Em lionel richie:

Helloooooo!! Lionel Richie ontem em Curitiba. E o ganhadores do sorteio para o show de SP

>>

* O simpaticão romântico Lionel Richie, cantor de standards de FM que a música indie adora, agora, fez ontem no Paraná seu primeiro show no Brasil, das três datas agendadas na turnê. Amanhã, o cara que já começou a carreira no final dos anos 60 no famoso grupo Commodores, dentro da mítica gravadora Motown, e solo vendeu apenas 110 milhões de discos, canta amanhã no Rio de Janeiro. E encerra seu giro brazuca no dia seguinte em São Paulo, na mesma hora que Palmeiras x Nacional pela Libertadores (pô, Lionel).
(Eu pensei alto ou escrevi isso mesmo?)

Untitled-1

Para o show de São Paulo, a Popload botou para sorteio, há algumas semanas, dois pares de ingressos de cadeira inferior. Não esperava receber tantos emails, confesso. Uma batelada querendo ver o homem. Bom, os ganhadores das entradas para o show no Ginásio do Ibirapuera são os seguintes:

* Carolina Pardini
* Felipe da Cunha Fischer

Os vencedores já foram contactados. Se não houver resposta, um outro sorteio relâmpago será feito na manhã de quarta, dia do show, com os mesmos inscritos. Mas duvido que não respondam. É o Lionel Richie, afinal.

O cantor andou se apresentando em festivais indies nos últimos anos. Presenciei um deles no espertíssimo Life Is Beautiful, festival de rua da parte velha de Las Vegas, downtown, longe da muvuca dos hotéis cassinos de luxo. Durante todo o dia da apresentação dele, um grupo de meninos e meninas carregavam pelas ruas fechadas do evento uma boombox em um carrinho de mão, sempre tocando “All Night Long” bem alto. Eles viam um grupo de amigos, pessoas, paravam, e ficavam dançando como se não houvesse amanhã um dos muitos grandes hits de Richie. No ano passado, Lionel foi uma das grandes atrações do Glastonbury, na Inglaterra, talvez o mais famoso festival do mundo.

E, ontem, Lionel Richie tocava em Curitiba. E, obviamente, mandou seu “Hello”.

***

* As fotos deste post e da home da Popload são de autoria de Marcelo Andrade, do jornal “Gazeta do Povo”, de Curitiba.

>>

Dave Grohl, o Lionel Richie e a menina do último clipe do Nirvana

>>

150216_dave2

Mais uma festa pré-Grammy melhor que o próprio Grammy. Além do Nirvana com o Beck, Dave Grohl protagonizou outro momento inusitado e cool nestas festinhas que antecedem o evento que acontece hoje.

No sábado, o líder do Foo Fighters fez parte de um time de artistas que homenagearam Lionel Richie, considerado “pessoa do ano” para a fundação MusiCares, que apoia músicos em dificuldades. A renda da festa será revertida para a instituição.

Stevie Wonder, Rihanna e a Florence foram alguns dos outros convidados que cantaram canções de Richie, que vem ao Brasil mês que vem. Dave, todo estiloso, interpretou a canção “You Are” e, óbvio, fez um discurso contando um fato que envolveu ele e o ex-Commodores.

“Quando eu estava operado (da perna) recebi muitas flores e cartões no hospital. Um dia minha esposa entrou no quarto e disse: ‘espere até você ver a cesta de bolinhos que chegou’. Foi a maior cesta de bolos que vi na vida, tinha tipo 500. Mas eu não sabia quem tinha enviado. Poucos dias depois, recebi uma mensagem do meu manager dizendo: ‘Lionel Richie ligou querendo saber se você pegou a cesta de bolinhos'”, disse o ex-Nirvana, antes de fazer isto…

* Dave também se encontrou recentemente com Kesley Rohr, a garotinha que participa do vídeo de “Heart-Shaped Box”, o último lançado pelo Nirvana, há 23 anos. Na época, Kesley tinha 6. A moça, claro, tornou público o registro, tratado pelo Grohl como “momento histórico”.

150216_davekesley

>>

Easy like sunday morning! Quer ingressos para o mito Lionel Richie em março?

>>

* Hellooooo, is it ticket you’re looking for?

richie

No meio do nosso março complicadinho (Stones passando, todo o Lolla e as Lolla Parties, Iron Maiden…) tem um Lionel Richie. Um dos maiores cantores dance pop romântico da história, pendendo entre o brega master e o cool supremo, adotado pelos indies nos últimos anos, atração de festivais feras tipo Glastonbury e dono de um caminhão de hits inesgotável e ex-integrante de banda extrafamosa, se apresenta no Brasil em março no mês lotado. Richie inaugura tour brasileira em Curitiba no dia 6/3, canta “All Night Long” no Rio dia 8 e, no dia seguinte, faz show no Ginásio do ibirapuera, em São Paulo.

