Em mecainhotim:

Indie do bem. MECAInhotim faz parceria com a ONU e divulga sua programação diurna de palestras para seu festival

>>

* Neste final de semana acontece na ainda abalada cidade de Brumadinho, em Minas Gerais, mais exatamente nas dependências do colossal Instituto Inhotim, a quinta edição do MECAInhotim, festival da plataforma cultural MECA que espalha música por um dos mais incríveis museu de arte contemporânea do mundo. Considerado o maior a céu aberto.

Em ano do lastimável desastre que abalou a região, o estado, o país e deveria abalar a Justiça, o Meca leva uma contribuição de bandas, artistas, palestrantes e público de fora do lugar para repovoar a cidade com música, gente e arte.

O MECAInhotim acontece de sexta a domingo e será embalado com artistas de grande porte como Gilberto Gil, Céu e Tulipa Ruiz, recebe a cantora baiana Pitty, de disco novo, e movimenta o bom lado de baixo da música brasileira independente escalando MC Tha e Duda Beat, entre outras atrações.

Captura de Tela 2019-05-15 às 5.10.07 PM

Mas, ainda no caráter nobre da coisa, arma uma programação diurna de conversas e palestras em que o destaque será a parceria com a Organização das Nações Unidas para dar voz à campanha global #TOGETHERBAND, recheando o festival com conferências que darão visibilidade para os Objetivos para Desenvolvimento Sustentável do planeta, com a participação da própria ONU, o WWF, SOS Mata Atlântica, Instituto Sócio Ambiental (ISA), Instituto-e, representantes de Brumadinho e ainda um showcase de música contemporânea indígena.Completam as atividades um painel que vai discutir caminhos para a recuperação e desenvolvimento da cidade de Brumadinho (MG) após o rompimento da barragem do Feijão.

A programação de dia do MECAInhotim, com talks e palestras, acontecem no sábado e no domingo, das 11h às 14h, é divulgada agora pela Popload e está assim:

* A programação de talks no sábado conta com os insights WGSN, a maior autoridade em tendências no planeta. A empresa WGSN nasceu em Londres, tem 14 escritórios espalhados pelo mundo e é líder mundial em pesquisa de tendências. No talk, Arruda (chefe da WGSN Mindset na América Latina) desmistifica os desafios e soluções que estarão em evidência para pessoas, empresas e movimentos no futuro. Entre os insights que serão analisados estão empoderamento exponencial, consciência emocional e inovação tecnológica e social.

O dia também conta com Walter Thompson, repórter especial multimídia do jornal “New York Times”, que viaja o mundo atrás de respostas para a pergunta “O que significa pertencer?”. Além disso, idealizadoras da Hysteria, a plataforma de conteúdo criada e produzida por mulheres, que nasceu dentro da Conspiração Filmes, vão conversar com o público sobre a importância do movimento Girl Gaze na construção de uma representação visual mais realista das mulheres, partindo dos múltiplos olhares da produção audiovisual brasileira.

Brett Kincaid, produtor executivo do documentário “Fyre Festival: Fiasco no Caribe” sobre o festival de música milionário que virou grande desastre, também fará parte da programação do primeiro dia de talks.

* No domingo tem o talk sobre estilo e política, ou como o estilo É política, com o FaceHunter, projeto criado pelo fotógrafo Yvan Rodic, que já explorou estilo e cultura em 142 países, desafiando estereótipos, redefinindo narrativas e dando luz a paradigmas menos conhecidos. Fotógrafo, diretor de fotografia e explorador cultural, ele colaborou para marcas como Louis Vuitton, Lane Crawford, Mercedes-Benz, Volvo, Fiat, Tommy Hilfiger, entre outras, além de diversos veículos de imprensa como Vogue (Itália), GQ (França) e The Observer (UK).

Ainda: o Laces and Hair, maior hair spa natural do Brasil, e o MECA, plataforma cultural que além de promover o MECAInhotim também tem outros projetos ao longo do ano, falam sobre como ser uma marca com propósitos.

Verbogentileza também faz parte dos talks do domingo. Responsáveis por campanhas publicitárias e festivais de música tendo a gentileza como norte, eles propõem uma conversa sobre o como projeto colabora para conectar marcas com a cidade.

O espaço, sujeito a lotação, é aberto a todos que tiverem adquirido os ingressos do festival e não é necessário se inscrever.

