Em pabllo vittar:

VAI TER SHOW. Primavera Sound fecha seu pôster, confirma Arthur Verocai, divide as atrações por dia e começa a vender “day ticket” na quinta

>>

* Tudo bem que é só em 2021, e até lá tudo pode acontecer, mas já estávamos pensando que nunca mais íamos ter show ao vivo, daqueles com pessoas assistindo na frente do palco, com uma cerveja na mão, querendo que a banda que está tocando veja que a gente está usando a camiseta dela. Essas coisas.

Um dos festivais mais importantes para a música independente e certamente para o “novo normal”(ai…), o gigantesco evento espanhol Primavera Sound finalizou (finalizou mesmo?) sua enorme escalação para sua próxima edição. Dividiu os artistas por dia. E começa a vender esses ingressos/dia nesta quinta-feira agora.

Em 2021, o festival de Barcelona vai acontecer dos dias 2 a 6 de junho e veio confirmando em três etapas sua comemorada lista de atrações, nas últimas semanas. Está no pôster os seguintes nomes, para citar alguns: Pavement, Iggy Pop, Gorillaz, Tame Impala, Strokes, Massive Attack, Fontaines DC, Idles, Bauhaus, Dinosaur Jr., Tyler the Creator, Charlie XCX, Black Midi, Disclosure, Jamie XX, The National, Jesus & Mary Chain, King Krule, Metronomy.

No pôster, aparentemente definitivo, já está a divisão das atrações por dia. O festival abre pequeno numa quarta-feira, com Jesus & Mary Chain e Metronomy fazendo as honras. Depois, nos dias seguintes, vem o vendaval de bandas até o domingo acabar o PS 2021 num brunch na praia com Disclosure e Nina Kraviz fazendo DJ set.

O festival de Barcelona, uma tradição incidental na parte que nos toca, é largamente frequentado por brasileiros. A pergunta, que já foi feita aqui na Popload, volta ainda mais forte: por conta da péssima conduta oficial no trato sério da pandemia, brasileiro vai poder frequentar festivais na gringa ou, numa maior amplitude, ser ao menos permitido entrar em outros países? A ver.

Pelo menos temos certeza que dois vão, com suas equipes: a musa drag pop Pabllo Vittar e o veterano maestro jazzy Arthur Verocai. Dos dois brazucas, Verocai foi o último a entrar na leva de confirmações, divulgada hoje. Tanto Vittar quanto o maestro cool de jazz samba estavam escalados para o Primavera Sound 2020, que teria acontecido neste final de semana que passou se não fosse o coronavírus.

Confira o line-up do Primavera Sound abaixo. No site do festival tem mais informações e detalhes sobre os ingressos, que seguem sendo vendidos, mas a partir desta quinta contando também com as entradas por dia. O “full ticket” já está sendo vendido desde a semana passada. por 165 euros, quase R$ 1.000. Na quinta, sobe para 195 euros.

primavera
>>

Top 50 da CENA – Olha o Vovô Bebê no topo do Top. Mais Young Lights, o Flu e MC Loma. Tem até Sepultura entre as dez +

>>

1 - cenatopo19

* Prontos para o Top 50 da semana? Já deu para entender o nosso ritmo, não? Estamos aqui para te falar do que andamos ouvindo, uma playlist sem robô, feita na mão. Do que chegou a nós e gostamos, por alguma razão. E, dentro desse gostar, montamos um ranking que não é exatamente uma competição, e sim uma conversa sobre as músicas que na semana nos impactou de alguma forma, nos fez falar entre nós, discutir, ponderar aspectos, estilos, ritmos, momentos.

Nesta semana destacamos o lançamento do disco do Vovô Bebê, um bom lançamento da CENA carioca, e também novidades de um medalhão, tipo o Sepultura. Quem fuçar na lista vai ouvir artistas ainda por serem descobertos, até por nós, que gostamos de um som deles e agora vamos atrás de outros para saber mais.

Sempre lembrar que estamos no Deezer e no Spotify em formato de playlist, com este Top 50. Bonitinho, na ordem. Certo?

