Em ed o’brien:

Alta cultura indie: Jehnny Beth discute a música e a vida com Kim Gordon (ex-Sonic Youth), Ed O’Brien (Radiohead) e a banda Black Country, New Road

>>

* Coisa de francês, eles têm lá um canal europeu online de arte chamado ARTE. É uma espécie de serviço público cultural que passa na França, tem braço na Alemanha e até Holanda, Bélgica e Suiça usa seus programas. Tipo uma NPR americana, mas de TV e entre países.

Para ajudar, o canal Arte se associa a entidades indies fundamentais como o site Blogothèque e a revista “Les Inrockuptibles” para promover programas, vídeos de concertos, minidocs, entre outras coisas legais e necessárias para a nossa vida musical.

Por exemplo, o programa “Echos”, que a especialíssima cantora franco-britânica Jehnny Beth (Savages) apresenta num dos ramos dessa coisa de arte toda, o canal web ARTE Concert.

Nesta semana, o ARTE Concert subiu para a internet um desses “Echoes” de Natal, em que Beth recebe como convidados apenas Kim Gordon, empoderadíssima e ex-baixista do Sonic Youth, Ed O’Brien, guitarrista do Radiohead, e dois integrantes da banda Black Country, New Road, novíssima e já muito falada banda de indie-jazz de Londres.

Tem quatro vídeos para você saborear no ARTE Concert. Um com os quatro discutindo, em inglês, sobre identidade artística, os desafios desta nova era e suas experiências musicais.

Os outros são com os artistas e banda tocando, ao vivo, na excelência de gravação dessa francesada do ARTE, em shows em Paris no velho mundo em que tinha público em frente ao palco. Coisa de março deste ano.

Tem umas horinhas livre aí?

>>

520 anos do descobrimento: o Brasil que deu certo está em “Earth”, disco de estreia solo de Ed O’Brien, guitarrista do Radiohead

>>

* Será que dá para cancelar, Pedro Alvares Cabral?

220420_ed2

Lá no final de 2011, a Popload reverberou um boato forte daquela época de que Ed O’Brien, o guitarrista do Radiohead, estava morando no Brasil. Pouco tempo depois, a notícia foi confirmada: Ed estava morando em uma pousada em São Luiz do Paraitinga, interior de SP a caminho do Rio, cerca de 170 km da capital paulista. À época, para ele ver e-mail, ele tinha que ir até Ubatuba (pensa). Mas sua estadia no Brasil continuou matutando na cabeça do músico. Até que…

Cortando para 2020, o Brasil é o ponto central do disco que marca a estreia solo de Ed O’Brien. “Earth” foi lançado por agora e é cheio de referências ao país, tanto que duas das faixas se chamam “Santa Teresa” e… “Brasil”.

O novo projeto do guitarrista, que canta super bem, foi gravado em Londres e no País de Gales, e conta com participações de Glenn Kotche (Wilco), Adiran Utley (Portishead), Nathan East e Laura Marling.

É bom contextualizar, também, que “Earth” é um projeto que teve início mais ou menos em 2012, pouco depois do ciclo brasileiro do Ed, que se identifica como EOB neste álbum solo.

Em tempos de isolamento social, nada melhor do que uma trilha sonora de qualidade…

** Foi ao ar ontem, no programa do Jimmy Kimmel, uma apresentação de Ed para “Shangri-La”, que está no disco. O registro, com banda e plateia, foi gravado antes da pandemia.

>>

Ed O’Brien, do Radiohead, coloca a Laura Marling em “Cloak of the Night”, novo e lindo single do álbum que sai semana que vem

>>

060220_ed02

O guitarrista do Radiohead, Ed O’Brien, vai soltar no próximo dia 17 seu primeiro disco solo, “Earth”, que vem sendo bastante divulgado nos últimos meses.

E o novo single do projeto, “Cloak of the Night”, conta com a participação deliciosa da cantora Laura Marling. Este é o último single a ser lançado antes do álbum.

“Cloak of the Night” sucede as boas “Brasil”, “Shangri-La” e “Olympik”.

020317_lauramarling2

O disco foi gravado em Londres e no País de Gales e conta também com participações de Glenn Kotche (Wilco), Adiran Utley (Portishead) e Nathan East.