* PróBrumadinho – além de fomentar o turismo na região, em fevereiro a plataforma cultural MECA lançou e foi um dos primeiros doadores do fundo filantrópico PróBrumadinho (www.probrumadinho.org). O objetivo da iniciativa é arrecadar recursos que serão aplicados na região com foco em médio e longo prazo. Ainda serão desenvolvidas uma série de atividades em prol da comunidade de Brumadinho antes, durante e depois do festival.

Confira abaixo a programação musical do festival, com os horários

* Sexta-feira
18h – Castello
20h – MC Tha
22h – Pitty
23h – WME / Claudia Assef e Ana Flávia
2h – Mentrix

* Sábado
18h – Céu
20h – Duda Beat
22h15 – Gilberto Gil
23h15 – Alta Fidelidade
1h10 – Rara

* Domingo
18h – Lamparina e a Primavera
20h – Tulipa Ruiz
22h – Mareh Music / Darryn e Cancian

Serviço

MECAInhotim
17, 18 e 19 de maio de 2019
Instituto Inhotim: Rua B, 20, 35460-000 Brumadinho
Passaporte (03 dias) 2º lote – Meia Entrada Social (perante a doação de um livro) ou Estudante: R$ 360

Sexta (1º lote) – R$ 90 meia-entrada estudante e meia-entrada social (mediante doação de um livro em bom estado)

Sábado – Esgotado

Domingo (1º lote) – R$ 90 meia-entrada estudante e meia-entrada social (mediante doação de um livro em bom estado)

*Valores sujeitos à mudança de lote

Ingressos aqui.
Mais informações aqui.
Evento no Facebook aqui.

O ingresso dá direito à visitação completa em Inhotim a partir das 9h30.

>>

CENA – Jorge Ben Jor, as mulheres, o frio, a Flor de Sal. Fotos e vídeos do incrível festival-arte MECAInhotim

>>

popload_cena_pq

_MG_9594

* Obras de arte, parque lindo, shows, discotecagens, frio, calor, pães de queijo, camping, barraca, yoga, campeonato de passinhos, palestras e a tal banda Flor de Sal. Teve de tudo na segunda edição que o MECAInhotim, festival da plataforma multieventos MECA, realizou no último final de semana (de sexta a domingo) no excepcional parque de arte contemporânea Inhotim, em Minas Gerais.

Alheio a polêmicas de redes sociais de dias anteriores, eu não tinha ideia quem era aquela banda de um casal tocando MPB com letras hippies esquisitas, quando cheguei para minha discotecagem no festival gaúcho-paulistano realizado em terras mineiras. Como a programação do sábado estava um pouco atrasada (já falo da sexta), consegui ver inteiro o show da banda criada pelo departamento de marketing da marca carioca Farm, um dos principais nomes da moda feminina do país que virou selo de música e já tem um primeiro produto, a Flor de Sal, os Sex Pistols da MPB de lifestyle carioca e “natureza feminina”. Show histórico para a CENA. E para mim, que não sabia o que estava acontecendo quando vi meninas com rabos de dinossauro dançando diante daquela banda até então a mim desconhecida.

No dia anterior, o de abertura do festival-arte, foi o selo indie paulistano Balaclava que tomou para si a programação do MECAInhotim, botando no palco principal a engajada e carioca Ventre, outra de forte voz para as mulheres, por causa da intercalação de música e discurso da baterista Larissa Conforto. O também paulistano Terno Rei e o mineiro M O O N S completaram a trinca Balaclava que fizeram pesar as guitarras no evento. Gratidão! :))

Temos vídeos pouco-ortodoxos da apresentação de Terno Rei e Ventre, ambos filmados do palco por Matheus Fleming.

O sábado, das atrações principais, enfileirou a rapper responsa Karol Conká, o bailão indie do grande Jorge Ben Jor e a discotecagem “variada” do badalado DJ espanhol Pional. Ben Jor mandando hit atrás de hit comandados por sua guitarrinha à la Nile Rodgers (Chic) e regendo a sua banda pelo microfone: “Mais groove aí”, “Agora mais funk”. Gênio. Desta noite, temos o vídeo da Karol Conká mandando seu mais recente single, “Lalá”, que versa sobre “O Sexo Oral Feminino e a Eventual Discrepância Masculina”. Boom!

Na real, por tudo que abarcou e propagou, o delicioso MECAInhotim foi um festival-arte, mas também um festival-mulher. As atrações de destaque do palco 2 do evento, logo na entrada do parque e dado o nome à marca de energético TNT, foram Luiza Lian e Sue Sue no sábado, e a bombada Tássia Reis no domingo. Ainda no domingo, mas no palco principal, o que fez se ouvir, entre outros shows (Lumen Craft mandou bem), foi a voz de Lia Paris.

