Em lorde:

Arctic Monkeys estará no Primavera Sound São Paulo, crava jornalista. Lorde pode vir nessa também

>>

* A banda inglesa Arctic Monkeys vem estrelar (ou co-estrelar) a primeira edição do Primavera Sound São Paulo, aventura espanhola que passa a acontecer também nas Américas agora em 2022 e aqui no Brasil vai ser realizada no Anhembi, em São Paulo, de 31 de outubro a 6 de novembro.

Quem passa essa informação é o jornalista José Norberto Flesch, acertador de vindas internacionais para shows no país, notícia dada em seu canal de Youtube

O Primavera Sound, que vai acontecer também em Santiago e Buenos Aires no período, terá também uma edição em solo americano. Lá, terá lugar em Los Angeles, em meados de setembro. E o Arctic Monkeys vai estrelar essa edição yankee.

Num mesmo “raciocínio estratégico especulativo”, digamos, faz sentido a informação ventilada forte nos países hermanos, nas outras sedes destes rolês do Primavera Sound por estes lados, de que a cantora neozelandesa Lorde, que também encabeça o PS LA, vem se apresentar no Anhembi junto com os Monkeys.

Lorde, sempre lembramos, fez show “pequenininha” no Lollapalooza Brasil em 2014 e depois, mais “grandinha” na idade e na fama, foi headliner do Popload Festival 2018.

Aguardemos as infos oficiais. O Primavera Sound SP deve ter seu line-up divulgado ainda em fevereiro, dizem.

>>

Top 10 Gringo – Só as minas com as melhores músicas da semana. Snail Mail brilha no topo. Sinead O’Brien cola em segundo. Charli XCX fecha o pódio

>>

* O pódio é das meninas nesta semana. EUA, Irlanda e Reino Unido estão representados aqui em sons tão diferentes entre si, mas lotados de muita qualidade. É absurda a habilidade de Lindsey, Sinead e Charli em compor as linhas melódicas mais viciantes de que se tem notícia. Tente não se perder nos sintetizadores e guitarras dessas minas. Sem contar que a gente ainda deu espaço neste Top 10 para dois mestres da arte da melodia, mas dois mais “senhores”, digamos: Thom Yorke e Kurt Cobain aparecem por via de relançamentos.

snailtopquadrada

1 – Snail Mail – “Headlock”
A sombria letra de “Headlock”, sobre se perder na escuridão de um relacionamento que já acabou, mas você insiste que não, é só uma das amostras de como é incrível o novo álbum da cantora e guitarrista americana Snail Mail. “Valentine” tem menos guitarra que o disco anterior, a estreia “Lush”, e justamente por isso arrepia pela mão de Lindsey Jordan, a dona do Snail Mail, em compor belas linhas em outros instrumentos, como é o caso do sintetizador deste som aqui – a gente quer morar nele, por exemplo, de tão bom.

2 – Sinead O’Brien – “Girlkind”
Pense em The Fall e Patti Smith, influências declaradas da irlandesa Sinead O’Brien, que consegue a difícil tarefa de honrar a bela linhagem que a inspirou. “Girlkind” é daqueles longos falatórios acompanhados das guitarras mais viciantes possíveis. Que música!!

3 – Charli XCX – “New Shapes”
Não sabemos quais palavras são capazes de contar com precisão quão exagerado e maravilhoso é o sintetizador que acompanha a voz de Charli na abertura deste single, que ainda tem participação das preciosas Caroline Polachek e Christine and the Queens. Parece coisa de outro mundo, sei lá. É bom e isso que interessa. Escute e tente não concordar com a gente.

4 – IDLES – “Car Crash”
Se o primeiro single do novo álbum do IDLES flertava com a soul, este segundo entrega que teremos um disco ainda mais experimental, para quem espera da banda só um pós-punk básico. De longas estrofes quase faladas/gritadas e um refrão breve e também falado, ou melhor, mencionado, “Car Crash” é lotada de distorção sob uma batida lenta – longe de ser algo grundento ou cantalorável.

