Em ed sheeran:

Folk-se. Passenger deve vir ao Brasil para abrir para o Ed Sheeran em fevereiro

>>

website_landing_1024

* Com datas estourando hoje na América do Sul inteira, mas ainda com certo enigma para confirmar shows brasileiros, o cantor inglês de indie-folk Passenger deve ser anunciado em breve como mais um artista internacional a visitar o Brasil neste ano. E em fevereiro ainda por cima.

O cantor e compositor de Brighton está cotado como atração de abertura do ídolo pop inglês e seu brother Ed Sheeran, que tem shows marcados em estádios de São Paulo e Porto Alegre. Sheeran toca (e canta) no suntuoooooooso Allianz Parque nos dias 13 e 14/2 e dia 17 na Arena do Grêmio.

Há a possibilidade de um quarto show do Passenger em São Paulo, solo.

O cantor vem à América do Sul com a turnê de seu décimo disco, “Runaway”, lançado em agosto do ano passado.

>>

Ed Sheeran fará quatro shows no Brasil em maio

>>

260117_edsheeran2

Uma das principais revelações do pop inglês dos últimos anos, no início mezzo indie e hoje com ares de popstar, Ed Sheeran vai lançar seu novo disco, “Divide” – ou simplesmente “÷” – dia 3 de março e, em seguida, sair em turnê mundial que vai contemplar o Brasil logo no início do rolê.

Sheeran deve oficializar ainda hoje quatro shows no país, provavelmente todos para o mês de maio. As cidades de Curitiba, Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte devem receber o cantor. As datas no Brasil não devem fugir de:

23/5 – Curitiba, Pedreira Paulo Leminsky
25/5 – Rio de Janeiro, Rio Arena
28/5 – São Paulo, Allianz Parque
30/5 – Belo Horizonte, Esplanada Do Mineirão

Até agora, anunciada está a turnê pela Europa e Reino Unido, com shows começando dia 17 de março em Turim, Itália, e terminando em Londres, dia 2 de maio.

Do novo disco, seu terceiro na carreira, Ed Sheeran já mostrou, por exemplo, o single “Castle on the Hill”, que ganhou vídeo nesta semana, produzido por George Belfield.

>>

Sxsw 2012 – E ontem teve o Blood Orange

>>

* Popload em Austin, Texas.

* Ontem foi assim: filme do LCD Soundsystem, Alabama Shakes, We Are Augustines, Fiona Apple, Punch Brothers, Ed Sheeran, Kimbra, Agridoce, Crocodiles e The Drums. No meio disso tudo, teve o Blood Orange, banda-projeto que é o Devonté Hynes, que era o Test Icicles, depois Lightspeed Champion, e que produziu coisa para artistas como Theophilus London, Basement Jaxx a Florence & the Machine.

Aí veio o Blood Orange e fez um som mais ou menos assim:

>>