Em Elton John:

Ordinary Man: Ozzy Osbourne sorri, chora e vê a vida passar no vídeo mais emocionante do ano

>>

100320_ozzy2

Em uma era da vida em que está passando por um mix de preocupação e esperança, Ozzy Osbourne lançou um vídeo que parece muito tem a ver com o seu atual status.

A produção audiovisual é para a linda “Ordinary Man”, canção que dá título ao mais recente disco do roqueiro, lançado mês passado, e que tem a participação de luxo de seu amigo, Sir Elton John.

Acontece que o vídeo chega em um momento frágil e delicado da vida de Ozzy, que passa por problemas de saúde e tem enfrentado um tratamento para uma variante da Síndrome de Parkinson, o que ocasionou o adiamento da turnê do cantor.

O vídeo mostra Ozzy sentado em uma poltrona, como se estivesse sozinho em uma sessão de cinema assistindo ao filme de sua própria vida.

O compilado de imagens tem como cenário a cidade natal de Ozzy, Birmingham, e começa com uma foto dele quando criança. Depois, uma variação de diversas passagens de sua vida, envolvendo momentos em família com a esposa Sharon, principalmente, registros no palco, em estúdio, na estrada, seus problemas com álcool, e com o seu Black Sabbath. Em um dos momentos mais emocionantes, Ozzy se comove ao ver uma foto com o guitarrista Randy Rhoads, seu antigo parceiro, que morreu há quase 40 anos.

O vídeo é praticamente Ozzy vendo a vida passar, o que dá um aperto no coração.

>>

O Ozzy está mal, mas passa muito bem: vem aí um novo disco que tem Elton John, Slash e Tom Morello entre os convidados

>>

100120_ozzy2

Depois de um 2019 com sua saúde complicada, o grande Ozzy Osbourne parece querer virar a página neste novo ano, embora há algumas semanas ele tenha sido notícia de que estaria “em seu leito de morte”, em situação crítica. Notícia contestada e desmentida pela família.

De verdade é que Ozzy lançará no dia 21 de fevereiro seu novo álbum de estúdio, que já nasce grandioso. “Ordinary Man”, além da capa bonitona que está na abertura do post, terá um time respeitável de convidados.

Do Guns N’ Roses estão os amigos Slash e Duff McKagan. Chad Smith, baterista do Red Hot Chili Peppers, também deu sua contribuição. O especialíssimo guitarrista Tom Morello, do Rage Against the Machine, fez parte do time.

E o primeiro single, que dá nome ao álbum, tem nada menos que Sir Elton John cantando e tocando piano. É mole?

Além do disco, Ozzy tem turnês com Marilyn Manson na América do Norte e com o Judas Priest na Europa mais para o final do ano.

A volta aos palcos, é o que a gente espera, deve acontecer dia 27 de maio, em Atlanta.

>>

Discaço tributo a Elton John tem QOTSA, Killers, Florence, Sheeran, Coldplay…

>>

gaga

* Discos tributo são um negócio complicado. Quando decidem juntar artistas famosos para fazer covers de um outro artista (mais) famoso, geralmente há um ou dois nomes notáveis, e o resto não impressiona muito. Não é esse o caso de “Revamp: The Songs of Elton John & Bernie Taupin”, álbum com versões de músicas clássicas de Elton John e Bernie Taupin*, que apareceu hoje no Spotify.

Sir John montou uma lista impressionante de nomes do mundo pop, incluindo, atenção: Queens of the Stone Age, The Killers, Florence + the Machine, Coldplay, Lady Gaga, Ed Sheeran, e outros mais, tocando coisas tipo “Tiny Dancer”, Goodbye Yellow Brick Road” e “Don’t Go Breaking My Heart”.

Se tem algumas músicas faltando no disco, como “Rocket Man”, é porque estão no OUTRO disco tributo também lançado hoje, chamado “Restoration”. Enquanto Elton John montou a lista de artistas pop para “Revamp”, seu colaborador Bernie Taupin chamou um número igual de artistas country para fazer mais 13 covers em “Restoration”, dando um total de 26 covers.

Você pode conferir uma playlist com tudo isso (bem como as versões originais), aqui:

eltonrevamp

Neste post, destacamos o disco Revamp, que acreditamos ter mais a ver com o público poploadístico – com todo o respeito ao mundo country, claro.

*Para quem não conhece: Taupin é o principal colaborador musical de John, responsável pelas letras de boa parte de seu catálogo, desde 1968.

* A imagem que abre o post não é o Elton John, veja bem. É a cantora Lady Gaga no Grammy fazendo tributo ao ídolo inglês em janeiro deste ano, em foto de Michael Kova, da Getty Images.

>>

Sir Elton John anuncia turnê de despedida. Começa em setembro e deve terminar em 2021

>>

240118_elton2

Um dos artistas mais versáteis e populares de todos os tempos, Sir Elton John, que vai completar 71 anos em março, anunciou oficialmente nesta tarde que fará só mais uma turnê mundial na carreira.

O rolê de despedida foi anunciado em uma coletiva de imprensa realizada em Nova York. O motivo alegado pelo britânico envolve sua família, a qual ele diz precisar dar mais atenção, especialmente para suas crianças e seu marido.

Elton tem uma residência de shows em Las Vegas, no The Colosseum at Caesars Palace Las Vegas, até o dia 19 de maio. Em seguida vem o giro mundial que começa no mês de setembro pelos Estados Unidos, na Pensilvânia. “Em qualquer país que eu puder ir, eu vou. Será o melhor show produzido na minha carreira”, disse o cantor, que informou que o giro, intitulado Yellow Brick Road, deve durar três anos.

No período, serão mais de 300 apresentações ao redor do planeta.

>>

Olha… Juntos, Elton John e James Taylor farão quatro shows no Brasil em 2017

>>

161216_elton_taylor

O calendário de shows internacionais no Brasil em 2017 já começa a ficar agitado. Praticamente na mesma época do Lollapalooza, vai rolar no país a turnê conjunta de Sir Elton John e James Taylor, dois ícones antigos da música pop, com suas bandas.

O rolê acontecerá nas cidades de Curitiba (Pedreira Paulo Leminski, dia 31 de março), Rio de Janeiro (Apoteose, 1º de abril), Porto Alegre (Anfiteatro Beira-Rio, dia 4 de abril) e São Paulo (Allianz Parque, dia 6 de abril).

As informações sobre preços e vendas de ingressos serão divulgadas posteriormente pela organização do evento, assinada pela Time For Fun.

>>