Em fun.:

Cover (improvável) do ano? Passion Pit fazendo o… Fun.

>>

A banda do louquinho (de verdade) Michael Angelakos lançou em 2012 o ótimo disco “Gossamer”. Neste ano, foi presença marcante no Lollapalooza Brasil, fez show histórico e sold out no gigante Madison Square Garden, em Nova York, e atualmente continua com sua turnê mundial, que no fim do mês vai para a Austrália.

O Passion Pit participou da série “Unexpected Covers”, que como o próprio nome diz, reúne artistas que geralmente cantam músicas de outras bandas que não são lá do mesmo gênero.

No mais recente número, o Angelakos pegou um piano, botou meninas para dar suporte e fez uma cover de “Carry On!”, hit da banda pop Fun. A galera anda meio dividida nos comentários do vídeo no YouTube. Ao menos, a faixa é bem candidata a cover improvável do ano, não?

Tem Que Ver Isso Aí: a semana na Popload

>>

>> SHOW & FESTIVAIS

* A incrível volta do STONES ROSES, por Diego Maia
* BONNAROO FESTIVAL: assista ao festival ao vivo! o/
* PRIMAVERA SOUND BARCELONA: o balanço final
* THE HORRORS, TENACIOUS D, JAY-Z e KANYE WEST: um fim de semana diferente
* THE HORRORS em Sorocaba: as grandes fotos

>> TEM QUE VER ISSO AQUI:

* INDIE CLASSICO: Iggy Pop, quem diria, pagando tributo para o BLACK KEYS!
* Enquanto isso, o dubstep do MUSE
* Affe. Vá ao vídeo novo do FUN., mas não me convide
* BEACH BOYS: os 50 anos da banda e a session fofa pra ROLLING STONE
* Ouça o HOT CHIP novo, tá HOT
* O TERNO: o vídeo do verão no inverno
* GIRLS: e no episódio desta semana teve…
* O corpo elétrico da LANA DEL REY
* Ahhh Laninha
* Músicas do Ano: a nova do WALKMEN e a velha do VACCINES
* Não veja e não ouça a música nova do RADIOHEAD
* DE CHORAR: mais um trailer incrível pro documentário do LCD SOUNDSYSTEM
* GRIMES e o que ela anda aprontando com o SKRILLEX
* JUSTIN BIEBER, o novo vilão do rock
* JOHNNY DEPP, o novo-velho queridinho do rock
* Tô falando: Black Keys é pop, Johnny Depp é indie
* O Melhor do Twitter: Holiday Edition

Indie-drama. Vá ao vídeo novo do Fun. mas não me convide

>>

* Não sei se você reparou, mas está uma onda de indie-teatro ultimamente. Tipo o dessa banda nova-iorquina Fun., assim com ponto final no nome, que só cresce e cresce. Conheci o Fun. no South by Southwest, em março, de tanto que se falava e escrevia e propagandeava a banda no Texas, durante o festival. Eles tinha acabado de lançar o segundo álbum, “Some Nights”, na verdade o primeiro “para valer”. Não dei muita bola até ver que o hit deles, o “We Are Young”, uma espécie de “Pumped Up Kicks” de 2012, estava tocando a sério na Sirius XMU, a melhor rádio do planeta.

A música do Fun. é dramática e ótima para ser cantada pela galera do “Glee”, entende? Isso, aqui nesse caso, ainda não é demérito, veja bem. “We Are Young” é boa. Mas o segundo single deles, “Some Nights” é meio chatinho, música e vídeo.

As referências são muitas para o Fun. Existe bastante de Killers da última fase no som da banda. Essa é a parte “boa”. Tem algo de Panic! at the Disco também, haha. Tem algo ainda de Mumford & Sons também, sem o sotaque britânico. A ótima Kimbra e o Gotye, mais a primeira, estão nessa de indie-teatro, repare. O Fun. está desembocando num indie pop americano frequentado por bandas como Foster the People, Friends e Grouplove. Faz sentido. E tem um flerte engraçado com o hip hop. O Kanye West adora a banda e já apadrinhou. A Janelle Monáe canta no primeiro single e se apresentou com os caras no MTV Awards de cinema, no último final de semana. O Fun. é total uma “banda dos novos tempos”.

E, ontem, lançaram o vídeo “guerra de secessão” de “Some Nights”, a faixa-título e segundo protótipo de hit. Isso depois de, fevereiro para cá, a banda entrar em trilha de mil seriados, desbancar recorde do Coldplay em parada de downloads da Billboard e cravar número um em singles na Inglaterra por causa de “We Are Young”, que tem quase 70 milhões de views no Youtube. Essa banda vai nos encher bem mais, hahaha. Dá uma sacada nas últimas do Fun. O vídeo no Movie Awards é de galera, olha só.

>>