5 – Cat Power – “Pa Pa Power”
As covers da Cat Power podem ser classificadas em dois grupos notáveis. Quando ela mexe em clássicos de maneira original (tipo “Satisfaction” ou “New York”) ou quando ela seleciona pérolas esquecidas, como esta boa música da banda do Ryan Gosling. Sim, o ator. Lembra essa banda dele?

6 – Egyptian Blue – “Salt”
Tá achando o IDLES muito experimental e quer algo mais “tradicional” na linha do que a banda fazia? Dá uma escutada nessa turma de Brighton. Eles pegam exatamente de onde o IDLES parou. Pura energia.

7 – Alt-J – “Get Better”
Delicada canção que deseja melhoras. A música é tocante ao ponto de as pessoas compartilharem no YouTube histórias emocionantes sobre o quanto a canção as sensibilizou a partir de suas próprias histórias. Uma prova de que o Alt-J alcançou algo aqui.

8 – Lorde – “Hold No Grudge”
Não sei como foi por aí, mas por aqui este novo disco da Lorde ainda não bateu. Mesmo assim, são bons os dois novos sons que acompanham a versão de luxo do álbum, recém-lançada. Será que damos mais uma chance?

9/10 – Radiohead – “How to Disappear Completely”/ Nirvana – “In Bloom”
São tantos relançamentos atualmente que até cansa. Mas tem semana que algumas velhas preciosidades até dificultam que a gente preste atenção nas novidades.

***

***

* A imagem que ilustra este post é da Snail Mail, Lindsey Jordan.

* Este ranking é formulado pelo duo Lúcio Ribeiro e Vinícius Felix.

>>

Lorde solta versão deluxe do terceiro álbum, “Solar Power”, com duas inéditas

>>

* A menina Lorde deu umas sumidinhas de algumas semanas, depois dos agitos de seu mais recente álbum hippie, o “Solar Power”, lançado no final de agosto. A cantora neozelandesa revelou nas últimas horas duas músicas novas, que compõem uma versão deluxe do disco “good vibes” dela.

“Hold No Grudge” e “Helen of Troy” são as bonus tracks lançadas nesta sexta-feira. Lorde revelou, em email direcionado a sua base de fãs, que embora descartadas no corte final do disco, ambas as músicas são “big tunes”.

Vejamos se são mesmo:

>>

POPLOAD FASHION – Nossa analista de moda comenta as roupas dos músicos no MET Gala 2021

>>

* Ontem à noite aconteceu a cerimônia do Met Gala, edição 2021, e por onde quer que se olhou, se ouviu e se leu hoje só se comentou isso. O chamado “bombou nas redes”.

O Met Gala 2021 foi realizado no Metropolitan Museum de Nova York e foi presidido (pensa!) pela Billie Eilish.

O evento, o maior do mundo fashion, é sobre roupas, mesmo. E isso nos foi entregue com garbo e elegância pelos convidados estelares. É um disputado festão anual para arrecadar fundos em benefício do museu. Obviamente, estava cheeeeeio de músicos pop, rappers, até roqueiros da velha guarda. E é aqui que a gente entra.

Para comentar as roupas usadas por Eilish, Lil Nas X, Lorde, Grimes, Rosalia, Pharrell, Olivia Rodrigo e muita galera do nosso mundo, convidamos a especialista em red carpet Mariana Prado (@maricoisa), que sempre brilha nas redes sociais com uma análise exata dos costumes e as inspirações que levam os astros a vestirem essas roupas muito loucas neste distinto evento.

“Eu adoro o anonimato para julgar sem ser cornetada, mas acho que todos devem desenvolver esse senso crítico estético”, afirmou @maricoisa, nossa enviada especial ao fashionismo zoeira.

