Em Hot Chip:

Você está preparado? Alexis Taylor troca as batidas eletrônicas do Hot Chip por um piano

>>

200416_alexis2

O distinto Alexis Taylor, voz marcante do sempre bom Hot Chip, resolveu dar uma desacelerada em seu som e anuncia para dia 10 de junho um disco solo composto por canções tocadas (e cantadas, claro) por ele ao piano. Apenas isso. O nome do álbum, atenção, é… “Piano”.

A obra terá 11 faixas no total, algumas delas reinterpretações de sua própria carreira, outras covers. O primeiro single é a faixa de abertura “I’m Ready” e mostra como a potência e sensibilidade vocal de Taylor serão exploradas no álbum.

Você está preparado?

Piano – Tracklist
01. I’m Ready
02. So Much Further to Go
03. Crying in the Chapel
04. Without Your Name
05. In The Light of the Room
06. Lonely Vagabond
07. Repair Man
08. Don’t Make My Brown Eyes Blue
09. I Never Lock That Door
10. Just For A Little While
11. Don’t Worry

Olha o Hot Chip de novo. Agora remixando o New Order

>>

100215_hotchip1

Tudo dance. Tudo brit. Tudo em casa. O incrível grupo inglês Hot Chip, que brindou nossas vidas ontem com uma das músicas mais espetaculares do ano, que une de forma improvável (ou não) o veterano Bruce Springsteen com o saudoso LCD Soundsystem, também resolveu botar a mão em outro grupo famoso mundialmente, o New Order.

A banda de Manchester lançou recentemente o bom álbum “Music Complete”. Dele, o Hot Chip pegou a faixa “Tutti Frutti” e retrabalhou as batidas eletrônicas do seu jeito.

160915_neworder1

“Music Complete”, o disco do New Order, é o primeiro da icônica banda sem o icônico baixista Peter Hook, graças às tretas constantes envolvendo as duas partes. O 10º álbum da banda que nasceu das cinzas do Joy Division é o primeiro trabalho cheio de estúdio deles em uma década.

O Hot Chip lindão, que vem ao Brasil no fim do ano para estrelar o Sónar São Paulo e se apresentar também no Rio, lançou neste ano o ótimo “Why Make Sense?”, primeiro álbum deles em três anos, o sexto na carreira.

>>

Hot Chip junta Bruce Springsteen e LCD em remix

>>

* Me abraça, Hot Chip.

190615_hotchip

Um dos hits dos festivais do verão europeu passado foi da banda indie dance inglesa Hot Chip. O grupo de Alexis Taylor, acostumado a transformar qualquer espaço em uma imensa pista de dança, está viajando pelo mundo para divulgar seu ótimo álbum novo, “Why Make Sense?”, lançado no primeiro semestre. Mas, por uma dessas coisas gozadas da vida, o tal hit do verão não está no disco. Mas vai estar. Veja bem…

Nos shows ao vivo, o grupo britânico inventou de fazer uma cover do clássico “Dancing in the Dark”, do incrível roqueiro working-class americano Bruce Springsteen. Não apenas pegou o Bruce, mas emendou na parte final “All My Friends”, big hit do lindo LCD Soundsystem. Aí é demais para os nossos corações.

A releitura fez tanto sucesso nos shows que, em uma delas, o veterano David Byrne cantou, em um show em Nova York. E, agora, o Hot Chip meteu uma versão de estúdio em um novo EP que terá quatro faixas e será lançado na próxima sexta-feira, 23 de outubro.

A versão final ficou com mais de 7 minutos, com a parte do LCD Soundsystem entrando ali pelo minuto 5:00 e cantada pelo guitarrista Al Doyle, que fez parte da última fase do LCD Soundsystem, em suas excursões para shows.

Além da faixa épica, que periga ser a melhor lançada neste ano, o EP contará com uma versão de “Cry for You”, do último disco do Hot Chip, além de duas remixes para “Huarache Lights”, feitas pelo A/Jus/Ted e o incrível Soulwax. A mistura do Springsteen com James Murphy também vai sair numa nova edição deluxe de “Why Make Sense?”, que será lançada também no próximo fim de semana.

A espetacular versão de estúdio de “Dancing in the Dark / All My Friends” ganhou vídeo lindão, que mescla imagens dos anos 80 com flashes de shows do Hot Chip. Vale lembrar que a banda vem ao país no fim de novembro, para shows no Rio de Janeiro (Sacadura 154, 27/11) e São Paulo (Sónar, 28/11).

>>

Soulwax incrível faz remix para o Hot Chip

>>

* Deve ser “difícil” você ser uma banda, compor um hit incrível e daí vêm os irmãos belga do Soulwax, botam suas mãos mágicas em cima e… pronto: a música vira deles.

p01bqgzz

Soulwax ou 2ManyDJs, o negócio é que os irmãos Dewaele remixaram a incrível “Huarache Lights”, uma das impactantes músicas do último álbum do grupo inglês Hot Chip, o delicinha “Why Make Sense?”. Daí…

O remix do Soulwax estreou agora há pouco em rádio, no programa do grande Zane Lowe, na Beats 1.. E vai constar da versão luxo do disco do Hot Chip, que vai ser lançado (ou relançado) no final de outubro.

O Soulwax, há umas duas semanas, já havia aparecido na cena “estragando” a fabulosa “Let It Happen”, do Tame Impala. As pistas nem bem sossegaram e eles vêm com esta agora:

Florence meio funky. Coisa do Hot Chip

>>

190515_florence1

Florence Welch sempre manteve uma aura indie-gospel que hipnotiza muita gente. Às vezes é até irritante (sorry). Mas caiu bem a Florence versão funky com um pé no house que o Hot Chip bolou.

A releitura é para a faixa “Queen of Peace”, presente no bom disco “How Big, How Blue, How Beautiful”, o mais recente da Florence and the Machine.

* Coincidência boa, o Brasil está no caminho das duas bandas inglesas. O Hot Chip vem antes, em novembro, para estrelar o Sónar SP. No ano que vem, Florence deve ser uma das principais atrações do Lollapalooza Brasil.

100215_hotchip1

>>