Em James Murphy:

Rolêzinho bom: James Murphy e 2ManyDJs reativam Despacio em Nova York, com três noites e 24 horas de música

>>

Em uma época na qual o LCD Soundsystem já não existia mais, o gênio James Murphy resolveu se aliar a dois pesos pesados da eletrônica: os irmãos Dewaele, do Soulwax/2ManyDJs.

Junto com David e Stephen, Murphy criou o Despacio, um projeto customizado de soundsystem composto por sete caixas de 50,000-watts de potência, com mais de 10 metros de altura e ainda 48 amplificadores, cada um custando mais de 20 mil euros. Isso foi tipo em 2012, 2013.

Aí que, cinco anos depois, o trio resolveu matar as saudades da bagunça sonora e anunciou para o fim de março três apresentações em Nova York. O agito vai rolar em Maspeth, região do Queens, e vai durar nada menos que 8 horas por noite.

Os ingressos serão colocados à venda na sexta agora. Se você estiver de bobeira por Nova York e redondezas…

>>

You wanted a hit… “Sobrou” uma preciosidade do LCD Soundsystem no Austin City Limits para a galera da internet

>>

060218_lcdsoundsystem2

Em meio ao p*** show que foi exibido do LCD Soundsystem em rede nacional no último final de semana, na TV americana, claro, sobrou um mimo para a galera da internet. Ou seja, nóis.

O Austin City Limits separou para a turma da web uma performance simplesmente sensacional da banda de James Murphy tocando o hit (!) “You Wanted a Hit”, lançado em 2010 no álbum “This is Happening”.

Nunca é demais lembrar, o LCD Soundsystem estará dia 23 de março, sexta-feira, no Autódromo de Interlagos abrilhantando a programação do Lollapalooza 2018.

You Wanted a Hit (Live on Austin City Limits – Web Exclusive) by LCD Soundsystem on VEVO.

>>

Jimmy Kimmel invade o Brooklyn e é recebido pelo LCD Soundsystem ao som de “Tonite”

>>

171017_lcd2

Pela terceira vez em sua história, o programa do Jimmy Kimmel firmará residência de uma semana no Brooklyn, mais precisamente na linda Brooklyn Academy of Music. O primeiro episódio da série rolou na noite de ontem e teve nada menos que os “locais” LCD Soundsystem dando as boas vindas.

A trupe incrível de James Murphy mostrou ao vivo a ótima “Tonite”, talvez melhor faixa do último disco deles, o recém lançado “American Dream”, primeiro #1 deles na Billboard.

Nunca é demais lembrar que o LCD Soundsystem vai mostrar esta e outras canções espetaculares no Brasil, no início do ano que vem, já que eles serão uma das principais atrações do Lollapalooza 2018, que acontece entre os dias 23 e 25 de março, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

>>

LCD Soundsystem invade a TV com uma das músicas do ano. Ao vivo, “Tonite” ficou ainda melhor

>>

270917_lcd2

Uma das atrações desta semana do sempre bom programa do Jools Holland foi nada menos que o LCD Soundsystem, nossa banda predileta, mais uma a encorpar o lineup absurdo do Lollapalooza Brasil 2018 divulgado na manhã de hoje.

A trupe de James Murphy apareceu na BBC para mostrar seu novo disco, “American Dream”, lançado no início desde mês, que marca de forma definitiva o retorno da banda que chacoalhou as pistas de dança indies no início da década passada até agora.

A faixa que foi ao ar na TV foi a belíssima “Tonite”, uma das melhores do álbum, que nos oferece o melhor do grupo de James Murphy, que são suas eletronices cool, interferências estranhas bem colocadas, voz deliciosa, letras irônicas de um lado e pesada de outro, por conta da mania do Murphy de achar que está velho demais para tudo, pontua a canção entre falsetes e vocoder.

Ao vivo ficou ainda melhor do que a versão de estúdio, achei.

>>

LCD Soundsystem renasce de vez com um lindo disco novo. Ouça “American Dream”

>>

010917_lcdsoundsystem2

Enfim está entre nós o aguardadíssimo “American Dream”, simplesmente o novo álbum do amado LCD Soundsystem, banda essencial de 10 entre 10 fãs de música boa, patrimônio histórico da música alternativa moderna, que já tocou em eventos como Popload Gig e residência no Madison Square Garden, se matou porque perdeu “seu edge” e reviveu anos depois, para nossa alegria.

Puxado pelos singles “Call The Police” e o que dá título ao projeto, “American Dream” tem 10 faixas inéditas e fará a banda de James Murphy viajar pelo mundo, com parada obrigatória no Brasil para o Lollapalooza 2018, lá em Interlagos.

A notícia “ruim” no meio desse boom de alegria todo é que o disco foi o último a ser gravados no estúdio original da mitológica DFA Records, um dos selos mais legais do mundo desde a explosão do novo rock, no comecinho dos anos 2000, capitaneado pelo próprio Murphy.

O prédio onde funcionava a DFA e a Plantain Recording House, um estúdio em um porão, estava à venda desde maio de 2016 e foi comercializado por cerca de 16 milhões. O espaço, onde Murphy trabalhou e revolucionou o (nosso) mundo por 20 anos, e gravou os três álbuns anteriores do LCD Soundsystem, também foi palco para gravações de bandas como Hot Chip e Holy Ghost!.

Vale lembrar que DFA Records enquanto selo teve um papel fundamental nessa explosão indie do novo rock, com epicentro em Nova York, quando por volta de 2001 os Strokes surgiram gritando “Last Nite”, enquanto do outro lado da ponte o Rapture, com single lançado pela DFA, berrava nas pistas a bombástica “House of Jealous Lovers”. De lá para cá, com os álbuns do LCD Soundsystem, singles do Juan Maclean e produção-coletâneas-remixes de gente como Le Tigre, Soulwax, Hot Chip, Chemical Brothers, Radio 4, entre muitos outros, a DFA fez do mundo indie dance um lugar incrível para se viver, nos oferecendo agora “American Dream”, que pode ser ouvido na íntegra abaixo.

>>