Vamos logo a ele, então.

novovovo

1 – Vovô Bebê – “Êxodo” (4)
Alguém viu a manchete do G1: “Vovô Bebê põe Ana Frango Elétrico em ‘Briga de Família’”? Lembrou o saudoso “Notícias Populares”, mas era só uma nota sobre este ótimo som novo da CENA carioca, que tem participação dela, sim, Ana Frango Elétrico. Fique de olho. Projeto de Pedro Carneiro que lembra o antigo grupo Rumo, uma das bandas mais paulistanas que existiram. Olha a ironia geográfica. O disco dele saiu hoje, ouça agora!
2 – Edgar – “Carro de Boy” (1)
Existe uma linha tênue na hora de fazer música de protesto que vira refrão grudento. Pode pegar mal, banalizar, ficar tosco. Não é o que acontece aqui. Edgar acerta no alvo na denúncia e na produção de um som que cabe na pista. Para dançar com profundidade. Com conceito. Esta canção chega com impactante vídeo e participação do Rico Dalasam.
3 – Kiko Dinucci – “Veneno” (2)
O álbum solo novo de Kiko Dinucci é uma peça e tanto. Violão no comando de tudo. E muita informação ainda há ser captada em futuras audições. A música com Rodrigo Ogi é, de cara, um dos achados do disco e pode dar a prévia do novo álbum do rapper, que tem produção do próprio Kiko. Tudo em casa.
4 – Flu & Amigos – “Porco” (Estreia)
Renomado integrante da melhor fase do rock independente gaúcho lááá nos anos 80, começo dos 90, entre outras bastantes coisas participaou da chamada formação clássica do clássico grupo DeFalla, Flu resolveu manter sua música viva em 2020 com uma série séria de singles bons. Esta “Porco” é o primeiro.
5 – Young Lights – “When You Were Here” (Estreia)
É rock dos EUA, praticamente. Mas é de BH, mesmo. Single novo incrível da banda do multitask Jay Horsth, um dos grandes destaques ao vivo da nova música mineira. E também é um indicativo de disco novo vindo por aí.
6 – MC Loma – “Predadora” (Estreia)
E aí, DG? Quem disse que não entendemos de Carnaval? MC Loma fez mais um hit perfeito para a festa mais tradicional do Brasil. Se prepare para ouvir “Predadora” nas ruas, neste mês. Um brega funk na medida para a internet graças a uma letra sobre pegação baseada em signos.
7 – Carne Doce – “Temporal” (5)
Esta só melhora quanto mais se ouve. Que musiquinha enoooorme soltou o grupo goiano Carne Doce para já anunciar que em 2020 vai ter disco novo, o quarto da banda do casal Macloys/Salma. A gente aqui quer morar nessas guitarrinhas que embalam a música nova, da metade para a frente.
8 – Terno Rei – “São Paulo” (3)
Ingressos esgotados em São Paulo em 20 minutos. Algo sério vem acontecendo com o Terno Rei. A febre em torno da banda só aumenta, shows lotados em outras cidades também. “Violeta”, o disco mais recente da banda, completou um ano, mas parece que está só no começo de uma jornada de conquistas. Esta “São Paulo” tem um sabor da new wave paulistana dos anos 80, revisitada. Coisa fina.
9 – Nill – “Options” (6)
Nill sempre manda bem e seu novo single já entra aqui no nosso Top 50, substituindo a faixa anterior dele que estava num Top 50 dos anteriores.
10 – Sepultura – “Fear; Pain; Chaos; Suffering”
Em um novo e potente álbum, o Sepultura teve a manha de chamar a incrível Emmily Barreto do Far From Alaska para fazer mais do que uma participação especial. Ela toma conta da última faixa do álbum. Quem quiser ir direto em outra boa do disco: ouça a torta “Ranging Void”.
11 – Vivian Kuczynski – “Carne” (7)
