para uma plateia que em sua maioria parece ter saído da festa do comitê de campanha do próximo prefeito Doria direto para o show.

Faz parte. O segundo álbum da dupla, sem querer parecer segregacionista com o lado de lá ou segregado do lado de cá, “pegou” muito entre a galera “Jovem Pan” rhyca, por alguns motivos. E eles, afinal das contas, estavam em seu habitat.

Se esse entorno todo de tribos e lugares prejudicou um pouco (bastante) o clima da apresentação dos irmãos Lawrence, no palco, mesmo sem os convidados que compõem a “entidade Disclosure”, a apresentação foi, som e luz, bem bacana. Com as músicas que eles têm, digamos, fica fácil essa tarefa.

Abaixo, o instante em que a banda entra em cena, mais a primeira música, que foi a linda “White Noise”, do primeiro disco. O vídeo é invadido por um áudio com duas pessoas discutindo aos berros o tipo de show que o Disclosure faz, se é ao vivo mesmo, um DJ set, se tem playback ou um pouco de tudo. Bom, isso é um show do Disclosure.

Sobre ser o último show da turnê, em São Paulo, foi eles que (se) anunciaram assim, no começo da apresentação. O Disclosure ainda tem três rolês norte-americano para fazer no final do ano. Deve ser um show “diferente” por lá, talvez.

I don’t need you, telling me how to be, telling me how to be, just gonna get my back.
back, back, back, back, back, back, back, back.

A foto que abre este post, assim como a da homepage da Popload, são de autoria de Fabio Tito, do portal G1.

>>

Disclosure anuncia turnê na América do Sul. Rio de Janeiro e São Paulo estão na rota

>>

200715_disclosure

A dupla fenômeno Disclosure voltará ao Brasil no segundo semestre. Duo formado pelos irmãos novinhos Guy e Howard Lawrence, que chacoalhou a música eletrônica nos últimos anos com o discão de estreia “Settle”, o Disclosure vem para a América do Sul mostrar o disco novo, “Caracal”.

O rolê dos britânicos, que têm um som incrível que vai do house ao pop com um elenco absurdo de vocalistas convidados (que costumam não viajar com eles para lugares… longe), começa pela Colômbia, dia 16 de setembro, em Bogotá. No dia seguinte eles se apresentam em Medellín. Em seguida, o duo toca em Lima, Buenos Aires e Santiago, antes de chegar ao Brasil para apresentações no Rio de Janeiro (Metropolitan, 30/9) e São Paulo (Citibank Hall, 2/10).

Não são lugares apropriados para se matar de dançar músicas do Disclosure, convenhamos, mas a vinda da banda é sempre boa. O Disclosure tocou em 2015 no Lollapalooza Brasil, em Interlagos, e se emocionaram por se apresentar na pista que abrigou Ayrton Senna, pois são fãs de automobilismo.

Informações sobre venda e preço de ingressos serão divulgadas em breve. Confira abaixo o itinerário da tour do Disclosure em terras sul-americanas.

16/09/16 Bogotá Colombia Centro de Eventos Carpa Corferias
17/09/16 Medellín Colombia Parque Norte
20/09/16 Lima Perú Parque de la Exposición
23/09/16 Buenos Aires Argentina Luna Park
25/09/16 Santiago Chile Movistar Arena
30/09/16 Rio de Janeiro Brasil Metropolitan
02/10/16 São Paulo Brasil Citibank Hall

>>