Em kid cudi:

Aí o Kid Cudi e o Eminem resolvem falar umas coisas, juntos. Ouça “The Adventures Of Moon Man & Slim Shady”

>>

kidcudieminem

* Aí você está com insônia na madrugada lendo Twitter e chega a notificação: “Ouça a nova música do Kid Cudi com colaboração do Eminem”. Aí não dá mais para dormir, mesmo.

À meia-noite de ontem nos EUA, já na madruga brasileira, foi lançada aos ares “Adventures of Moon Man & Slim Shady”, a primeira junção musical de rapper de Cleveland com o rapper de Detroit. Conhecemos bem ambos. Os rappers e seus alter-egos.

Com essa química a música é bombástica por si só. No hip hop, na cadência do som e nas letras, perfeita. O rapper negro e o branco metendo seus dedos na ferida atual, do debate se deve usar ou não máscaras, sobre a mania da polícia branca de botar seu joelho na artéria carótida de pessoas negras, do famoso quarterback do New Orleans Saints, Drew Brees, que disse que manifestações como se ajoelhar durante o hino americano para protestar contra o racismo é um “desrespeito às instituições militares dos EUA”.

“Purp nor lean, that’s Tunechi. That’s New Orleans. F*ck Drew Brees”, manda no rap Eminem.

“Prayers to George Floyd and Ahmaud Arbery. How the f*ck is it that so many cops are dirty? Stop, man, please, officer, I’m sorry, but I can’t breathe when I got you on top of me. Your goddamn knee’s on my carotid artery”.

O single foi anunciado pela filhinha do Kid Cudi, Vada, em vídeo no Twitter do rapper um dia antes. E a galera ficou “Whaaaat?”.

Toma aí “Adventures of Moon Man & Slim Shady”, que aparentemente pertence a Kid Cudi e não está claro se vai entrar em algum álbum novo dele. Cudi recentemente em outra “colab” de peso. Desta vez com Travis Scott, na música “The Scotts”.

>>

Olha só quem está na área: Kid Cudi solta single de seu novo disco solo, o primeiro em quatro anos

>>

140420_kidcudi2

Talentoso rapper e muitas outras coisas mais, Kid Cudi está ensaiando o lançamento de seu primeiro disco em quatro anos.

“Entergalatic” deve sair no meio do ano, provavelmente em julho, a julgar pela primeira vez que o artista de Cleveland citou o projeto, em julho de 2019, dizendo que “em um ano os fãs teriam mais notícias”.

Acontece que, agora, o álbum já tem oficialmente uma faixa lançada. Trata-se de “Leader of the Delinquents”, que Cudi havia mostrado um pequeno trecho em uma live.

O último disco cheio de Kid Cudi é “Passion, Pain & Demon Slayin”, lançado há quatro anos, após ele se recuperar de uma forte depressão. Em 2018, ele lançou o disco “Kids See Ghosts” em parceria com o Kanye West.

>>

Depois da depressão, Kid Cudi se exorciza com lançamento de novo disco

>>

040315_kidcudi2

Nos últimos meses, o rapper Kid Cudi esteve nos noticiários não apenas pela sua música. Em outubro, ele chegou a se internar em um centro de reabilitação para tratar de depressão, na qual pensou até em suicídio. No fim de novembro, o rapper divulgou uma mensagem aos fãs agradecendo pelo suporte, dizendo que estava bem e cheio de amor por todos que o apoiaram, e ainda informou que está se sentindo ótimo e renovado. Nice.

Agora, para provar que está olhando para frente, o rapper de Cleveland lança hoje seu novo álbum, “Passion, Pain & Demon Slayin”. O disco tem 19 faixas e participações especiais como Pharrell, André 3000, Willow Smith e Travis Scoth.

A obra está disponível também nas plataformas de streaming como Spotify e Apple Music e pode ser ouvida abaixo.

>>

Batizado no fogo, Kid Cudi diz estar recuperado de depressão e solta inédita com o Travis Scott

>>

280316_kidcudi2

Kid Cudi vem aí. O rapper convocou seu bro Travis Scott para o novo single “Baptized in Fire”, como aperitivo para o disco “Passion, Pain & Demon Slaying”, que chega ao mercado dia 16 de dezembro.

As últimas semanas não foram fáceis para Cudi. Ele chegou a se internar em um centro de reabilitação para tratar de depressão, na qual pensou até em suicídio. No fim de novembro, o rapper divulgou uma mensagem aos fãs agradecendo pelo suporte, dizendo que estava bem e cheio de amor por todos que o apoiaram, e ainda informou que está se sentindo ótimo e renovado.

“Baptized in Fire”, a mais nova parceria de Kid Cudi com Travis Scott, pode ser ouvida abaixo.

>>

Drake mostra músicas novas e alimenta treta com o Kid Cudi, parece

>>

241016_drake2

O fenômeno Drake continua no gás. Depois de lançar o álbum “Views” neste ano, o canadense anunciou para dezembro um novo projeto, tratado por ele como “playlist”, mas que terá canções inéditas dele e de seu selo, OVO.

Neste domingo, no programa do selo que vai ao ar na Beats 1, da Apple, Drake mostrou três faixas novas, chamadas “Two Birds One Stone”, “Seakin” e “Fake Love”. Uma quarta gravação, uma remix de “Wanna Know”, do rapper Dave, também foi divulgada.

O som que mais chamou a atenção é “Two Birds One Stone” que, segundo alguns, traz referências a Kid Cudi, que pouco antes de entrar em processo de reabilitação disse que Drake usa um ghost writer em suas canções.

Na nova faixa, o rapper canadense canta linha citando o disco de estreia de Kid Cudi, chamado “Man on the Moon”. O site “Consequence of Sound” destacou o trecho: “You were the man on the moon / Now you just go through your phases / Life of the angry and famous”.

Todas as faixas podem conferidas abaixo.

>>