O novo single da Vivian ganhou um belo vídeo. Por isso destacamos “Carne” por aqui, outra das boas músicas do álbum de estreia da curitibana de 16 anos, single que tem uma letra que está na parte de críticas sociais do disco, segundo ela, mesmo que um tanto cifrada. Nem tanto assim. É só prestar atenção na menina.
12 – Marcelo Perdido – “Santa Clara de Tróia” (14)
13 – Amen Jr. – “amoretempo” (Estreia)
14 – Manaié – “Tira a Mão” (Estreia)
15 – Os Amanticidas – “Paisagem Apagada” (8)
A música é de 2017, mas se encaixou muito bem no Brasil de 2020. A voz de Juçara Marçal na segunda metade da música, então, só faz a força da música redobrar. Olho nessa banda, no disco, nos shows que eles vão fazer por aí.
16 – Rashid – “Eu” (9)
Em seu novo álbum, Rashid deixa para a última faixa talvez um de seus melhores sons, a reveladora “Eu”. Uma daquelas reflexões pessoais de um artista que acaba refletindo no ouvinte.
17 – Marietta – “Analógica” (Estreia)
18 – Lava Divers – “My Boy” (10)
Banda clássica do indie mineiro, o Lava Divers lançou um vídeo de música de 2017 para dizer que neste 2020 vem novidade por aí. Ótimo indie rock para aquecer os ouvidos _ e esperar ansiosamente por inéditas do Divers.
19 – Rohmanelli – “Toneaí” (Estreia)
20 – Rincon Sapiência – “Real Oficial” (11)
Uma das muitas boas músicas do mais recente álbum de Rincon Sapiência, um disco lançando no final de 2019 e que passou meio batido, injustamente, pelo menos por aqui. Corrigimos a rota agora.
21 – Céu de Vênus – “O Acaso Não Existe” (12)
22 – Bixiga 70 e Luiza Lian – “Alumiô (Cai Na Terra)” (17)
O encontro entre Luiza Lian e Bixiga 70 nasceu com cara de clássico. Fica a deixa para um projeto mais extenso, um álbum, quem sabe? Estamos na espera.
23 – Alice Caymmi e ÀTTØØXXÁ – A Noite Inteira (13)
24 – Liniker – “Não Adianta” (16)
Parte do projeto “Acorda Amor”, Liniker faz um bom cover de uma música do Trio Mocotó. O projeto ainda conta com as vozes de Maria Gadu, Xênia França, Letrux e Luedji Luna. O disco saí nesta terça-feira.
25 – Pabllo Vittar – “Amor De Que” (26)
26 – Saskia – “Tô Duvidando” (18)
Já escutou o disco da Saskia? A gaúcha é uma das revelações do ano passado para você também? E a participação do Edgar nesta faixa, então? Outro nível esses dois.
27 – Hot e Oreia – “Estilo” (20)
Da ótima cena mineira de rap, Hot e Oreia conseguem dosar aqui humor e mensagem de uma maneira única. A sacada “Cês são CS, eu RPG” é para poucos. E o “pior” é que o som é bem bom. Olho neles.
28 – Suco de Lúcuma – “Nada No Ar” (32)
29 – Linn Da Quebrada – “Oração” (23)
30 – AIYÉ – “Terreiro” (24)
31 – Rachel Reis – “Ventilador” (33)
32 – Anderson Primo – Ocê, Oceano” (34)
33 – Apeles – “A Alegria dos Dias Dorme no Calor dos Teus Braços” (15)
34 – Francisco, El Hombre – “Matilha :: coleira ou cólera” (36)
35 – Triz – “O Som Vem Assim” (38)
36 – La Leuca – “Morning Gloria (O Medo)” (39)
37 – Bruno Capinam – “Mais Amor” (37)
38 – João Bragança – “Bala Doce” (40)
39 – Yannick Hara – “Replicantes” (Estreia)
40 – Olívia de Amores – “La Cancionera” (Estreia)
41 – Valuá – “Veneno” (Estreia)
42 – Decaer & Vulgar Débil – “Na Taverna, Eu e Você: Aparições” (41)
43 – Karol de Souza – “Tambor” (44)
44 – Aori – “Xx/Xx” (45)
45 – Saulo – “Bahia Mãe” (47)
46 – Caio – “Entorna” (43)
47 – Trabalho Espaciais Manuais – “Terras Brasais” (48)
48 – Terra Mãe – “Retrato” (50)
49 – SZEL – “A 2 Passos” (Estreia)
50 – Romero Ferro – “Love Por Você” (Estreia)