De resto, algumas fotos gerais desta segunda edição do festival-style MECAInhotim, que segundo divulgação fez circular 9 mil pessoas pelo parque de Brumadinho, neste último final de semana.

meca_argentino2837

Jorge Ben Jor comandando o bailão indie no MECAInhotim

***

_MG_0947

Festival-arte

***

meca(2)

A galera no primeiro dia do MECAInhotim

***
meca_argentino2660

Karol Conká tombando com os meninos do passinho do Lá da Favelinha

***

Olivia Nicolette_MG_0583-2

A Olívia Nicoletti e a blusa que (também) norteeou o festival

***

meca_argentino2482

A galera

***

Karina Zaviani_MG_0524

Karina Zeviani, a cantora da falada banda Flor de Sal

***

meca_argentino3223

O DJ Pional, que tocou no sábado

***

_MG_9703

O festival-arte-fashion MECAInhotim e sua coleção inverno

***

** As fotos de shows deste post são do I Hate Flash. As de galera, do Rafael Morse.

>>

CENA – Rumo a Inhotim. MECA anuncia sua programação total de shows, por dia, do festival indie-artsy

>>

popload_cena_pq

* Electro-arte. Indie-jardinagem. Rock in Brumadinho. MPB nas galerias. Tudo misturado.
O MecaInhotim, evento extracool feito pela instituição cultural MECA em parceria com a instituição de arte Inhotim, leva a nova música (e a nova música velha) para interagir com a obras contemporâneas nos dias 7, 8 e 9 de julho próximos, em Brumadinho, Minas Gerais, a 60 km de Belo Horizonte.

É a segunda edição realizado pela plataforma multitentáculos MECA (MECAFestival, MECAJournal, MECACafe, MiniMeca, MECASpot, MECALove, MecaFamily) com um dos mais renomados e inovadores espaços de arte do mundo.

O festival, que já havia anunciado Jorge Ben Jor (foto abaixo) e Karol Conka como suas atrações principais, divulga agora toda sua programação de shows e festas de sua segunda empreitada botando os indies para experimentarem sensações visuais, de cheiro e, óbvio, sonora. Sem contar ainda, a ser divulgado ainda, uma seleção de eventos e performances e palestras e workshops sobre e de arte, moda, tecnologia e conhecimento.

21-08-2009 - CADERNO C - O músico Jorge Ben Jor. FOTO: DIVULGAÇÃO

Mas vamos à parte musical definida, que além das grandes atrações citadas terá os internacionais DJs Joakim
(França), Pional (Espanha, foto da home), mais shows de Ventre, M O O N S, Terno Rei, Lia Paris e Lumencraft. E uma parte de festas envolvendo o MECA com outras plataformas bacanas de música e gente boa que inclui até a Popl… Fica assim:

Sexta (7/7)

Ventre
M O O N S
Terno Rei

Sábado (8/7)

Jorge Ben Jor
Karol Conka
Joakim (FRA)
Pional (ESP)

Domingo (9/7)

Lia Paris
Lumencraft

** DJs (Day parties)

Carol Mattos e Belisa (Masterplano)
Fernando Dotta e Rafael Farah (Balaclava)
Filipe Raposo (RARA)
Lari Busch
Guga Roselli (Mareh).
Lúcio Ribeiro (Popload)

** O MECAInhotim acontece, então, de 7 a 9 de julho (de sexta a domingo) no Instituto Inhotim, (Rua B, 20, Centro, Brumadinho, MG. Os ingressos variam de R$ 40 (ingresso inteira, para a sexta à noite) a R$ 390 (passaporte inteira antecipado para os três dias). O valor do passaporte muda de acordo com o lote.

Toda a info, aqui no site do MECA. Pontos físicos de venda serão divulgados em breve.

>>

CENA – Julho traz a segunda edição do MECAInhotim: arte, plantas, indies e Jorge Ben Jor

>>

cena

A instituição cool electro-indie-MPB MECA, que costuma agregar ações bacanas a seu nome (MECAFestival, MECAJournal, MECACafe, MiniMeca, MECASpot, MECALove, MecaFamily), anuncia uma segunda edição para julho do seu festival em Inhotim, o inacreditável paraíso brasileiro de arte contemporânea. De 7 a 9 de julho, acontece em Brumadinho, MG, o MECAInhotim, que vai levar shows, DJs, performances, palestras e workshops para interagir com galerias, jardins botânicos e obras de arte a céu aberto.

