Em Human League:

Damon Albarn por todo lugar: na TV, no rádio, com disco novo, tocando Blur, fazendo cover…

>>

* Damon Albarn é o cara. Lançou seu lindaço segundo álbum solo na última sexta-feira, o “The Nearer the Fountain, More Pure the Stream Flows”, vai vir com tudo para shows na América do Sul no ano que vem com o Gorillaz e anda tocando Blur em sessions e apresentações recentes. Olha o repertório de boas músicas que ele acumula!!!

Do dia que saiu o disco para cá, a gente juntou algums momentos de Damon Albarn nos últimos dias espalhando sua música em rádio britânica, TV americana e até fazendo cover incrível de banda absurda.

Resumindo, abaixo temos Albarn mandando uma performance da absurda “Dakrness to Light”, do disco novo, para o programa do Jimmy Fallon, tocando o superhit “Don’t You Want Me”, do Human League, na Radio 2 (programa da maravilhosa Jo Whiley), e encerrando seus shows no Pryzm Kingston, no sul de Londres, e na loja Rough Trade, no East, com a clássica “Beetlebum”, do Blur, ao piano.

>>

Retro-setembro. Heróis dos anos 80, PIL, Human League, OMD e Gary Numan devem tocar aqui no segundo semestre

>>

* Ah, os anos 80. A galera saudosa da new wave e afins tem motivos para comemorar 2018. Para depois que o Depeche Mode passar, e depois que o Pretenders passou, setembro pode estar reservando momentos de agitos retrô. O Madame Satã ainda funciona?

pil

Galera do Uruguai e da Argentina espalha, ainda extra-oficialmente, que o grande PIL, banda dois do ex-punk sempre doido Johnny Lydon (foto acima, ex-Rotten, Sex Pistols, enfim), tem confirmada uma turnê pela América do Sul, Brasil incluído, que vai percorrer a região da segunda quinzena de agosto até setembro. Por aqui, também nada ainda oficialmente revelado. Mas a turnê do Public Image Ltd. por aqui é séria, sim.

omd

Em forma de pacote, três nomes famosíssimos nos 80 estão armando shows por aqui também, à parte a tour do PIL.
A banda inglesa Human League e a conterrânea Orchestral Manoeuvres in the Dark (OMD, foto do duo acima) devem desembarcar em terras latinas para uma tour conjunta, trazendo a reboque outra interessante figura carimbada da época, o cantor new wave Gary Numan, que já foi tão grande quanto, sei lá, os Gallaghers.

Os três nomes ainda soltam disco e fazem shows cheios pela Europa toda.

O OMD lançou no final do ano passado seu 13º álbum, “The Punishment of Luxury”, e excursionou com ele até pelos EUA.

O Human League fez turnê gigante nos dois últimos anos e lançou uma coletânea e uma caixa de vinis para fãs algo recentemente. Em 2014, seu grande hit, a maravilhosa “Don’t You Want Me”, voltou ao top 20 nas paradas britânicas porque um time escocês, o Aberdeen, foi campeão e resgatou a música nas arquibancadas, com a letra mudada. O Reino Unido não dá, de tão legal.

O Gary Numan, 60 anos, lançou disco novo no ano passado que chegou a número 2, na parada da Inglaterra. E desde então excursiona com shows pela Europa.

gary1

Gary, acima, como herói da new wave. Abaixo, Gary right now

Gary-Numan-850136

A foto que ilustra a home da Popload para este post traz o Human League hoje.

Todo mundo vivão!!!

>>