Em jane’s addiction:

Em Los Angeles: Foo Fighters faz show com uma pequena ajuda dos amigos

>>

171114_ff

Não é só o Damon Albarn que andou recebendo alguns parças no palco em shows neste fim de semana. O Foo Fighters tem realizado shows em clubinhos nas cidades onde a banda gravou seu mais recente álbum, “Sonic Highways”, lançado semana passada.

Junto, vai ao ar toda sexta-feira no canal americano HBO um episódio da série de 8 capítulos que aborda as gravações do álbum, divididos por cidade. Assim que termina o episódio na TV, o Foo Fighters faz um show na cidade “tema”. O da sexta passada foi em Los Angeles, onde eles tocaram no clubinho Roxy, em West Hollywood, para cerca de 500 fãs.

171114_fooposter

No palco, Dave Grohl & Co. receberam dois personagens de peso do rock americano. Perry Farrell (Jane’s Addiction) e Joe Walsh (Eagles) reforçaram o Foo Fighters na interpretação de “Mountaing Song”, um dos clássicos da banda do pai do Lollapalooza. Walsh, que participa de “Sonic Highways”, ainda tocou a incrível “Outside”.

Tudo foi devidamente registrado, claro.

* Setlist
The Feast and the Famine
Learn to Fly
White Limo
Arlandria
Times Like These
Rope
The Pretender
My Hero
Hey, Johnny Park!
Monkey Wrench
Congregation
Cold Day in the Sun
In the Clear
I’ll Stick Around
Generator
Walk
Outside (com Joe Walsh)
Rocky Mountain Way (com Joe Walsh)
Mountain Song (Jane’s Addiction cover – com Perry Farrell e Joe Walsh)
All My Life
Miss You (The Rolling Stones cover)
Dear Rosemary
Breakdown (Tom Petty and the Heartbreakers cover)
Best of You
Something From Nothing
Under Pressure (Queen & David Bowie cover)
Everlong

** O Foo Fighters faz turnê pelo Brasil no fim de janeiro, nas cidades de Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. Ainda não se sabe se a banda trará algum convidado especial.

>>

Jamais esqueça o Arcade Fire. Na onda de covers, tocaram “Been Caught Stealing”, do Jane’s Addiction, em LA

>>

Screen Shot 2014-08-04 at 11.40.43

* Haja banda e cidade e tempo de ensaio para o Arcade Fire fazer suas covers em homenagem a artistas e grupos locais, por onde passa a inesgotável turnê do álbum “Reflektor”. Sábado passado foi a vez de Los Angeles ver o show. As máscaras, as piadinhas, as covers. Tudo como programado.

Mas a homenagem da vez à principal cidade californiana, no show do Forum, mexeu com dois mitos musicais da cidade: Jane’s Addiction e Guns N’ Roses. “Been Caught Stealing” do primeiro e “Welcome to the Jungle” serviram de intro para “Here Comes The Night Time”, musicaça do grupo canadense. E olha que eles já haviam zoado, com a banda fake, a “Sweet Child O’ Mine”, do Axl querido.

Confira a bagunça californiana.

>>

Lollapalooza BR, dia 2 – Os vídeos

>>

O melhor melhor do domingo do Lolla, o dia em que praticamente tudo funcionou no festival. Estes são alguns vídeos que a equipe da Popload escolheu como momentos cool do evento, que levou uma verdadeira multidão que ama música para o Jockey Club neste final de semana.

Foi ontem o dia que pairava a maior dúvida do line up: ver de perto o Deus do dubstep Skrillex ou não deixar de acompanhar a ótima molecada indie do Foster The People? As duas atrações estavam programadas e aconteceram mesmo em horários conflitantes, tendo início pouco depois das 19h, quando a chuva insana que ameaçava cair sobre o Jockey ficou só na ameaça. Acabou que os dois shows tiveram públicos excelentes e não deixaram a desejar.