O veterano músico brasileiro Jorge Ben Jor, a rapper Karol Conka e os ótimos DJs gringos Joakim, francês, e Pional, espanhol, puxam a lista de atrações que ainda está por ser anunciada em sua totalidade. A Popload apurou que as bandas independentes Ventre, do Rio, e M O O N S, de Minas Gerais, são dois grandes nomes que estarão no evento.

mecainhotim3-ihate

A parceria da plataforma multitentáculos MECA com o internacionalmente famoso Instituto Inhotim ocorreu pela primeira vez em novembro do ano passado, quando 5.000 pessoas respiraram música e arte em dois dias, ao som de Caetano Veloso e Liniker (foto acima), entre outros, e ao cheiro de uma das mais ricas áreas botânicas do país. Já nesta segunda edição, portanto, com três dias, o MECAInhotim mostra crescimento.

Os ingressos já estão à venda e variam de 40 (inteira, para a sexta à noite) a R$ 390 (passaporte inteira antecipado para os três dias, que dá acesso também a galerias e jardins). O valor do passaporte muda de acordo com o lote. Infos mais completas de ingressos e passaportes estão no site meca.love.

MECAInhotim - Anuncio 01 A

** As fotos, deste post e da home da Popload, do MECAInhotim 2016, são do I Hate Flash.

** MiniMECA hoje: Nesta tarde de sábado, invadindo a noite, o refigurado MECASpot (Pinheiros) bota para rodar mais uma edição de seu MiniMECA, com destaque para o pocket-show da banda Terno Rei. A edição de maio do #MECAJournal também será lançada hoje, no evento, que terá ainda venda de produtos legais e discotecagens de Guga Roselli (Mareh) e de um tal de Lúcio Ribeiro, de uma tal Popload.

>>

CENA: Festival indie MECA anuncia edição em Inhotim, um dos maiores museus do mundo, com Liniker e Caetano

>>

cena

* Opa, opa. O festival gaúcho MECA, que há tempos deixou de ser só gaúcho e só um festival (é uma plataforma de lifestyle e entretenimento), é bacana por suas ousadias indies. Mas agora ele se superou.

O MECA, que costuma agregar ao seu nome as várias ações e aproximações da galera atuante (MECACafe, MECAfamily, MECALove, MECAJournal…), lançou hoje o MECAInhotim, que é a realização, em um final de semana de novembro, de uma programação multicultural para o mundialmente famoso Instituto Inhotim, em Brumadinho (Minas Gerais), o maior centro de arte ao ar livre da América Latina, a aproximadamente uma hora de carro de Belo Horizonte.

nho

A parte musical será comandada por um show do Caetano Veloso, de uns anos para cá nome forte da transitação indie. Dentre os programados sete shows intimistas de diferentes gerações da música brasileira estão também anunciadas as performances do tão-falado Liniker (que toca de graça no Popload Festival da sexta-feira), Jaloo e Mahmundi. Outras atrações estão para serem confirmadas.

Fora a parte de shows, o MECA vai também ocupar 23 pavilhões e 7 jardins temáticos de Inhotim com 45 workshops, 13 palestrantes, performances, experiências gastronômicas, feira, mostra de filmes.

Sobre as conferências, entre os destacados Bernardo Paz, Marko Brajovic e Valentine Giraud-Robben está o francês Vincent Moon, cineasta indie e videomaker que foi por anos o principal nome do incrível La Blogotheque, website francês de experiências digitais e musicais que serve bastante a gente aqui na Popload, com vídeos e sessions absurdas de boa, sempre ligado à música independente.

O MECAInhotim será realizado nos dias 5 e 6 de outubro. Para o evento, o parque contará com uma infraestrutura de camping e restaurante dia e noite. Para comprar passaporte para os dois dias ou ingressos a vulso, consultar o site MECALove.

O MECA já levou, no ano passado, dois shows indies gringos para dentro do Instituto Inhotim, no chamado MECASpecial, uma edição especial do MECAFestival. Aconteceu em janeiro de 2015 e teve performances do duo AlunaGeorge e da banda Citizens!

Desta vez, o MECA vai realmente fazer uma ocupação da monumental sede da principal coleção d arte contemporânea brasileira.

Olha só onde essa movimentação atual do indie nacional está nos levando.

MECAInhotim - Card programacao

** A foto de Liniker da home da Popload é de Gabriel Quintão.

>>