Em James Murphy:

Jimmy Kimmel invade o Brooklyn e é recebido pelo LCD Soundsystem ao som de “Tonite”

>>

171017_lcd2

Pela terceira vez em sua história, o programa do Jimmy Kimmel firmará residência de uma semana no Brooklyn, mais precisamente na linda Brooklyn Academy of Music. O primeiro episódio da série rolou na noite de ontem e teve nada menos que os “locais” LCD Soundsystem dando as boas vindas.

A trupe incrível de James Murphy mostrou ao vivo a ótima “Tonite”, talvez melhor faixa do último disco deles, o recém lançado “American Dream”, primeiro #1 deles na Billboard.

Nunca é demais lembrar que o LCD Soundsystem vai mostrar esta e outras canções espetaculares no Brasil, no início do ano que vem, já que eles serão uma das principais atrações do Lollapalooza 2018, que acontece entre os dias 23 e 25 de março, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

>>

LCD Soundsystem invade a TV com uma das músicas do ano. Ao vivo, “Tonite” ficou ainda melhor

>>

270917_lcd2

Uma das atrações desta semana do sempre bom programa do Jools Holland foi nada menos que o LCD Soundsystem, nossa banda predileta, mais uma a encorpar o lineup absurdo do Lollapalooza Brasil 2018 divulgado na manhã de hoje.

A trupe de James Murphy apareceu na BBC para mostrar seu novo disco, “American Dream”, lançado no início desde mês, que marca de forma definitiva o retorno da banda que chacoalhou as pistas de dança indies no início da década passada até agora.

A faixa que foi ao ar na TV foi a belíssima “Tonite”, uma das melhores do álbum, que nos oferece o melhor do grupo de James Murphy, que são suas eletronices cool, interferências estranhas bem colocadas, voz deliciosa, letras irônicas de um lado e pesada de outro, por conta da mania do Murphy de achar que está velho demais para tudo, pontua a canção entre falsetes e vocoder.

Ao vivo ficou ainda melhor do que a versão de estúdio, achei.

>>

LCD Soundsystem renasce de vez com um lindo disco novo. Ouça “American Dream”

>>

010917_lcdsoundsystem2

Enfim está entre nós o aguardadíssimo “American Dream”, simplesmente o novo álbum do amado LCD Soundsystem, banda essencial de 10 entre 10 fãs de música boa, patrimônio histórico da música alternativa moderna, que já tocou em eventos como Popload Gig e residência no Madison Square Garden, se matou porque perdeu “seu edge” e reviveu anos depois, para nossa alegria.

Puxado pelos singles “Call The Police” e o que dá título ao projeto, “American Dream” tem 10 faixas inéditas e fará a banda de James Murphy viajar pelo mundo, com parada obrigatória no Brasil para o Lollapalooza 2018, lá em Interlagos.

A notícia “ruim” no meio desse boom de alegria todo é que o disco foi o último a ser gravados no estúdio original da mitológica DFA Records, um dos selos mais legais do mundo desde a explosão do novo rock, no comecinho dos anos 2000, capitaneado pelo próprio Murphy.

O prédio onde funcionava a DFA e a Plantain Recording House, um estúdio em um porão, estava à venda desde maio de 2016 e foi comercializado por cerca de 16 milhões. O espaço, onde Murphy trabalhou e revolucionou o (nosso) mundo por 20 anos, e gravou os três álbuns anteriores do LCD Soundsystem, também foi palco para gravações de bandas como Hot Chip e Holy Ghost!.

Vale lembrar que DFA Records enquanto selo teve um papel fundamental nessa explosão indie do novo rock, com epicentro em Nova York, quando por volta de 2001 os Strokes surgiram gritando “Last Nite”, enquanto do outro lado da ponte o Rapture, com single lançado pela DFA, berrava nas pistas a bombástica “House of Jealous Lovers”. De lá para cá, com os álbuns do LCD Soundsystem, singles do Juan Maclean e produção-coletâneas-remixes de gente como Le Tigre, Soulwax, Hot Chip, Chemical Brothers, Radio 4, entre muitos outros, a DFA fez do mundo indie dance um lugar incrível para se viver, nos oferecendo agora “American Dream”, que pode ser ouvido na íntegra abaixo.

