Em Josh Homme:

Agora de forma oficial: ouça “Villains”, novo disco do Queens of the Stone Age

>>

070217_qotsa

Enquanto este post vai ao ar, por volta das 9h45 de Brasília, o Queens of the Stone Age está no palco da NME/Radio 1 no Leeds Festival para uma apresentação surpresa, a qual Josh Homme, ontem, tentou desconversar durante session na BBC 6 Music.

O show surpresa faz parte de toda o planejamento de divulgação de “Villains”, sétimo disco da banda norte-americana, que está sendo lançado, enfim de forma oficial, nesta sexta-feira, 25 de agosto, mais ou menos duas semanas após cair inteirinho na internet.

250817_qotsa_leedsQOTSA neste momento em Leeds. Registro do @AlreadyHeardUK

“Villains” tem 9 faixas inéditas e tem produção de Mark Ronson, que teve a missão de deixar o som do Queens of the Stone Age mais, hummm, “leve” e, talvez, dançante, já que “fazer as pessoas dançarem” era uma vontade da banda. Até por isso, a escolha pelo produtor britânico que trabalha com gente tipo a Lady Gaga.

O Queens of the Stone Age está na estrada para um rolê mundial de divulgação de “Villains” e não vai deixar o Brasil de fora. Ano que vem, Josh virá na bagagem do seu amigo Dave Grohl e suas bandas farão uma turnê conjunta pelo país.

>>

Josh Homme, um banquinho e um violão – parte II. Queens of the Stone Age faz mais uma session acústica e incrível, agora na BBC

>>

qosta

Faltam algumas horas para o lançamento o-fi-ci-al de “Villains”, sétimo e aguardado álbum do Queens of the Stone Age, aquele com produção de Mark Ronson e com pretensões mais… dançantes. Já tocando por aqui há algum tempinho (por aí não?), a promessa do “disco para pista” não foi lá cumprida, não, mas não que isso seja uma reclamação, apenas uma constatação de quem achou que o Josh Homme realmente trocaria a guitarra pelo sintetizador, só isso. Apesar de ter se arrebentado dançando por 16h ao som da linda “The Way You Used to Do”, ainda falta um tanto para a gente fazer o mesmo ao som de QotSA…

Pelo menos em session, a banda resolveu mesmo abandonar por um tempo os riffs pesados, mostrando versões acústicas lindas desse novo trabalho. Primeiro na Dinamarca, com um pocket-show de apenas NOVE músicas, e hoje de manhã, em session para a sempre-incrível BBC 6, de Londres. Até a barulhenta “Domesticated Animals” combinou com o clima banquinho & violão, acredite.

Em turnê de divulgação do disco pela Europa, especula-se que a banda faça um show surpresa durante o Reading (e Leeds) Festival, que acontece neste final de semana. Humm, será? Quando perguntado sobre essa possibilidade, Homme dá uma gaguejada (sério) e responde que acha que não, “porque é muito longe”. A apresentadora Lauren Laverne explica que Reading é “logo ali” e ele desconversa dizendo que vai tocar em uma festa de aniversário de um menino de 7 anos, “que mora em Reading”. E depois, zoando com a pronúncia, diz que leu errado e que ele quis dizer “he loves reading” (“ele adora ler” — e para essa “piada” do Homme fazer sentido, só lendo em inglês mesmo).

Abaixo, a versão calminha de “Domesticated Animals” e logo depois, a session completa com a entrevista e outras duas canções: a ‘nova’“The Way You Used to Do” e “River in the Road”, do disco Era Vulgaris:

********

>> “Villains” tem 9 faixas no total e vai fazer o QOTSA rodar o mundo, com uma parada inclusive no Brasil em fevereiro do ano que vem, junto com o Foo Fighters. Yeah.

Mostrando músicas novas, Queens of the Stone Age faz session incrível e toda acústica na Dinamarca

>>

230817_qotsa2

O lindo Queens of the Stone Age será presença cada vez mais constante no nosso dia a dia a partir desta semana, graças ao lançamento oficial de “Villains”, sétimo álbum de estúdio da banda norte-americana.

No ritmo de divulgação do novo projeto musical, Josh Homme e seus parceiros estão na Europa para uma série de compromissos na imprensa. Um deles rolou ontem, na WDR da Dinamarca, onde o grupo fez uma session incrível e toda acústica, com nove músicas no total, mesclando sons antigos com algumas novas, tipo “Fortress”, “The Way You Used To Do” e “Domesticated Animals”. A apresentação, claro, já caiu na internet, tipo o disco novo, que está em nossas mãos há mais ou menos duas semanas.

