Em fingerfingerrr:

CENA – Lá vem o FingerFingerrr de novo. E é o que a CENA estava precisando. Conheça o single “VAI”

>>

1 - cenatopo19

* Num mar de normalidades que é a música independente brasileira, com algumas exceções, o duo paulistano FingerFingerrr, prediletos desta casa, definitivamente não é uma banda normal. E isso é a principal virtude deles, graçasadeus. Formado por Flavio Juliano (guitarra, baixo na guitarra, gritaria, à direita na foto abaixo) e Ricardo Cifas (bateria, botões e gritaria, do da esquerda), o duo faz punk, indie e hip hop misturando tudo sem você perceber. Outra qualidade que não é para muitos.

1 - FingerFingerrr_Fotopromo_3_2019_Fotografo_Marcos Artoni

Os caras hoje, a caminho do segundo disco, soltaram o single “VAI”, um som soturno, metal (ish!), industrial e até punk que eu aconselho você seguir o conselho da música e IR mesmo. A faixa é considerada uma “experimentação”, pelo duo, então OK. Aprovadíssima por estes lados.

O single saiu em lyric vídeo chapante, numa técnica chamada hyperlapse, algo como um time-lapse turbinado, o que combina com a música. A letra é uma delícia para cantar junto, desde que você ande numa onda estranha nestes dias.

“VAI” é o sinal que o FingerFingerrr dá para dizer que vem disco novo por aí. O sucessor do ótimo “MAR’, disco debut lançado em 2016, sai em algum dia deste 2019, promete a dupla.

content_id

“VAI foi a primeiríssima coisa que fizemos depois de encerrar o ciclo do nosso último disco, MAR. Voltamos pro nosso estúdio de origem, armamos todos os equipamentos, começamos a tocar livremente pra aquecer e saiu o instrumental da VAI quase inteiro como tá aí”, comenta a dupla sobre o processo de produção do single. “Saiu o que estava entalado na gente de certa forma. Entramos no estúdio El Rocha com uma diária pra matar a música. Escrevemos tudo lá, no sofá e no microfone gravando e valendo.”

Em show recente no Sesc Pompeia, o FingerFingerrr apresentou a inacabada “Summertime”, que também deve entrar no disco novo. A canção ainda não tem letras e, na apresentação, ganhou um inglês balbuciado como “letra”. Vai que fica isso mesmo, do jeito que os caras são.

A gente traz tudo aqui: “VAI”, acabadíssima, e “Summertime”, inacabada e ao vivo.

***

* O FingerFingerrr toca semana que vem, dia 4, no Estúdio Aurora, em Pinheiros. A banda Miami Tiger abre a noite. Os shows começam 22h e, para entrar, custa R$ 20.

** As fotos usadas neste post e na chamada da home são de Marcos Artoni. A capa de “VAI” tem imagem de Daniela Ometto.

>>

CENA – Astral e sexy, FingerFingerrr lança “Rollz Royce”, a “música do verão”. Verão!

>>

popload_cena_pq

* Lá vem ela. A dupla paulistana indie-punk-hop anarquia FingerFingerrr, baixo-bateria sendo que o baixo pode ser usado como guitarra e outras complexidades, lança hoje um novo single, “Rollz Royce”, pelo selo Rosa Flamingo, de propriedade da cantora Tiê. Outras complexidades.

2 - FingerFingerrr_Fotografo_Jimmy_Lima

É o primeiro material inédito da banda desde o lançamento de “MAR”, o ótimo primeiro disco, em 2016. Acostumados a tocar em terras (festivais) gringas, de South by Southwest ao Northside, Flavio Juliano (à dir. na foto acima) e Ricardo Cifas têm no horizonte de 2018 shows marcados na Australia, um deles no Perth Festival, na terra do Tame Impala.

Mas, antes, lançam neste sábado no clube Breve, aqui na Pompeia, essa “diferente””Rollz Royce”, mais dançante-experimental, digamos. O synth, veja você, entrou para o FingerFingerrr. E tudo faz algum sentido.

O show é dentro da Noite Rosa Flamingo, parte da programação noturna da movimentação da SIM São Paulo.

“Queríamos fazer uma música para o verão, astral e sexy”, explica o baterista Cifas, responsável pelo synth).

É o verão na visão do FingerFingerrr, então beleza. E o resultado, acredite, ficou bom.

3 - FingerFingerrr_Rollz_Royce_Cover_1400x1400

* Foto do FingerFingerrr, deste post e da home da Popload, é de Jimmy Lima.