>>

LCD Soundsystem mostra nova música de quase 14 minutos que não está no disco que sai nesta sexta

>>

* Captou?

Foto: Red Eye Chicago

Foto: Red Eye Chicago

A poucas horas de lançar seu aguardadíssimo “American Dream”, disco que marca o retorno do seminal LCD Soundsystem, a turma liderada pelo gênio James Murphy soltou uma nova música que não está no projeto. Oba!

Chamada “pulse (v.1)”, a canção tem duração de quase 14 minutos e é toda instrumental. Nos serviços de streaming, a capa é a do disco novo, o que indica que a faixa pode aparecer em alguma versão deluxe.

Uma das bandas mais incríveis deste novo século, o LCD Soundsystem virá ao Brasil ano que vem para ser uma das principais atrações do bombado Lollapalooza, em Interlagos. “American Dream”, o disco novo, chega ao nosso alcance nas primeiras horas desta sexta.

040817_lcdsoundsystemcapa

>>

LCD Soundsystem news: o nome do disco novo, a lista das músicas, a turnê, os shows no Brooklyn, o novo vídeo

>>

Captura de Tela 2017-06-19 às 9.51.17 AM

* Uma pequena avalanche de notícias relacionadas a uma das mais gratificantes bandas de rock misturado à eletrônica que nos faz feliz há uns 15 anos já. O novo e quarto disco do LCD Soundsystem vai se chamar “American Dream”. Tem o lançamento esperado para o dia 1º de setembro via DFA e pela Columbia Records. Acabaram de anunciar, no meio de várias datas de shows, a primeira turnê britânica desde 2011: serão duas apresentações em Manchester, uma em Glasgow e outra em Londres, tudo em setembro. Anunciaram ainda que no meio disso tudo está uma residência de cinco shows em Los Angeles e mais DEZ no Brooklyn Steel, em Nova York, em novembro. Falando nisso, neste momento estão no meio de uma segunda grande residência de sete shows esgotados no novo Brooklyn Steel, em Nova York. A primeira foi em abril. Ah, e a faixa que abre o novo disco tem o nome de “Oh Baby”.

Sobre os concertos no Brooklyn, hoje à noite acontece o terceiro deles, que ainda rolam amanhã, quarta, sexta e sábado. Nos que ocorreram sexta e sábado passados a trupe comandada por James Murphy tocou os clássicos e as quatro músicas novas, colocadas numa sequência: “Emotional Haircut”, “Tonite” (o próximo single, que ganhará um vídeo “experiência” interativo, tipo o do Aldo The Band), a genial “Call the Police” e “American Dream”, que vai dar nome ao próximo disco, apareceram no final do show, imediatamente antes do bis.

De novo, James Murphy encorajou as pessoas a não gravarem em vídeos as músicas do show.

lcd aviso

Mas uma coisinha ou outra apareceu no Instagram da galera:

@lcdsoundsystem dance party 💃🏼👌🏼

Uma publicação compartilhada por Kari DeLonge (@karidelonge) em

#lcdsoundsystem made my year. Best venue, best band, best people, best night. #brooklyn #lcd #neverchange

Uma publicação compartilhada por Alejandro (@dro__26) em

"June tour dates" #lcdsoundsystem

Uma publicação compartilhada por @djmarkdean em

*****

* A lista das músicas de “American Dream”, o quarto disco do LCD Soundsystem, será a seguinte:

– oh baby
– other voices
– i used to
– change yr mind
– how do you sleep?
– tonite
– call the police
– american dream
– emotional haircut
– black screen

>>