Em molejo:

You wanted a hit: Boss in Drama mistura Lady Gaga com Molejo e cria um funk eletrônico

>>

140916_gagadrama_slider

DJ, produtor e cantor glam-pop, Péricles Martins, melhor conhecido como Boss in Drama, não poderia deixar passar batido o novo single da Lady Gaga, “Perfect Illusion”, lançado semana passada, com envolvimento de nomes como Kevin Parker, Josh Homme e Mark Ronson na gravação original.

A remix feita pelo agitador disco de Curitiba faz Lady Gaga cair no pancadão carioca, numa espécie de funk eletrônico. A cereja do bolo é a inserção da clássica “Cilada”, da banda de pagode Molejo. Pensa!!!

O link entre as canções de Gaga e Molejo parte do refrão de cada uma. Enquanto a faixa da cantora norte-americana possui linhas como “Não era amor / Não era amor / Foi uma ilusão perfeita”, a do grupo brasileiro tem as marcantes “Não era amor ô ô / Não era / Não era amor / era Cilada”. A internet, claro, não perdoou. A “semelhança” fez a canção do Molejo ter seu número de reproduções aumentar em 102% no Spotify. O single da Gaga está na casa das 7 milhões de audições. Imagina agora com a remix.

A versão, que vai bombar fácil nas pistas de dança indies pelo país, pode ser ouvida abaixo.

130916_gagamolejo2

>>

Vanguart canta o desamor e presta homenagem ao grupo Molejo

>>

* Preparados?

220114_vanguart

Mundo indie brazuca em choque. Haha. A banda Vanguart, orgulho de Cuiabá, dos principais nomes do indie nacional dos últimos anos, fez uma versão super intimista e clássica para uma faixa do… Molejo. Molejo é melhor que Beatles, afinal de contas.

O hit que motivou a homenagem do Vanguart a esta reserva moral da música brasileira é “Cilada”, um dos pontos altos da carreira do Molejo. A versão foi feita para o programa “O Jardim de Inverno”, do também cantor e apresentador Chay Suede, famoso entre as teens.

Como o mote das sessions é fazer um som desplugado e acústico, eles meteram um violino, desaceleram a música que na versão original é bem “intensa” e fizeram dela uma verdadeira declaração de amor. Ou desamor, no caso.

* A original e clássica.

>>