>>

CENA – Circadélica “sextou” em noite não-normal no Asteroid, com Boss in Drama, FingerFingerrr, The Shorts e mais

>>

popload_cena_pq

* Popload em Sorocaba. Já vi o Palmeiras ganhar uma e empatar outra com o São Bento, aqui. Tô invicto na cidade!

IMG_4521

Ontem, no clube Asteroid, foi a última noitada pré-festival no picadeiro. Dos que o #MQN20 me deixou ver, a banda paulistana fez um show truncado mas efetivo, trabalhando os silêncios e paradinhas (e falta de luz) com punk rock desgraceira, fazendo a molecada bater cabeça no clube do Wry. Antes, The Shorts, de Curitiba, fez um show estranho no melhor dos sentidos. A banda às vezes não combina: a vocalista parece a Debbie Harry testando o alcance da voz o tempo todo. A dança (o balanço) dela não combina com a música que está sendo tocada e isso vira charme. A baterista parece que está tocando no Nirvana, enquanto as guitarras e o baixo estão levando o som para um indie mais Pavement, trabalhadinho, menos grunge. Nada combina, tudo combina. Depois de tudo, o charmoso Boss in Drama fez a pista dançar com o bum bum tam tam até o chão eletrizando MC Fioti. Isso numa noite que começou com a poesia punk experimental sorocabana do Her (o termo não é meu) e seguiu com o Herod (SP) kraftwerkizando o Asteroid. Não foi uma noite simples. Os manos da versão pista do Trabalho Sujo fecharam a bagaça.

her2

Her

herod

Herod

shorts1

The Shorts

pericles

Boss in Drama

noites trabalho sujo

Noites Trabalho Sujo

* As fotos deste post e a do FingerFingerrr na home são de Fabrício Vianna.

>>

CENA – Sorocaba urgente!! Teve Circadélica Festival ontem. Vai ter hoje. Mas começa amanhã

>>

popload_cena_pq

* Popload em Sorocaba.

IMG_4521

Erramos. O Circadélica 2017 não começa amanhã, como afirma o post anterior, haha. ELE JÁ COMEÇOU ONTEM. E tem hoje ainda.

Em caráter de pré-festival, ou de festas de lançamento do festival, Sorocaba assiste no bacaníssimo clube Asteroid, um dos principais palcos indies fora de São Paulo, as noitadas de abertura do Circadélica.

IMG_4488

Ontem, no Asteroid, a ótima banda local The Name abriu a noite, a Popload DJ set continuou a festa com sons instigantes (rá!) e a carioca Mahmundi suingou linda no final. A prova está aqui embaixo.

_FAB9591

_FAB9654

* Hoje o heavy-opening do Circadélica segue intenso no Asteroid. A balada forte tem shows dos curitibanos Boss in Drama e The Shorts, o punk sujo-imundo hip hópico do paulistano FingerFingerrr, o local Her (Henrique Ravelli) e o pós-rock do Herod (SP). O parça Noites Trabalho Sujo (Alexandre Matias) mete um som na night.

Vamos estar lá para ver o que vai acontecer.

** As fotos da minha pessoa linda e da linda Marcela Mahmundi são de autoria do circadélico, poploader e local Fabrício Vianna.

>>

Dupla paulistana FingerFingerrr inicia hoje nova turnê internacional, rumo ao Primavera Sound

>>

popload_cena_pq

* Uma das atrações brasileiras no festival espanhol Primavera Sound, evento dos principais na música independente do planeta e que acontece semana que vem em Barcelona, o duo paulistano de punk-garagem FingerFingerrr inicia giro europeu hoje, em Portugal. A dupla, o guitarrista-baixista-cantor Flavio Juliano e o baterista Ricardo Cifas, se apresenta nesta noite na cidade do Porto, no Cave 45, e amanhã esticam para uma gig em Lisboa.

Donos de um dos álbuns indies mais bacanas do ano passado, o disco de estreia “MAR”, o FingerFingerrr tocou neste ano em South by Southwest, em Austin, Texas, e em alguns outros endereços de boa música dos EUA.

Aliás, a banda, sem ainda o álbum de estreia e por conta de alguns singles, já havia realizado QUATRO temporadinhas de shows na América. Essas proezas e outras coisas da vida de uma banda nova independente foi contada por Flavio Juliano a mim no último Popload TV. Já viu?

O pôster oficial da tour entrega datas e locais do rolê europeu do FingerFingerrr. A imagem do duo que está chamando este post na home da Popload é de Daniela Ometto.

1 - FingerFingerrr_MAR_Europe_Tour_2017_Poster_v4

>>