Em green eyes:

Arlo Parks faz uma session santa em Nova York. Confira três músicas gravadas ao vivo para rádio americana

>>

Captura de Tela 2021-10-13 às 3.19.29 PM

* No final de setembro a linda Arlo Parks gravou uma session mais linda ainda para a rádio indie WFUV, de Nova York, obviamente registrada também em vídeo. A inglesa, dono do delicioso e delicado álbum de estreia “Collapsed in Sunbeams”, lançado no comecinho do ano.

É a segunda vez que Arlo Parks estabelece conexões ao vivo com a WFUV. Em março ela enviou uma session pronta para a rádio americana. A famosa live gravada.

Desta vez, foi os EUA gravar, la no sacrosanto The Sheen Center, centro cultural da Archdiocese of New York. Tinha até um pequeno público para dar um clima.

O resultado disso acabou de ir para o ar. Essa belezura aqui embaixo.

>>

French connection. Arlo Parks anda por Londres cantando suas músicas, com os franceses atrás

>>

Captura de Tela 2020-11-15 às 11.43.53 PM

* Rising star sem parar da música britânica, a cantora e poetisa Arlo Parks, 20 anos e alguns singles bomásticos, é bastante curtida na França, também e já. E não é de hoje. Mas agora foram longe demais os franceses.

Três entidades indies de lá, o canal Arte Concert Festival, o sensacional “Blogotheque”(projeto online de filmes musicais) e a grande revista “Les Inrockuptibles”, foram até Londres no fim de outubro gravar uma session de rua com Arlo Parks, que foi divulgada neste final de semana.

A session se chama “Long Distance Call” e traz performances da inglesa para suas canções “Hurt” e “Green Eyes”, de um modo intimista, andando pelas ruas de Hackney, bairro famoso e artsy da capital inglesa.

“Foi tão saudável e sólido vagar por Hackney cantando umas músicas para a @blogotheque e o @ARTEconcertFR”, disse Arlo Parks no Twitter. “Desce o dedo no link para me ver cantando com meu coração outonal sangrando, em público.”

Que coisa lindinha é essa Arlo Parks e suas gemas pop.

>>

Arlo Parks dá charme à música inglesa em novo single. Ouça (e veja) “Green Eyes”

>>

* Como gostamos da Arlo Parks por aqui. A inglesinha de 20 anos, que há dois anos já arranca frases do tipo “Como gosto da Arlo Parks” (viu?) mas ainda nem tem um disco para chamar de nosso, vai lançar finalmente este tal álbum de estreia.

Se chama “Collapsed in Sunbeams” e sai em 2021 ainda, mas em janeiro então beleza.

Cantora e poeta de um mesmo quilate, Arlo Parks soltou ontem mais uma pérola musical, seu mais novo single, a linda “Green Eyes”, um dos seus muitos lançados neste ano rumo a este encantado disco de estreia.

Como se por si só já não se bastasse, “Green Eyes” tem a ilustríssima participação vocal da amiga Clairo, americana da mesma safra valiosa de Parks, mas que já conseguiu lançar seu primeiro disco.

Há um forte sentido homoafetivo em “Green Eyes”, muito por tanto Parks quanto Clairo serem bissexuais assumidas. A letra fala sobre desencontros na linha “É claro que sei por que duramos dois meses. Você não pôde segurar minha mão em público”.

Algo a se falar mais sobre Arlo Parks é o quanto ela consegue traduzir as atualidades musicais de sua volta (o pop inglês, o grime, o indie feminino) com muita personalidade e um toque classudo que não se vê toda hora, numa linha Lauryn Hill ou Lisa Stensfield.

Enfim, vamos ao single novo: abaixo, o lindo vídeo de “Green Eyes” e a capa do álbum “Collapsed in Sunbeams”.

***

arlo parks

>>