Vamos lá:

***

Lil Nas X
Na dúvida, vestiu as três fantasias que ele tinha como opção, para escolher uma:
– Príncipe de Nova York
– Cavaleiros do Zoadíaco
– Finalizando com look cirque du soleil

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.41
WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.42
WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.42-2

***

Billie Eilish

Teve como exigência 20 metros quadrados para acomodar sua tela de mosquiteiro, se protegendo assim dos pernilongos de NY

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.42-3

***

J.lo e Kim Petras
J.lo, musa do Western, fez par com Kim Petras, que foi de cavalo

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.43
WhatsApp Image 2021-09-14 at 15.32.51

***

Lorde
Nossa amiga neozelandesa usando uma label chamada Bode, que resume bem o mood dela no Red carpet, não é?

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.44-2

***

Olivia Rodrigo
Tava muito bem a Olivia, mas a internet brasileira disse que ela pediu o look emprestado para a Andressa Urach.
WhatsApp Image 2021-09-14 at 16.18.57
andressa

***

Frank Ocean
O rapper Frank Ocean homenagem a Palmirinha e seu boneco Guinho.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.45

***

Camila Cabello e Shawn Mendes
Camila e seu “par”, naquele espírito príncipe contratado para dançar valsa na festa de 15 anos dela.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.44-3

***

ASAP Rocky
Ele aproveitou a oportunidade para apresentar as colchas de patchwork que sua tia está fazendo para vender pra fora.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.46

***

Riri, Erykah Badu e Kim Kardashian
O trio deve estar cobrando para assustar eventos por metro quadrado. O Halloween chegou mais cedo.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.46-3
WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.45-2
WhatsApp Image 2021-09-14 at 17.11.10

***

Pharrell
Pharrell inspirado pelo grande sucesso das lives de dupla sertaneja no Brasil encomendou o par de looks na Julian Marcuir.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.46-4

***

Grimes
Grimes veio pronta para garantir o seu jantar no buffet do Met.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.47

***

David Byrne
David byrne veio com look escolhido pela sua avózinha dele. Fofo.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 17.28.02

***

Troye Sivan
Troye sivan segue sofrendo os efeitos da máquina de secar em que jogou os looks do VMA e do Met gala. #encolheu

troye

***

Rosalia
A catalã bombada veio homenageando nossa Sula Miranda em potência máxima.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 13.59.22-2

***

Megan Thee Stallion
Garantindo a vaga na cota cosplay de algodão doce do evento.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.44

***

Teyana Taylor
Sem tempo de acabar o vestido trouxe o tecido na cauda.
(Quantas pessoas tropeçaram nela? Alguém consegue essa informação?)

WhatsApp Image 2021-09-14 at 18.41.56

***

Mary J Blige
Ela mostra pra gente o que fazer quando o vestido não serve mais.

WhatsApp Image 2021-09-14 at 13.59.22

***

Kid Cudi
O rapper foi vestido de Billie Eilish

WhatsApp Image 2021-09-14 at 10.15.47-4

>>

Lorde encerra rolê televisivo com a hippie “Fallen Fruit”, de seu disco hippie “Solar Power”

>>

Captura de Tela 2021-08-27 às 12.56.03 PM

* A neozelandesa poploader Lorde fechou sua apresentação ontem no programa do James Corden, na TV americana. Ela, que desde segunda-feira vem mostrando ao vivo músicas de seu disco novo, “Solar Power”, mais o hit “Green Light”, mais entrevistinha, encerrou sua participação nesta quinta cantando outra faixa de seu terceiro e hippongo álbum: “Fallen Fruit”.

No Corden, Lorde cantou, pela ordem, “Solar Power”, “California”, o “velho” hit “Green Light” e agora “Fallen Fruit”, sempre com uma roupa e um cabelo diferentes.

Sim, a gente ainda deve uma conversa aqui sobre o disco novo da cantora neozelandesa Lorde, que saiu faz uma semana.

Por enquanto, vá ao Sol com ela em “Fallen Fruit” e se sinta na Califórnia nos anos 60.

>>