***

***

* Entre parênteses está a colocação da música na semana anterior. Ou aviso de nova entrada no Top 50.
** Na vinheta do Top 50, o músico carioca Vovô Bebê. O Kiko Dinucci ilustra a foto da chamada do post na home da Popload.

>>

Fontaines DC vs. Pabllo Vittar. Tem até um Pavement ali. Vazou o estupendo line-up do Primavera Sound, de Barcelona

>>

* Horas antes de ser divulgado oficialmente, por motivos de “descuido” do Pavement, saiu a escalação aguardadíssima do segundo principal festival indie do mundo, o enorme Primavera Sound, em Barcelona.

O “versus” do título, sobre o grupo punk irlandês Fontaines DC e a musa pop brasileira Pabllo Vittar, é só um sugestionado efeito absurdo, uma vez que os dois têm posições bem próximas nas linhas de escalação e podem estar no mesmo horário, na sexta dia 5 de junho. O Primavera Sound vai acontecer na Espanha entre os dias 3 e 7 de junho.

A grande volta do grupo americano herói do indie Pavement, só para o Primavera espanhol e português, é um dos grandes atrativos do festival, dos muitos. A banda de Stephen Malkmus divide o holofote principal com especialíssimo Massive Attack no dia de abertura “para valer” do Primavera Sound 2020, a quinta dia 4.

Nos outros dias temos no topo: Strokes e Lana Del Rey na sexta 5; Tyler the Creator, Bad Bunny, Disclosure, Bauhaus e Iggy Pop no sábado 6.

Vai ter a algazarra dance punk do Teto Preto e o veterano maestro cool de jazz samba Arthur Verocai no line-up, também representando o Brasil. E uma espécie de melhores momentos de atração do nosso Lolla BR está embutida na programação do Primavera Sound.

Metronomy tocando fora da programação oficial pela cidade. Jesus & Mary Chain tocando o álum “Darklands”. Mavis Staples e Black Midi. King Krule tocando o álbum novo. Floating Points, Fatima Yamaha e Honey Dijon representando a eletrônica massa.

É tanto nome para dissecar que ainda vai levar um tempo nosso debruçado nesse line-up. Vamos voltar a ele certeza. Mas pode você ir fazendo esse serviço aí que beleza, também.

Confira o pôster “grosso” e o diário do Primavera Sound 2020. Vamos, será?

prima1

Captura de Tela 2020-01-15 às 8.14.32 PM

>>

Coachella 2020 escala IDLES, Fontaines DC, black midi e… Pabllo Vittar e Anitta

>>

* Vai ter viado no Coachella 2020, anunciou em seu Instagram a artista mais explosiva brasileira dos últimos anos. O festival da Califórnia, que acontece em dois finais de semana de abril e é o o grande responsável pela volta do Rage Against the Machine aos palcos, soltou ontem à noite sua escalação para este ano novo, com a cantora e dançarina brasileira Pabllo Vitar. A hoje internacional Anitta está nesta também.

Talvez o melhor junta-tribos dos últimos anos, com uma escalação variada e representativa da nova música para o nosso humilde gostinho, deu até uma pequena vontade momentânea de pegar o carro alugado em Los Angeles e rumar para o deserto em direção ao mesmo tempo festival mais bonito do mundo e o maior exemplo de shopping center da música que virou. Mas beleza: a transmissão dos shows do Coachella pela internet é muito boa.

fontaines

Muitos dos britânicos (inclui-se aqui irlandeses, em licença geográfica) da hora estão lá no cartaz, no meio dos cerca de 160 atrações divulgadas. Os punks IDLES, Fontaines DC (foto) e The Murder Capital marcarão presença. Os suecos do Viagra Boys, da mesma turma, estarão a bordo. O incrível e multiarticulado rapper Dave (lembra o Glastonbury, né?), o parça fera Slowthai, os doidos não-convencionais black midi e The Comet Is Coming, os redivivos Disclosure, Friendly Fires e Fatboy Slim e os belezuras Hot Chip (oi, Popload Festival!), FKA Twigs, Anna Calvi e Yungblud também estão entre os que vão pegar o vôo da British rumo aos EUA em abril, para o Coachella.

