Em Liam Gallagher:

No Top 20 britânico, Liam Gallagher está vendendo mais do que os outros 19 somados. E a mãe dele já desistiu do Oasis

>>

101017_liam2

Há alguns meses, Liam Gallagher deu uma entrevista falando que se seu disco de estreia solo – “As You Were” – fracassasse nas vendas, ele certamente não cantaria mais. Essa preocupação nem ele nem seus fãs precisam ter mais. O álbum que saiu sexta passada está no topo das paradas britânicas e no momento atinge uma façanha: no Top 20 das vendas, Liam vendeu mais do que os outros 19 concorrentes somados. Neste meio estão nomes como the Darkness, Marilyn Manson e A-ha.

Na prévia do meio de semana, “As You Were” atinge cerca de 80 mil cópias e deve passar das 100 mil até sexta, quando é fechada a contagem da semana. Puxado por singles como “Wall Of Glass” e “For What It’s Worth”, o disco de fato é bem bom e coeso, e significa uma espécie de renascimento de Liam, que andou patinando após o fim do Oasis com o Beady Eye, que definitivamente não deu certo, enquanto em outra ponta seu irmão Noel lançou dois álbuns solo que tiveram boa aceitação.

O estabelecimento de Noel e Liam em suas carreiras solo podem afastar ainda mais a possibilidade de um retorno do Oasis. Além da inimizade que paira entre os dois, Liam disse para a Rolling Stone que a própria mãe deles já jogou a toalha. “Minha mãe já desistiu. Ela está tipo: ‘estou pouco me fodendo. Tenho 75 anos agora! Foda-se os filhos, já deu’. Ela vai nadar, faz as coisas dela. Não está interessada”.

Por outro lado, na mesma entrevista, Liam admite que ainda não se sente a vontade em seguir carreira solo. “Preferia estar falando sobre um disco do Oasis do que de um disco solo do Liam. E sei que Noel Gallagher também iria preferir. Porque somos melhores juntos. Sou bem seguro disso, e ele também”.

Liam e Noel virão ao Brasil nos próximos meses. Separados, claro. Enquanto o guitarrista chega a São Paulo na próxima semana para abrir uma série de quatro shows do U2, o vocalista será uma das atrações do Lollapalooza 2018.

Ontem, Liam esteve no programa de James Corden, a quem tinha chamado de “gordo idiota” há algumas semanas. Mudou o pensamento e disse que ele estava errado, que o apresentador é boa pessoa. Coisas de Liam.

>>

Impossível, Liam Gallagher rouba a cena em festival do Foo Fighters na Califórnia

>>

091017_liamgallagher2

Liam sendo Liam. No sábado, o herói britânico foi uma das atrações do Cal Jam, festival do Foo Fighters, que rolou em San Bernardino, na Califórnia. Além do Liam e do FF, claro, tocaram bandas tipo Queens of the Stone Age, Wolf Alice e Cage the Elephant. Imagina o rolê.

Mas o ponto alto da festa envolveu o ex-vocalista do Oasis, se aventurando agora em carreira solo com seu bem bom “As You Were”, lançado sexta passada.

Idolatrado por Dave Grohl, Liam foi convidado pelo Foo Fighters para fazer uma reedição ao vivo de “Come Together”, clássico dos Beatles, sua banda favorita. Daí o Liam apareceu no palco meio maloqueiro, de bermuda e capuz, óculos escuros, ficou lendo a letra no papel, chamou uma garota para cantar junto, foi para a galera e fez um surf crowd. Basicamente.

O registro pode ser visto abaixo. Joe Perry, guitarrista do Aerosmith, também participou da bagunça.

>>

Liam Gallagher on fire: “As You Were” está entre nós, agora de forma oficial. E tem ainda cover de Bob Marley

>>

061017_liam2

Hoje 6 de outubro pode também ser conhecido como o dia do Liam Gallagher. Nesta data, o irmão mais novo do Noel lança seu disco de estreia solo, “As You Were”, curiosamente nove anos após o lançamento do último álbum do Oasis, “Dig Out Your Soul”, que saiu também em um 6 de outubro, lá em 2008.

