Em pearl jam:

Eddie Vedder visita antigos amigos africanos e, juntos, cantam Beatles

>>

121218_eddie2

Sempre engajado em causas sociais, Eddie Vedder resolveu visitar alguns amigos que fez há mais de uma década.

O líder do Pearl Jam foi até Porto Elizabeth, na África do Sul, onde reencontrou o coral da The Walmer High School. Foi com eles que Eddie gravou o álbum “The Molo Sessions”, em 2005, com venda totalmente revertida para escolas daquele país.

Desta vez, Vedder fez um tour pela escola, plantou uma árvore, e ainda tocou a clássica “Here Comes the Sun” com os alunos participantes do coral.

Os registros podem ser vistos abaixo.

>>

De novo, Eddie?!? Pearl Jam está no Rock in Rio 2019 e pode emplacar seu vigésimo show no Brasil

>>

* Na real, no festival carioca, deverá ser o show de número 19, se confirmado. Mas vai que tocam mais uma vez em São Paulo, para completar a vigésima. O fato é que a bandaça americana Pearl Jam, depois de tocar no Lollapalooza Brasil deste ano, volta ao país no ano que vem, para participar do megafestival Rock in Rio 2019, a Popload apurou.

Captura de Tela 2018-10-16 às 5.34.42 PM

A banda de Eddie Vedder já passou por aqui em 2005, 2011, 2013, 2015 e 2018. O grupo levou 15 anos para chegar ao Brasil, desde sua formação, em Seattle. Mas, depois que veio, só aumentou a freqüência das visitas. No total foram 18 shows.

De novo, a última passagem foi pelo Lolla Brasil, em março deste ano mesmo, que ainda contou com uma apresentação só deles no Maracanã. Isso se não contarmos as performances solo de seu líder em São Paulo.

De oficial oficiaaaaaaal, o Rock in Rio só anunciou o dia do metal, que acontece em 4 de outubro de 2019 (Sepultura, Megadeth, Scorpions e Iron Maiden). O festival, que acontece em sua maior parte em outubro pela primeira vez, outra info exclusiva da Popload meses atrás, está marcado para rolar nos dias 27, 28 e 29 de setembro e 3, 4, 5 e 6 de outubro.

Segundo um grande portal de música brasileiro, cóf, a cantora Pink e o grupo Muse também estão na escalação volumosa do Rock in Rio.

** INGRESSOS

A partir do dia 12 de novembro agora, o evento carioca passa a vender seu do Rock in Rio Card acontece no dia 12 de novembro de 2018, às 19h.

** MAIS PEARL JAM

O último disco de estúdio do Pearl Jam, “Lightning Bolt”, saiu em 2013. Depois disso, uma música nova, “Can’t Deny Me”, e um papo de álbum novo que ainda não se concretizou.

Mas, para os fãs do grupo, material novo pouco importa. Vale mais saber se vão abrir com “Release” ou tocar “Habit”. Afinal, nenhum setlist do PJ é igual ao outro. E esse é um dos maiores atrativos da banda desde sempre.

** A foto deste post, da banda Pearl Jam, é de divulgação. A da chamada para o post, na home da Popload, tem crédito de Marta Ayora, para o site Vírgula.

>>

Em seu próprio festival, Eddie Vedder “invade” shows de Johnny Marr e Mumford and Sons para tocar The Smiths e Bob Dylan

>>

Foto: The Scope Weekly/Neil Van

Foto: The Scope Weekly/Neil Van

Além de liderar uma das bandas mais consagradas da história do rock, Eddie Vedder é desses caras que respiram música a todo momento e tem até seu próprio festival. Anualmente, ele organiza no Havaí um evento que mistura música e surf, até porque seu companheiro de jornada nessa empreitada é o renomado surfista Kelly Slater.

O Ohana Fest acontece em Dana Point, na Califórnia, e recebeu neste final de semana grandes nomes do indie, tipo Mumford & Sons, Yeah Yeah Yeahs e Beck. Vedder também fez um show solo na noite de sábado, para incrementar o line-up.

Como bom organizador farofeiro que é, Eddie andou “invadindo” os shows de algumas atrações. Provavelmente a mais marcante delas foi no set do lendário guitarrista Johnny Marr. Juntos, eles cantaram a classuda “There’s A Light That Never Goes Out”, dos Smiths. Mais tarde, Marr retribuiu a gentileza e dividiu o microfone com Vedder, em seu show, durante “Hard Sun”, um dos maiores sucessos do cantor fora do Pearl Jam.

Eddie ainda fez um grande número de covers em sua apresentação, incluindo “Open All Night”, do Bruce Springsteen. E tocou, também, “All Along The Watchtower”, de Bob Dylan, com o Mumford and Sons.

>>

Cover de Buffalo Tom e uma b-side de 1995: as preciosidades do Pearl Jam no show em Boston

>>

030918_pjboston

Eddie Vedder e seus amigos continuam oferecendo mimos aos fãs no rolê pelos Estados Unidos. Depois de The White Stripes e David Bowie, quem recebeu homenagem do Pearl Jam desta vez foi a banda de rock alternativo Buffalo Tom.

O tributo à banda surgida nos anos 80 e que está por aí na atividade até hoje aconteceu na terra natal deles, Boston, na noite de ontem.

O Pearl Jam tocou a boa “Taillights Fade”, com a ajuda de Bill Janovitz, o próprio compositor e líder do grupo. Outra novidade do show foi “Out of My Mind”, canção lado-b do disco “Vitalogy”, de 1995, tocada pela primeira vez em quase uma década.

>>

Diário de turnê do Pearl Jam: agora eles tocaram uma música do “Ten” pela primeira vez ao vivo

>>

220818_pearljam2

A cada dia surge uma nova surpresinha nos shows do Pearl Jam pela América. Depois de tocarem de White Stripes a David Bowie nas últimas semanas, o grupo de Eddie Vedder também tem recuperado canções remotas de sua discografia.

Em um dos shows no estádio Wrigley Field, em Chicago, o grupo tocou ao vivo, pela primeira vez, a faixa “Evil Little Goat”, lançada láaaa em 1991, no discaço “Ten”.

O resultado, quase 30 anos depois, pode ser conferido abaixo.

>>