“Villains” sai nesta sexta, 25 de agosto, e tem produção do britânico Mark Ronson, com o intuito de fazer as pessoas dançarem, até pelo currículo do produtor, que além de amigo do Kevin Parker tem trabalhos ligados a Adele a Lady Gaga, sem esquecer sua lapidação no começo da carreira de Amy Winehouse.

O álbum tem 9 faixas no total e fará o QOTSA rodar o mundo, parando inclusive no Brasil em fevereiro do ano que vem, junto com o Foo Fighters.

>>

Novo vídeo do Queens of the Stone Age faz Josh Homme dançar. E também passar por uma cirurgia DE VERDADE!

>>

210817_qotsa2

Apesar de estar entre nós há algumas semanas, “Villains”, sétimo e novo disco do Queens of the Stone Age, será lançado de forma oficial na próxima sexta-feira, 25 de agosto. Do álbum, também oficialmente, saiu o vídeo de “The Way You Used to Do”, que tem o Josh Homme dançando, mas está desde o final de semana restrito apenas para usuários da plataforma Apple Music.

Os passos dançantes renderam a Josh Homme, além do vídeo cool para uma música linda, uma… cirurgia. Em entrevista publicada pelo New York Times e replicada pelo jornal inglês Independent no fim da tarde desta segunda-feira, o vocalista do grupo, de 44 anos, começou falando: “eu deveria estar na cama”.

Foi aí que ele contou que precisou passar por uma cirurgia de menisco no joelho direito, fruto das cerca de 16 horas nas quais fez esforços nas dancinhas do tal vídeo, tentando evocar o Cab Calloway, segundo o próprio Josh. Agora está explicado o “due to injury” evasivo que a banda utilizou para “explicar” o cancelamento do show no festival Outside Lands, no início do mês. Antes, Josh havia aparecido utilizando uma bengala, evitando jogar o peso do corpo sobre a perna afetada.

210817_joshbengala

As coreografias e o direcionamento mais dançante são obras do produtor inglês Mark Ronson. Para o vídeo, foi convocado o diretor Jonas Åkerlund, que já fez vídeos com Beyoncé, Lady Gaga e Madonna. Olha o naipe.

Na mesma entrevista, Josh contou que esse revigorada no som potente do QOTSA foi intencional. “O plano era deixar de lado as coisas que fazíamos, como as reverberações sujas, e direcionar para as guitarras tocadas diretamente na mesa de mixagem. Quando os vocais somem, entram os teclados. O Ronson é focado no ritmo e nós queremos ver as pessoas dançarem. Vamos deixar as coisas acontecerem sem razão. Porque não ter razão é a razão perfeita”.

O Queens of the Stone Age vai retomar os shows no início do mês que vem, nos Estados Unidos. A Popload contou que em fevereiro do ano que vem Josh e sua turma deverão vir ao Brasil para excursionar com o Foo Fighters.

A preview do vídeo que está na Apple Music pode ser conferida abaixo.

>>

Feliz 2018! Foo Fighters e Queens of the Stone Age virão ao Brasil em fevereiro. JUNTOS!!!

>>

110817_ffqotsa2

Muita calma nesta hora. Ainda tem muitos shows para rolar nesta reta final de 2017, com um lindo Popload Festival no meio. Mas o mercado da música já aponta para uma grande turnê no início de 2018, outra, para matar a galera toda do coração.

A Popload apurou com “o futebol” que as bandas Foo Fighters e Queens of the Stone Age, dos chapas Dave Grohl e Josh Homme, vão excursionar juntos pelo Brasil, FATO, e já andaram até reservando datas em estádios. O rolê vai acontecer nos últimos dias de fevereiro, em quatro ou cinco cidades. Sabemos de Rio e São Paulo. Maracanã e Morumbi, a princípio.

Há uma chance, de acordo com o mapa da tour na América do Sul, de o rolê FF+QOTSA acontecer em março. Mas a ideia não bater de frente no mês em que o país terá Pearl Jam, Killers e Red Hot Chili Peppers fazendo shows pelo carregado Lollapalooza e também fugir o que der de um concerto com bandas do porte de Depeche Mode, também vindo para cá nesses “trinta dias que abalarão o Brasil”.

Foos e Queens chegarão ao país com shows dos discos novos. Dia 25 agora, o Queens of the Stone Age lança “Villains”, sétimo álbum da carreira deles, o primeiro em quatro anos, produzido pelo Mark Ronson, e que já está rodando por aí. Já o Foo Fighters coloca na praça no dia 15 de setembro “Concrete and Gold”, seu disco de número 9.

Em 7 de outubro, o Queens of the Stone Age será uma das bandas que participará do Cal JAM, festival que o Foo Fighters promoverá em San Bernardino, Califórnia. A última vez do grupo de Dave Grohl no Brasil foi em janeiro de 2015, mesmo ano em que o QOTSA pintou por aqui para um show único no Rock in Rio.

>>