Em mick jones:

O que você quer, Wayne Coyne? Flaming Lips anuncia novo álbum com participação especial de Mick Jones, do Clash

>>

051218_mickjones_slider

O sempre inventivo Wayne Coyne é desses caras que sempre estão nos surpreendendo. E, parece, ele vai conseguir de novo, em 2019. O seu Flaming Lips anunciou para o mês de abril, no Record Store Day, o lançamento de um álbum especial.

O projeto receberá o nome “King’s Mouth”, o mesmo de uma instalação de arte feita por Coyne em 2015, na qual eram tocadas músicas inéditas. O charme deste novo disco é a participação de Mick Jones, ex-guitarrista do lendário The Clash.

O músico, que também acumula passagens pelo Big Audio Dynamite e esporadicamente pelo Gorillaz, fará narrações em “quase todas as músicas”, o que é “realmente inacreditável”, nas palavras de Coyne.

O anúncio foi feito no Instagram oficial do próprio Wayne Coyne, mas ainda não há nenhuma prévia em áudio.

Visualizar esta foto no Instagram.

… ok.. so… our King’s Mouth album that will be coming out on @recordstoredayus in April has Mick Jones on it… yeah Mick Jones from The Clash and Big Audio Dynamite.. he’s doing the narration … he’s on almost every song… it really it quite unbelievable.. ill post a little video clip so you can hear him … but yeah!!!!! Man!!! Sooooo cool❤️🎅🏼🎅🏼🎅🏼🎅🏼❤️❤️❤️❤️❤️❤️❤️🎅🏼🎅🏼🎅🏼🎅🏼🎅🏼🙏🙏❤️❤️❤️❤️❤️#waynecoyne #theflaminglips #spongebobbroadway #flaminglipsconcert #flaminglips #kingsmouth @stevendrozd @scott_booker @jenstark @irreversibility @mtekbot @katyweaver @denniscoyne @kwkakwka @rockworth @nicholas_ley @spacefacemusic @oliverhibert @hein_koh @wow_elec_tron @nilerodgers @tannermariehull @wilco @waynecoyne5 @unitheband @dandeacon @mileycyrus @the_avam @gabbytwin @iiswhoiis @mtekbot @postmalone @paulsmith

Uma publicação compartilhada por Wayne Coyne (@waynecoyne5) em

>>

O espírito do Clash

>>

* A turnê que o guitarrista Mick Jones, um dos cabeças do fantástico The Clash, um dos grupos mais importantes da história, segue juntando amigos para correr a Inglaterra tocando as canções da mitológica ex-banda para arrecadar dinheiro para o Hillsborough Justice Campaign. Hillsborough é o nome do estádio de futebol do Sheffield Wednesday, que em 1989 sediou uma partida importante da Copa da Inglaterra, o jogo de semifinal entre Liverpool e Nottingham Forest. A partida durou seis minutos. No estádio, superlotado, começou um tumulto, correria e um esmagamento de pessoas. No final, 96 torcedores foram mortos e quase 800 ficaram feridos, vários de forma grave.

Mick Jones, para ajudar a instituição que ainda atende com caridade as vítimas ou os órfãos dessa tragédia esportiva, está reunindo amigos para tocar pelo Reino Unido as músicas do famoso grupo do punk inglês de 76-77 e além, dando o dinheiro dos ingressos para a campanha. Esse projeto chamado “Spirit of Clash” passou por Manchester no final da semana passada e reuniu John Squire e Ian Brown, do Stone Roses. Disso saiu uma palhinha exclusiva de Stone Roses (“Elizabeth My Dear”), mais Brown-Squire-Jones interpretando “Bankrobber” e “Armagideon Times”. Emocionante.

>>