Rage fecha o sexta. Travis Scott e 21 Savage sacodem o sábado e a dobradinha linda Frank Ocean e Lana Del Rey encerram no domingo. O Coachella Festival acontece nos dias 10, 11 e 12 de abril, depois tem repeteco em 17, 18 e 19.

Numa olhada rápida, tem ainda King Gizzard & The Lizard Wizard, Mura Masa, Charlie XCX, SebastiAn, Princess Nokia, Orville Peck, Carly Rae Jepsen, Peggy Gou, Lil Nas X, Pup, Floating Points, Snail Mail, Black Pumas. Pulei alguém muito relevante?

Olha, viu, Coachella? Sei não…

coachella1

>>

CENA – Bananada, de Goiânia, anuncia seu festival completo com Pabllo Vittar e Lee Ranaldo, com descontos e sem taxa de conveniência (por algumas horas)

>>

1 - cenatopo19

* Baianasystem, Rincon Sapiência, Carne Doce, Francisco El Hombre, Ava Rocha, DJ Marky, KL Jay e os chilenos Javiera Mena e Ganjas são alguns dos muitos nomes que comporão o sempre gigante elenco de bandas e artistas solo que fazem do festival Bananada, de Goiânia, um dos principais festivais indies do Brasil. E olha que temos agora vários e incríveis festivais…

Agora no final de tarde o festival, 20 anos neste ano, anunciou a escalação completa de seu final de semana. Além dos nomes acima, o Bananada 2018 vem ainda mais forte com Gilberto Gil e o show de 40 anos do álbum “Refavela”, a sensação Pabllo Vittar, o ex-Sonic Youth Lee Ranaldo, Nação Zumbi, Emicida, os onipresentes Boogarins, Holger, Molho Negro e muito mais.

gil

O Bananada, que acontece de 7 a 13 de maio e vai ocorrer em “seu grosso” no shopping Passeio das Águas. Mas, antes, o festival ainda tem uma programação de showcases durante a semana que antecede o festivalzão em si, a ser divulgada em breve.

E não é só. A partir das 19h desta terça, o evento goiano liberou ainda a venda de ingressos por dia, via Sympla. Não só o do passaporte inteiroAté a meia-noite de hoje, não será cobrada a taxa de conveniência na compra. Além disso, o Bananada oferece um cupom de desconto de 10% nos ingressos, via inbox do Facebook, para quem se cadastrar aqui.

**

O line-up completo do final de semana do Bananada 2018 – 20 anos, fica assim:

– sexta-feira – 11/05
AVEEVA (GO)
NIELA (GO)
RØKR
ERMO (PORTUGAL)
VAMOZ
HOLGER
GIOVANI CIDREIRA
AS BAHIAS E COZINHA MINEIRA
JORGE CABELEIRA E O DIA EM TODOS SEREMOS INÚTEIS
CAMARONES ORQUESTRA GUITARRÍSTICA

palco red bull music
BRUNA MENDEZ (GO)
MERIDIAN BROTHERS (COLOMBIA)
FRANCISCO EL HOMBRE
KL JAY
DJ MARKY

palco chilli beans
GILBERTO GIL REFAVELA
EMICIDA convida DRIK BARBOSA e CORUJA BC1

– sábado – 12/05
LUTRE (GO)
GORDURATRANS
EMA STONED
BRANDA (GO)
ORUÃ
IN CORP SANTICS (ARGENTINA)
KALOUV
NEGRO LEO
ANA MULLER

palco red bull music
AVA ROCHA
JAVIERA MENA (CHILE)
CARNE DOCE (GO)
RINCON SAPIÊNCIA
HEAVY BAILE

palco chilli beans
ÀTTØØXXÁ
PABLLO VITTAR part. ARETUZA LOVI

– domingo – 13/05
FRIEZA (GO)
BLASTFEMME
DEAFKIDS
CORONA KINGS
ADELAIDA (CHILE)
BRVNKS (GO)
VIOLINS (GO)
MOLHO NEGRO
HELLBENDERS (GO)
MENORES ATOS

palco red bull music
TRIZ
THE GANJAS (CHILE)
RIMAS E MELODIAS
LARISSA LUZ
BAIANASYSTEM

palco chilli beans
BOOGARINS (GO)
NAÇÃO ZUMBI

>>