“As You Were” tem 12 músicas em sua versão original, mais três bônus na versão deluxe, entre elas uma boa chamada “Doesn’t Have To Be That Way”, que encaixaria fácil na lista do álbum. Coisas de Gallaghers.

Também nesta sexta, Liam esteve na BBC Radio 2 para uma session logo de manhã, onde cantou em formato acústico os singles “Wall Of Glass” e “For What It’s Worth”, além daquela tal “Wonderwall” e uma inesperada cover de “Natural Mystic”, de Bob Marley.

Liam se apresenta neste sábado no Cal Jam, festival do Foo Fighters em San Bernardino, na Califórnia. Em março ele estará no Brasil para o Lollapalooza.

Tanto o álbum quanto a session podem ser ouvidas abaixo.

>>

Liam Gallagher caiu na net com seu “As You Were”. E a Popload mostra mais um pouco do disco

>>

260517_liam1

Mad fer it. Um dos discos mais esperados do ano, “As You Were” de Liam Gallagher já está em nossas mãos a 48 horas do seu lançamento oficial. Cortesia da internet.

O disco é o primeiro da fase solo de Liam Gallagher, um dos sujeitos mais peculiares que o rock já nos ofereceu, voz emblemática de toda uma geração que cultuou uma das maiores bandas da história.

Agora, Liam tenta um novo tiro na carreira pós-Oasis, já que a primeira tentativa com o Beady Eye não deu muito certo, durou só dois álbuns e nem deixou saudades.

Em “As You Were”, Liam convocou um time de compositores e emprestou sua voz marcante em 15 músicas, entre disco oficial e material bônus.

A Popload destaca abaixo três delas: “Universal Gleam”, “Come Back To Me” e “I Get By”. Em uma primeira audição o disco é bem bom.

UNIVERSAL GLEAM

COME BACK TO ME

I GET BY

>>

Somebody told me!!! Lollapalooza Brasil confirma tudo: Killers, Pearl Jam, LCD Soundsystem, Metronomy, The National, Chance the Rapper vêm a SP no ano que vem

>>

LCD Soundsystem

* Achamos aqui a melhor escalação de sua história brasileira. E é mesmo tudo aquilo que a gente dizia.

A grife de festivais Lollapalooza divulgou hoje o line-up de sua edição 2018, a sua sétima no país. Conforme a Popload já havia adiantado em furo latino-americano (hehe), no ano que vem o festival do Autódromo de Interlagos vai acontecer em três dias de março: 23, 24 e 25, incluindo uma sexta-feira, que deve ser inaugurada com shows do veterano Red Hot Chili Peppers e do maravilhoso “too old to be new, too new to be classic” LCD Soundsystem, de James Murphy.

Outros nomes presentes da lista, para empolgar, são The Killers, Metronomy, Chance the Rapper, Liam Gallagher, The National, Spoon, Pearl Jam, Mac DeMarco, Lana del Rey, Anderson .Paak, Wiz Khalifa, Royal Blood entre outros. Esquisito um pouco, mas o grande e veteraníssimo David Byrne, que um dia liderou o mítico Talking Heads, vai se apresentar em Interlagos. Outros nomes da lista, alguns adiantados por aqui, são Imagine Dragons, Tyler the Creator,

CENA – O Terno, Liniker e os Caramelows, Mano Brown, Rincon Sapiência, Tagore, Ventre, Francisco El Hombre, Mallu Magalhães, Plutão Já Foi Planeta, Ego Kill Talent e Tiê são alguns dos brazucas no Lolla-BR.

Veja a lista completa abaixo. Vamos falar muuuuuito de Lolla até março acabar.

Captura de Tela 2017-09-27 às 10.04.56 AM

Os ingressos já estão sendo vendidos em seu segundo lote, o Lolla Pass (válido para os três dias do Festival). Custa R$ 750 (meia-entrada). Está no site do Lolla, na bilheteria oficial e em pontos de venda exclusivos.

.