* Horas antes, o maluquinho Ed Macfarlane incendiou o palco Butantã com seu Friendly Fires. Dá até para desconfiar que toda aquela chuva que armou por lá foi resultado das suas danças. Vai saber…

* Perry Farrell, o dono do Lolla, bem que poderia ter colocado seu histórico Jane’s Addiction para tocar no palco principal, antes do Arctic Monkeys. Mas ele resolveu levar a sério seu espírito underground. Fez um show vazio para o tamanho da sua banda, mas ele só estava ali para se divertir.

* A penúltima atração dentro da programação do festival era para ser a turma responsa dos Racionais MC’s. Era. O atraso, já relatado por aqui, fez com que Mano Brown & Co. encerrassem na prática o Lollapalooza Brasil, já que o show do grupo terminou uns 10 minutos depois do Arctic Monkeys, a atração “oficial” de encerramento. Mesmo assim, enquanto a molecada estava insana no palco Cidade Jardim, o principal, e Alex Turner oferecia o primeiro hit da banda para as meninas, os Racionais se apresentavam para ótimo público na tenda Perry. Que tal, tá bom?

Lollapalooza BR, dia 2 – As fuetos

 

>>

* Tudo imagens do Fabricio Vianna, gente.

Ed MacFarlane, do Friendly Fires, em edição “família”. O mais importante a ser mostrado na foto era a parte debaixo, o quadril

Tá bom, vai…

 

MGMT. Muita psicodelia anos 70 para uma banda indie anos 2000

 

O “ucrano-carioca” Eugene Hutz, da banda gipsy punk Gogol Bordello, em momento até que calminho, dando entrevistas…  

O novo “rei das menininhas” Mark Foster, do Foster the People: galera do Twitter encanou com a Lacoste dele, haha

 


Já essa galera queria mais era ouvir, ao vivo, “Pumped Up Kicks” versão electro-dub maximal de 10 minutos

“Hello São Paulooooo. Meu nome é Skrillex e eu sou o rei da música eletrônica”

“Entenderam ou eu vou ter que repetir?”

O Perry Farrell está querendo copiar o estilo Boss in Drama ou é só impressão?


Mas é bom respeitar o Jane’s Addiction: ainda é a banda de Dave Navarro e Perry Farrell no fim das contas


Alex e Matt, do Arctic Monkeys. Seria o melhor show do festival?

Foi, Alex?

Foi, Matthew?

Já que os fãs dos Racionais não pagariam R$ 300 para ver a banda no Lolla, a banda levou um monte deles de graça para o festival. Direto para o palco


 Discurso do Brown, pregação pelas diferenças, nenhum “hit”, muito atraso. Show do Racionais é assim mesmo: embaçado

E, aí, o Lollapalooza Brasil acabou…

>>

Hoje: Natal indie em Los Angeles com Grouplove, Florence, Noel Gallagher, Foster The People, Black Keys, Jane's e muito mais

>>>

Acontece neste final de semana em Los Angeles – nova cidade musical mais legal do planeta – o Almost Acoustic Christmas, festival anual promovido pela big KROQ (a FM mais famosa do mundo, bordão deles) que sempre conta com um line up bastante atrativo de bandas que fazem sets especiais, com versões full band ou acústicas mesmo, mas com shows mais curtos. O evento começou ontem com uma turma mais “pop rock”, como Sublime With Rome, Social Distortion e Blink 182.

A escalação de hoje é mais indie. Ou, se você preferir, mais “a nossa cara”. Por volta de 17h30 (horário de lá), tem uma ótima sequência de shows com Grouplove, The Naked & Famous, Foster The People, Cage The Elephant, Noel Gallagher’s High Flying Birds, Florence & The Machine, Death Cab For Cutie, Mumford & Sons, The Black Keys e Jane’s Addiction.

O mais legal disso tudo é que dá para assistir/ouvir ao vivo no site da rádio.

* Os horários dos shows (de Los Angeles). O fuso atual é -6h, acho:
17:30 – Grouplove
17:55 – The Naked & Famous
18:20 – Foster The People
18:50 – Cage The Elephant
19:20 – Noel Gallagher’s High Flying Birds
19:50 – Florence & The Machine
20:30 – Death Cab For Cutie
21:10 – Mumford & Sons
21:55 – The Black Keys
22:40 – Jane’s Addiction