Laura Marling também pegou todo mundo de surpresa nos últimos dias ao anunciar a antecipação do lançamento de “Song for Our Daughter”, seu novo disco que seria lançado no meio do ano, mas vai sair mesmo é amanhã! O último álbum solo lançado pela britânica é o elogiado “Super Femina”, que saiu em 2017.

>>

Não basta ser uma das rádios mais legais do planeta. A inglesa 6Music tem ainda um festival incrível. Veja Black Midi, Brittany Howard, Kim Gordon e a rapa, tudo ao vivo

>>

* Sai pra lá, Corona!

6music

Não sei se você já escutou ou escuta, mas deveria. Tem uma rádio do gigantesco conglomerado inglês de comunicação BBC, só digital, fora do dial britânico, que se chama 6Music. Funciona por satélite, TV digital e… bem… internet.

A BBC 6Music, ou BBC 6, é um dos maiores celeiros de música genuinamente independente do planeta. Foi criada em 2002 como projetinho online da BBC para testar esse negócio de internet, mas desde os meados da década, principalmente quando poperizaram de vez a Radio 1 e botaram o DJ herói Steve Lamacq para ser exclusivo dela, a coisa ficou séria. Lamacq tem um programa diário, toda tarde da Inglaterra, hora do almoço.

((Neste mesmo minuto em que escrevo, Lamacq está tocando um Nick Cave ao vivo.))

Tem outras maravilhas na 6Music: as incríveis DJ Mary Anne Hobbs e Lauren Laverne é da 6Music. Outra do time das mulheres incríveis da emissora é a galesa Cerys Matthews, que um dia cantou na banda Catatonia (sdds!).

O Iggy Pop tem programa lá. O Don Letts também. O Jarvis Cocker vira e mexe apresenta algo na 6Music. O Cillian Murphy, o principal do seriado campeão “Peaky Blinders”, também.

((Lamacq tocou agora Squid (manja Squid!!!!, novinha, de Brighton) e na sequência uma das novas lindas da francesa Christine and the Queens.))

Bom, toda essa divulgada linda e gratuita para a 6Music apenas para falar que eles têm um festival indie pequeno incrível.

((Bom, no Lamacq já entrou agora um Human League antigão e nada óbvio. Para depois vir a nova do Gbostpoet, a absurda “Concrete Pony”.))

O 6Music festival do ano passado, olha o naipe, rolou em Liverpool e teve Fontaines DC, Idles, Anna Calvi, Hot Chip, Little Sims, Slowthai, Charlotte Gainsbourg e uma série de outras atrações.

O deste ano aconteceu agora, neste final de semana, em Londres, ocupando em dois dias a sensacional casa Roundhouse, de Camden Town. A edição 2020 teve no line-up gente como Black Midi (showzinhos aqui logo mais), Kate Tempest, a Brittany Howard, a Jehnny Beth solo (do Savages, na foto lá em cima), a Kim Gordon, o Bombay Bycicle Club e o EOB, o projeto solo do radiohead Ed O’Brien (a imagem da home da Popload), entre outros nomes.

Aqui a gente tem alguns videozinhos, um áudio e um trecho especial de uma discotecagem para mostrar.

>>

Ed O’Brien, do Radiohead, anuncia oficialmente seu primeiro disco solo

>>

060220_ed02

Depois de muito avisar, o guitarrista do Radiohead Ed O’Brien enfim anunciou de forma oficial o lançamento de seu primeiro disco solo. “Earth” estará nas lojas dia 17 de abril.

O novo projeto foi gravado em Londres e no País de Gales, e vem apresentado pelo single “Shangri-La” e contará com participações de Glenn Kotche (Wilco), Adiran Utley (Portishead), Nathan East e Laura Marling.

Nos últimos meses, Ed, que agora vai se apresentar como EOB, lançou as faixas “Brasil e “Santa Teresa”. “Earth” é um projeto que teve início mais ou menos em 2012 e, enfim, estará entre nós em poucas semanas.

O disco fará o músico sair em turnê pelo mundo. Sua banda de turnê terá integrantes como o baterista Omar Hakim (David Bowie) e ainda a dupla Dave Okumu (guitarrista) e Nathan East (baixista), do The Invisible.

Earth – Tracklist
01. Shangri-La
02. Brasil
03. Deep Days
04. Long Time Coming
05. Mass
06. Banksters
07. Sail On
08. Olympik
09. Cloak of the Night

>>