A apresentação de Lionel Richie no Ibirapuera é para uma plateia toda sentada. E a Popload tem dois pares de ingressos para sorter para seus leitores. Tudo o que você tem a fazer para concorrer às entradas é pedir. Mande um “Hello” no email para lucio@uol.com.br e automaticamente você está dentro. Devo divulgar os dois vencedores na semana que vem, já. Os ingressos são para “cadeira inferior”.

Vamos ver o homem?

>>

Lionel Richie vem ao Brasil para “complicar” ainda mais nosso supermarço

>>

* Hello! Was it me you were looking for?

lionel-richie-hello-flyer-602

Março de 2016 está ficando ridículo, haha. A produtora Move acaba de divulgar que o velho crooner Lionel Richie faz três shows no Brasil em março, em Curitiba (dia 6), Rio (dia 8) e São Paulo (dia 9), respectivamente no Teatro Positivo, no HSBC Arena e Ginásio do Ibirapuera.

Autor de músicas históricas que ficam sempre no limiar do cool e do brega, Richie de uns tempos para cá tem sido escalado em festivais indies, tipo o inglês Glastonbury e o americano Life Is Beautiful (Las Vegas), para ficar em dois exemplos. Ao 66 anos e carregando uma marca de venda de discos que passa fácil dos 100 milhões, o cantor é dos artistas que apresentam um caminhão de hits do começo até o fim de seu show. Depois de seu disco de 2012, “Tuskegee”, Lionel Richie não lançou mais nada. Nem precisa, né?

Em março de 2016 os Stones ainda estarão por aqui, vai ter o Lollapalooza e uma paulada de atrações, Iron Maiden…

Untitled-12

>>

Hello!!!! Lionel Richie no Life Is Beautiful

>>

* Popload em Las Vegas.

Screen Shot 2014-10-28 at 18.57.40

* Se você pergunta o que um velho crooner famosão como o Lionel Richie está fazendo no meio de uma escalação que tem atrações gigantes do hip hop (Kanye West, Outkast), dois meganomes indies (Arctic Monkeys, Foo Fighters) e um astro da eletrônica (Skrillex), o próprio cantor de 65 anos também tem a mesma dúvida. Ele mesmo levantou a questão no meio de seu show no festival Life Is Beautiful, no sábado.

“Ok. Me chamaram e eu vim. E daqui de cima eu enxergo três públicos diferentes interessados em me ver”, falou, do palco, o músico de um certo soft rock misturado a soul e R&B que foi rei dos bailinhos nos anos 70, das FMs nos 80, vendeu mais de 100 milhões de discos na carreira e hoje, a esta altura, tem sido convidado para tocar para a molecada em festivais americanos modernos como este evento “jovem” de Las Vegas.

“Vejo alguns que vieram me ver por causa dos tempos dos Commodores. Outro grupo que está aqui por conta de músicas como ‘Hello’ e ‘All Night Long’. E tem um outro perfil de público que eu ainda tento entender por que eu consigo agradá-lo. São os que me abordam nas ruas às vezes para dizer: ‘Eu conheço suas músicas de tanto que minha mãe e meu pai botam para tocar na minha casa’.”

Em ação, ao vivo, cantando, tocando piano, contando histórias, Lionel Richie faz um show encantador para os fãs de qualquer idade. Obviamente, sua apresentação é recheada de hits “a noite inteira”, desculpe o trocadilho. Tudo interpretado igualzinho aos discos de 25, 30 anos atrás. Não tem erro.

* LIONEL EXPRESS – Richie realmente talvez seja o grande nome do festival. Os três modelos de camisetas que estampam sua cara (post passado) vendem que nem água nas barracas de merchandise. E tem o “Lionel Express”, um grupo de garotas que percorrem dançando as ruas do festival, seguindo um rapaz carregando grandes caixas acústicas em um carrinho de mão que tocam sem parar músicas como “All Night Long” e “Dancing on the Ceiling”, atraindo os passantes e formando uma espécie de Bonde do Lionel. E um monte de gente entra na dança, nem que seja por um minuto. Gênio.

** A Popload esteve em Las Vegas a convite do Las Vegas Convention & Visitors Authority.

>>