Em Led Zeppelin:

Nandi Bushell toca bateria, baixo e guitarra para homenagear o Led Zeppelin

>>

* Sempre que surge uma notícia de nova empreitada da menininha Nandi Bushell, 10 anos, excelente baterista, já saiu um sorriso espontâneo do lado de cá.

A pequena grande baterista de covers de metal e que se revelou há pouco tempo guitarrista, baixista e cantora, resolveu desta vez homenagear o lendário Led Zeppelin, tocando o clássico “Immigrant Song”. A reverência é mais explícita. Nandi fez isso para comemorar os 77 anos do guitarrista Jimmy Page.

Obviamente, tocou guitarra. Mas também baixo. Em bateria. Tudo em Loop. Alguma dúvida que Nandi vai estar tipo na lista de atrações do Glastonbury ou do Reading Festival quando a vacina permitir?

O mais incrível de tudo é ver Nandi, do alto de seus 10 aninhos de vida, falar de suas motivações para as músicas que faz tributos.

Ela disse que a primeira vez que ouviu “Immigrant Song”, um dos hinos do Led Zeppelin, foi no espetacular filme “Escola do Rock”, de 2003, que esteve em cartaz sete anos antes de ela nascer.

“Foi quando Jack Black estava dirigindo a van e gritando “aaaaaaaaaaaaaah-ah” “, disse ela. “Melhor filme de todos os tempos.”

Gênia.

>>

O velho rock encontra o novo rock: canção antiga dos Stones com o Jimmy Page ganha versão feita pelo The War on Drugs

>>

220720_stonesled_slider

Mês passado, o gigante Rolling Stones brindou o mundo com uma gravação raríssima que tinha a participação especial de Jimmy Page, registrada na década de 1970.

“Scarlett” foi gravada sem planos concretos, quando o Stones e o Led Zeppelin ensaiavam em um mesmo estúdio. Agora, a faixa que até ontem era desconhecida ganhou uma repaginada oficial feita pelo The War on Drugs.

230320_warondrugs_slider

Adam Granduciel disse que a versão remix partiu de uma imaginação que incluía o trio Mick Jagger, Keith Richards e Jimmy Page em uma mesma sala.

“Scarlett” estará na versão deluxe do álbum “Goat’s Head Soup”, projeto que ainda terá as inéditas “All The Rage” e “Criss Cross”, e será lançado 4 de setembro.

A versão remixada e indie ficou mais ou menos assim:

>>

Dobradinha de peso: após quase 50 anos, faixa que reúne Rolling Stones e o Jimmy Page é revelada

>>

220720_stonesled2

Nesta quarta-feira, o mundo pop foi pego de surpresa com uma gravação antiga e rara que envolve duas das maiores bandas da história.

Os Rolling Stones liberaram a faixa “Scarlett”, que tem nada menos a participação especial de Jimmy Page, o lendário guitarrista do Led Zeppelin. A dobradinha ocasional aconteceu em 1974, quando as duas bandas estavam gravando em um mesmo estúdio.

O som partiu de uma jam entre os Stones e Page, com bases de reggae e blues, até que Keith Richards aprimorou o rolê com seus riffs peculiares.

“Scarlett”, agora mostrada ao mundo, estará na versão deluxe do álbum “Goat’s Head Soup”, projeto que ainda terá as inéditas “All The Rage” e “Criss Cross”, e será lançado 4 de setembro.

>>

St. Vincent toca Led Zeppelin no violão e promete live animadinha para esta semana

>>

050520_stvincent2

A quarentena tem feito todo mundo matar o tempo inventando o que fazer. No caso dos artistas, além das lives, é um bom momento para dar uma olhada no catálogo, em registros perdidos ou, simplesmente, ir para a rede social fazendo uma cover inimaginável.

Pois é o último tópico que pegou nossa querida St. Vincent. Ela, guitarrista das boas, colocou em seu Instagram um vídeo super informal tocando, no violão, um trechinho de “Dancing Days”, música lançada originalmente pelo Led Zeppelin, no ano de 1973, no álbum “Houses Of The Holy”.

No próximo dia 13, Annie Clark participará de forma remota da BAM Virtual Gala, cerimônia promovida pela Brooklyn Academy of Music. Já para quinta agora, dia 7, ela promete uma live “bêbada” com os fãs.

>>

O Robert Plant é mais indie do que você. Lendário vocalista do Led Zeppelin faz cover de “Everybody’s Song”, do Low

>>

040320_robertplant_savinggrace2

image (1)

O grande Robert Plant tem uma turnê marcada para o mês de maio em teatros nos Estados Unidos com sua nova banda, Saving Grace, e resolveu fazer uma gracinha (!) para os fãs junto com o anúncio das datas.

O lendário vocalista do Led Zeppelin fez uma cover de “Everybody’s Song”, indie-slowcore-dream pop Low, turma de Minnesota que milita na cena alternativa desde o início dos anos 90.

A canção foi lançada originalmente em 2005, no disco “The Great Destroyer”. Em 2010, Plant já havia colocado em seus shows com seu projeto de covers Band Of Joy as faixas “Silver Rider” e “Monkey”.

O resultado para “Everybody’s Song” pode ser conferido abaixo.

>>