Em jehnny beth:

Não basta ser uma das rádios mais legais do planeta. A inglesa 6Music tem ainda um festival incrível. Veja Black Midi, Brittany Howard, Kim Gordon e a rapa, tudo ao vivo

>>

* Sai pra lá, Corona!

6music

Não sei se você já escutou ou escuta, mas deveria. Tem uma rádio do gigantesco conglomerado inglês de comunicação BBC, só digital, fora do dial britânico, que se chama 6Music. Funciona por satélite, TV digital e… bem… internet.

A BBC 6Music, ou BBC 6, é um dos maiores celeiros de música genuinamente independente do planeta. Foi criada em 2002 como projetinho online da BBC para testar esse negócio de internet, mas desde os meados da década, principalmente quando poperizaram de vez a Radio 1 e botaram o DJ herói Steve Lamacq para ser exclusivo dela, a coisa ficou séria. Lamacq tem um programa diário, toda tarde da Inglaterra, hora do almoço.

((Neste mesmo minuto em que escrevo, Lamacq está tocando um Nick Cave ao vivo.))

Tem outras maravilhas na 6Music: as incríveis DJ Mary Anne Hobbs e Lauren Laverne é da 6Music. Outra do time das mulheres incríveis da emissora é a galesa Cerys Matthews, que um dia cantou na banda Catatonia (sdds!).

O Iggy Pop tem programa lá. O Don Letts também. O Jarvis Cocker vira e mexe apresenta algo na 6Music. O Cillian Murphy, o principal do seriado campeão “Peaky Blinders”, também.

((Lamacq tocou agora Squid (manja Squid!!!!, novinha, de Brighton) e na sequência uma das novas lindas da francesa Christine and the Queens.))

Bom, toda essa divulgada linda e gratuita para a 6Music apenas para falar que eles têm um festival indie pequeno incrível.

((Bom, no Lamacq já entrou agora um Human League antigão e nada óbvio. Para depois vir a nova do Gbostpoet, a absurda “Concrete Pony”.))

O 6Music festival do ano passado, olha o naipe, rolou em Liverpool e teve Fontaines DC, Idles, Anna Calvi, Hot Chip, Little Sims, Slowthai, Charlotte Gainsbourg e uma série de outras atrações.

O deste ano aconteceu agora, neste final de semana, em Londres, ocupando em dois dias a sensacional casa Roundhouse, de Camden Town. A edição 2020 teve no line-up gente como Black Midi (showzinhos aqui logo mais), Kate Tempest, a Brittany Howard, a Jehnny Beth solo (do Savages, na foto lá em cima), a Kim Gordon, o Bombay Bycicle Club e o EOB, o projeto solo do radiohead Ed O’Brien (a imagem da home da Popload), entre outros nomes.

Aqui a gente tem alguns videozinhos, um áudio e um trecho especial de uma discotecagem para mostrar.

>>

Além de tudo, é chique: Jehnny Beth, do Savages, reúne Primal Scream, IDLES e LIFE em programa de TV

>>

020320_jehnny2

O canal francês de cultura ARTE divulgou em seus espaços digitais neste final de semana o programa ECHOES, apresentado por nada menos que Jehnny Beth, a líder incrível da banda inglesa Savages.

O programa mistura música e bate-papo cabeça sem filtro e reuniu três bandas: Primal Scream, IDLES e o LIFE.

Diz a Jehnny que este era um seu desejo de muitos anos. “Sempre quis reunir músicos e permitir que essas pessoas do nosso meio se interajam. Compartilhar nossos erros, nossas histórias engraçadas, prazeres, arrependimentos. É um reflexo natural durante as conversas entre artistas. Quero trazer para o público o tipo de discussões mais íntimas e inspiradoras que testemunhei tantas vezes”, contou.

O programa foi rodado no clubinho YOYO, em Paris, e pode ser conferido abaixo. Dura uma hora e tem todo mundo tocando.

>>

Jehnny Beth deixa o Savages de lado e anuncia seu primeiro disco solo. Tem o Joe Talbot e a Romy Madley Croft envolvidos

>>

Amiguinha do Damon Albarn e do Noel Gallagher, a carismática e incrível Jehnny Beth, líder do também incrível Savages, deu os detalhes de seu primeiro disco solo.

“To Love Is to Live” será lançado dia 8 de maio e terá participações especialíssimas do ator Cillian Murphy, do intenso Joe Talbot (IDLES), e da cantora e instrumentista Romy Madley Croft, do the xx.

O primeiro cartão de visitas do projeto é o single “Flower”. A produção é assinada pelo trio de peso Atticus Ross, Flood e Johnny Hostile.

** A capa.

JB_PACKSHOT_01_FLAT_200122

>>

Jehnny Beth é o cara em nova música para a trilha sonora da incrível Peaky Blinders

>>

060115_savages2

Uma das cantoras mais legais que apareceram no indie nos últimos tempos, Jehnny Beth, a enérgica vocalista do Savages, gravou uma canção solo para a trilha da incrível série Peaky Blinders.

Com pegada rock industrial que o Nine Inch Nails aprovaria, a canção se chama “I’m the Man” e estará na nova e atualizada versão da trilha.

Diz ela que a canção é uma tentativa de estudo sobre a humanidade. “É muito mais fácil rotular as pessoas que são claramente atormentadas por obsessões como monstros do que discernir o passado humano universal que é visível por trás deles. No entanto, essa música não tem nem uma conexão remota com um estudo sociológico, psicologia coletiva ou política atual. É um trabalho poético em primeiro lugar. Seu objetivo é fazer você se sentir, não pensar”, relatou em comunicado.

“I’m The Man” está cotada para entrar em um possível disco solo da cantora, que também terá um programa de TV chamado ECHOES, previsto para ir ao ar no final do ano.

>>

Uma noite em Paris: Gorillaz recebe Jehnny Beth e Noel Gallagher em show no Lollapalooza

>>

230718_gorillaz2

Um dos headliners do Lollapalooza Paris, o Gorillaz promoveu uma pequena festa em seu palco na noite de ontem, no encerramento do festival.

Na estrada divulgando seu novo disco “The Now Now”, lançado no fim do mês passado, a trupe de Damon Albarn contou com participações especialíssimas em sua apresentação, incluindo Mr. Noel Gallagher, que tocou mais cedo no evento, e Jhenny Beth, do Savages.

A dupla reeditou ao vivo com o Gorillaz a faixa “We Got The Power”, que eles lançaram ano passado, no álbum “Humanz”. O registro pode ser conferido abaixo.

O Gorillaz veio ao Brasil no início deste ano para seu primeiro show por aqui. Já Noel Gallagher prepara uma nova visita ao país em novembro.

>>