Em Liam Gallagher:

Liam garante uma volta beneficente do Oasis. Com ou sem o Noel. Mas, Liam…

>>

55_oasis1

* Liam Gallagher está mesmo disposto a reunir o Oasis, 11 anos após o fim da banda antes de um show em Paris. Aproveitando a onda de comoção e união contra o coronavírus, o cantor inglês quer que ao menos isso sirva para que seu brother Noel reconsidere e participe de um show beneficente.

A intenção do Liam é, depois que tudo isso passar, que o Oasis volte aos palcos para um show que arrecade todos os fundos para o NHS (sistema de saúde pública britânico). O pedido público foi feito semana passada, mas até agora Noel não deu sinal.

Daí o Liam contou que continua firme na ideia. “Quero esclarecer algumas coisas. O show beneficente do Oasis para a NHS, com todo dinheiro levantado indo para a NHS e não para mim, irá acontecer com ou sem Noel Gallagher. Talvez não seja o mesmo, mas acredite em mim, irá explodir a sua mente”.

Dias antes do coronavírus explodir no mundo todo, Liam já vinha falando de uma volta do Oasis e chegou até a dizer que havia uma sondagem de oferta.

“Deixe-me dizer uma coisa: a grana foi oferecida e ele (Noel) sabe disso. Obviamente, ele vai dizer não, porque ele gostaria de ser a pessoa a dar a notícia para as pessoas, porque ele é o maldito oráculo. E, obviamente, sou seu irmão mais novo, que está indo bem e estou aqui para estragar a porra da festa. Aquele escroto não consegue lotar nem o Apollo em Manchester”. A declaração foi para a NME.

“Vai acontecer, acredite em mim – vai acontecer muito em breve, porque ele é ganancioso e adora dinheiro e sabe que isso deve acontecer em breve ou não acontecerá”, continuou.

O fato é que Noel sempre declina quando Liam faz as investidas e diz apenas que seu irmão continua dando essas declarações porque “está promovendo seu último disco”.

Com corona ou não, uma volta do Oasis parece ser apenas fantasia na cabeça do Liam. Parece…

* Abaixo um dos últimos shows do Oasis, lá em 2009.

>>

Comovido com o coronavírus, Liam Gallagher pede trégua a Noel e sugere ao menos um show beneficente do Oasis no futuro

>>

180816_oasis2

A pandemia COVID-19 que afeta grande parte do mundo serviu para Liam Gallagher refletir e levantar uma bandeira branca para seu irmão Noel.

Liam fez uma declaração pública, em tom beirando uma apelação, para que seu brother Noel considere uma proposta de reunir o Oasis para ao menos um show beneficente depois que o coronavírus passar.

O ex-vocalista do Oasis disse que, após essa apresentação, os dois podem retomar suas carreiras solo.

“Ouçam, de verdade, muita gente acha que sou um otário, e eu sou um otário bem bonito, mas uma vez que isso tudo for resolvido nós precisamos reunir o Oasis para um show para caridade. Vamos lá Noel! Depois nós podemos seguir com nossas ótimas carreiras solo. Vamos lá, você sabe”, postou Liam em seu Twitter.

Até a conta oficial da Manchester Arena entrou no meio e se ofereceu para abrigar esse possível show, embora o espaço caiba apenas cerca de 20 mil pessoas.

Liam tem insistido bastante para uma volta do Oasis, que se separou em 2009. Noel, do outro lado, sempre foi irredutível e não dá o mínimo sinal de que isso possa acontecer um dia.

>>

High Flying Birds SIM. Oasis NÃO. Noel Gallagher lança novo EP e descarta pela milésima vez a volta de sua antiga banda

>>

231017_noelgallagher2

Foi lançado nesta sexta-feira o EP “Blue Moon Rising”, o terceiro e final de uma trilogia iniciada pelo Noel Gallagher e seus High Flying Birds em 2019.

O projeto possui cinco canções, todas inéditas, sendo duas versões remixes da faixa que dá título ao EP.

“Blue Moon Rising” possui três vertentes conhecidas de Noel Gallagher. Enquanto a canção principal segue a linha mais recente do ex-líder do Oasis, com inspirações na Acid House britânica dos anos 80, “Wandering Star” é uma baladinha levada ao violão. Já “Come On Outside” é Oasis escarrado, com guitarras dominando.

O EP é o sexto projeto de estúdio de Noel Gallagher, que mais uma vez precisou desmentir seu irmão Liam sobre uma possível volta do Oasis, que se findou há mais de uma década.

Liam, capa da mais recente edição da NME inglesa, disse que o Oasis vai voltar em breve e a qualquer momento. Já Noel retrucou, falando que esta é uma declaração típica de alguém que está divulgando um novo single. No caso, Liam com “Once”.

O EP novo de Noel Gallagher, que deve ficar mais sumido do que nos holofotes no restante de 2020, pode ser ouvido abaixo.

>>

Oasis recebe oferta de 130 milhões de dólares para se reunir. O Liam quis. Já o Noel…

>>

oasis

Parece até que foi ontem, mas lá se vão mais de 10 anos que o Oasis chegou ao fim. Talvez pelas notícias quase semanais sobre um retorno ou não da banda inglesa, o assunto se faz tão presente.

Eis que a boa nova sobre o status da situação veio justamente de Liam Gallagher. O ex-vocalista do grupo tornou pública uma suposta oferta no valor de 130 milhões de dólares para que o Oasis voltasse aos palcos. Mas esbarrou em um pequeno detalhe: seu brother Noel não aceitou nem por este preço generoso.

“Isso ainda não é o suficiente para aquela alma gananciosa”, alfinetou Liam.

Sempre que surge o assunto, Liam parece propício à reunião até de graça. Por outro lado, Noel nunca é amistoso.

Enquanto Liam reiniciou sua turnê mundial nesta semana, pela Europa, Noel fará alguns shows no Reino Unido nos próximos meses e vai lançar dia 6 de março o EP “Blue Moon Rising”.

>>

Futebol é pop: Liam Gallagher bota “rival” Eric Cantona em papel de rei em vídeo para “Once”. E tem também uma session incrível com clássicas do Oasis

>>

310120_liamcantona2

Um crossover improvável rolou em “Once”, single do último disco de Liam Gallagher, que acabou de ganhar um dos melhores vídeos do ano.

A produção reúne Liam, torcedor fanático do Manchester City, e Eric Cantona, um dos maiores ídolos da história do… Manchester United.

Dois sujeitos encasquetados e geniosos, Liam e Cantona aparecem em papéis distintos no vídeo. O ex-jogador aparece no papel de um rei, que tem o ex-Oasis como mordomo e motorista. Pensa.

Rockstar raiz, Liam disse que ficou absolutamente emocionado com a presença do francês no vídeo. “Ele é o último jogador de futebol rock’n’roll. Músicas como esta não aparecem com tanta frequência e muito menos jogadores de futebol como ele.

O vídeo de “Once” chega junto com uma session incrível de Liam, que repaginou em versões acústicas canções clássicas do Oasis, como “Stand By Me” e “Sad Song” (originalmente cantada por Noel), e ainda faixas de seu mais recente disco, “Why Me? Why Not”.

A session e o vídeo podem ser conferidos abaixo.

>>