Em jimmy fallon:

Jane Birkin e Iggy Pop cantam Serge Gainsbourg em rede nacional. Em francês, ainda por cima

>>

050320_iggypop_jane2

Duas figuras chiques da cultura pop, Jane Birkin e Iggy Pop invadiram o programa de Jimmy Fallon para, EM FRANCÊS, cantarem “Elisa”, de Serge Gainsbourg.

A icônica atriz e cantora está em Nova York, onde fará um musical nesta sexta-feira, no Beacon Theatre, e aproveitou a passagem pela América para a performance em rede nacional.

“Elisa” foi lançada originalmente em 1969 por Jane e Serge. O lindo Iggy Pop encaixou perfeitamente no dueto, que pode ser conferido abaixo.

>>

Sem a irmã Billie Eilish, Finneas brilha em apresentação solo no programa do Jimmy Fallon

>>

040220_finneas2

Espécie de porto seguro da Billie Eilish, maior fenômeno da música pop no mundo hoje, o compositor e músico Finneas, que por acaso é irmão da cantora, também tem seus trabalhos que vão além da parceria fraterna.

Daí que ele resolveu sair um pouco desses bastidores tão importantes envolvendo a irmã para brilhar sozinho no programa do Jimmy Fallon, onde Finneas foi divulgar seu EP “Blood Harmony”.

Em rede nacional, Finneas mostrou sua canção “Let’s Fall in Love for the Night”, guiada especialmente por uma pegada mais acústica, mesclada com sua voz bem potente.

Além da performance, Finneas sentou no sofá para um bate-papo que envolveu especialmente curiosidades dele com a irmã, relacionadas principalmente ao processo de composição e inspiração de alguns sucessos como “bad guy”. No papo, ele também entregou que muito em breve será lançada a faixa tema do próximo filme de James Bond, que ele compôs com a Billie.

>>

Toda plena, Solange invade o programa do Jimmy Fallon e faz um pequeno grande show do seu último álbum

>>

031219_solange2

A incrível Solange segue colhendo frutos de seu belo álbum “When I Get Home”, e apareceu no programa do Jimmy Fallon na noite de ontem para uma apresentação especialíssima.

Durante quase 10 minutos, a cantora irmã “daquela outra lá”, mostrou um mix de canções do disco lançado de surpresa no início deste ano.

As canções que formaram o mashup foram “Taking on the Light”, “Things I Imagined”, “Down with the Clique”, “Binz” e “Almeda”, registradas no final do post.

“When I Get Home” é o quarto registro de estúdio da irmã da Beyoncé, que no fim das contas, pra gente, acaba sendo a irmã da Solange. O álbum foi lançado três anos após o espetacular “A Seat at the Table”.

Toda a concepção e criação do álbum é de Solange, que convocou um time de respeito de colaboradores, formado por: Earl Sweatshirt, Panda Bear, Tyler the Creator, Dev Hynes (Blood Orange), Sampha, Pharrell Williams, Gucci Mane, Playboi Carti, Raphael Saadiq, Metro Boomin, The-Dream, Cassie, Abra, e Steve Lacy (The Internet).

>>

Com uma bela parka, Liam Gallagher divulga novo álbum no programa do Jimmy Fallon

>>

291019_liam2

Em breve rolê pelos Estados Unidos para abrir alguns shows do The Who, Liam Gallagher aproveitou a passagem pelo país do Trump para fazer algumas ações de divulgação de seu novo disco, “Why Me? Why Not.”, que saiu mês passado.

Na noite de ontem, ele foi o convidado musical do programa do Jimmy Fallon, onde mostrou o single “Once”, um dos pontos altos do projeto.

Vestindo uma parka pouco discreta e um chapeuzinho estilo Stone Roses, Liam foi acompanhando por um trio de backing vocals e um set de cordas que deixou a performance ainda mais encorpada.

A turnê mundial de Liam começa em algumas semanas, na Inglaterra. Em dezembro, ele fará shows na Austrália e Nova Zelândia, e vai começar 2020 com uma série de shows pela Europa. Quem sabe a América do Sul entra na rota junto com a América do Norte depois disso…

A performance no Fallon pode ser conferida abaixo.

>>

Of Monsters and Men começa a divulgação de novo disco com apresentação pesada e “polêmica” no programa do Jimmy Fallon

>>

200519_ofmonsters2

Já em ritmo de divulgação de seu novo disco, “Fever Dream”, com lançamento anunciado para 26 de julho, o adorado Of Monsters and Men esteve no programa de Jimmy Fallon para mostrar o novo single, “Alligator”.

O disco foi produzido por Rich Costey, que tem no currículo trabalhos com nomes da linha de Muse, Death Cab For Cutie e Fiona Apple. Este será o primeiro álbum da banda islandesa desde 2015.

Em comunicado, o grupo informou que “‘Alligator’ bem nossa empolgação e energia que estamos sentindo com o fato de estarmos de volta. Mal podemos esperar para divulgar mais músicas e nos encontrar com todo mundo novamente”.

No Fallon, a versão ao vivo (e pesada) trouxe um efeito diferente no microfone da Nanna, o que deixou alguns fãs um tanto pistola, dando início a uma polemiquinha. Haha. O vídeo pode ser visto abaixo.

>>