Em friends:

Popload e as mulheres em Nova York. Episódio de hoje: Sleigh Bells

>>

* Popload em NYC.

* Aí de repente me dei conta que estou em Nova York na “semana da mulherada”. As que não são daqui estão atuando aqui: levei um “Hummm” da Madonna, uma (quase) trombada da Meryl Streep, shows da Anna Calvi, Oh Land, loirinha do Friends (a banda, não o seriado), Eleanor Franz Ferdinand, a fofa Carey Mulligan atuando no incrível filme “Shame” e a indie-punk-dubstep-haha Lisbeth, do “The Girl with the Dragon Tattoo”, que está em todas as maiores paredes de Nova York, além das capas de todas as revistas. New York Women Week. Tem a Lana del Rey, que agitou a semana e é daqui. E tem a Alexis, do Sleigh Bells.

* Ontem o Sleigh Bells, banda aqui do Brooklyn, a dupla indie que mais toca alto no planeta, lançou música nova. O Sleigh Bells, da gritadora Alexis Krauss, do Guitarrista Derek Miller e das bases e bateria programadas, estava meio sumidinha da cena, dando aquela “retirada estratégica” depois da bagunça do disco de estréia “Treats”, de 2010, e da penca interminável de shows desde o ano anterior. Só eu acho que vi uns 35 shows do Sleigh Bells e não aguentava mais, haha. Quase foram para o Brasil, inclusive. Ou “exclusive”…
Mas eis que o Sleigh Bells ressurge. Lançaram música nova, essa “Born to Lose” aí embaixo, que vai estar no segundo álbum, “Reign of Terror”, que sai no dia 14 de fevereiro aqui nos EUA, umas duas semanas antes na casa de todo mundo em todo o mundo.
A música achei mais ou menos, mas o que é legal é o falatório sobre a “nova fase” da Alexis. Ela, de porra-loka no primeiro disco, aparece toda gata, “explorando seu lado sexy” agora, para o segundo.
Aí, já virou zoeira nos blogs americanos, óbvio. O Hipster Runnoff não perdoou o “novo visual” dela e já ironicamente chama a garota de “a nova babe do indie”. E compara a roupa dela na “nova pegada” com as de show do Chris Martin e Julian Casablancas, hehe. O Sleigh Bells se programando para ir bem alto.

Então, ficamos assim: as fotos da nova fase da Alexa, as comparações com o “uniforme” do Coldplay/Strokes (na visão do Hipster Runoff) e o single novo do Sleigh Bells. Nessa ordem.

>>

Popload em NYC – Friends, ao vivo

>>

* Popload em Nova York. E o Friends do título não é o seriado, hein.

O Brooklyn tem tanta banda que de repente você passa batido e tem que ser lembrado de novo que ela existe. Agora chegou a vez de a singela Friends, quinteto indie dance cool do inspirado bairro nova-iorquino, voltar a gritar “Pick me, pick me”. Estão relançando agora em 2012 seus dois singles que fizeram certo barulhinho em blogs neste ano, prometem um disco de estréia para logo mais e estão super se metendo a fazer shows por todos os lugares. Na segunda-feira passada, tocara numa festa de final do ano, se apresentaram em um bar para executivos de gravadora e à noite encararam o Bowery Ballroom, em show de abertura para a dinamarquesa Oh Land!, atração para o próximo post.
Fique então com trecho da apresentação do Friends, no Bowery Ballroom. A música é “Friend Crush”, single a ser relançado em breve. Detalhe para a loirinha vocalista, a “sapeca” Samantha Urbani, que dança engraçado ao vivo, e dizem no Brooklyn não ser uma pessoa das mais fáceis, seja lá o que isso quer dizer…

>>