Em pessoas estranhas:

CENA – Presentinho antecipado: Popload lança o novo single do Pessoas Estranhas

>>

1 - cenatopo19

Foto: Lucas Milano

Foto: Lucas Milano

Quem acompanha a Popload há mais tempo sabe que sempre estivemos com olhar esperto em cima dos projetos de Guilherme Silva, da INKY, uma das bandas mais legais que a nossa CENA produziu nos últimos tempos.

Após o inesperado anúncio do “hiato por tempo indeterminado” que o grupo fez há mais ou menos dois anos, Guilherme resolveu matar a saudade de tocar junto com seu ex-parceiro de banda, Stephan Feitsma. E foi daí que surgiu o Pessoas Estranhas, lá em 2017.

Agora, eles estão trabalhando em um disco cheio, com previsão de lançamento para o ano que vem. O primeiro single, “Sistema Brasileiro de Zuação”, uma música que se o nome ainda não te entregou, mira na televisão brasileira, já está rodando por aí.

O segundo será lançado oficialmente nesta sexta-feira, mas como a Popload é bem camarada, entrega em primeira mão “Presentinho”, que de acordo com a banda é um som mais noventista, pesado e cheio de quebras onde ninguém espera. Bem a cara do que temos do Pessoas Estranhas até agora

Pelo selo Cavaca Records e com produção de um dos mestre do pop nacional em muito tempo, Dudu Marote, que já trabalhou com Skank, Pato Fu e BaianaSystem, para ficar em alguns exemplos, a banda parece inaugurar uma nova fase com estes dois bons singles.

O “Presentinho” da Popload, no caso, do Pessoas Estranhas, está disponível abaixo.

>>

CENA – Festival 5 Bandas acontece hoje em São Paulo botando 5 bandas para tocar. Não é tão simples assim

>>

1 - cenatopo19

gab

* Um dos mais novos festivais da enorme carga de eventos do calendário indie brasileiro, o festival 5 Bandas nasceu como um trabalho de conclusão de faculdade. O chamado TCC.

Pilotado por Alexandre Giglio, dono do blog Minuto Indie, que também é um canal de Youtube, o conceitual 5 Bandas pretende ser um festival que prepara o público para os outros festivais. A ideia é misturar estilos, ampliar o “leque indie”, e apresentar shows um pouco mais curtos, tipo de meia hora, a um público que não necessariamente vai a festivais, não exatamente frequenta à cena mas quer descobrir coisas novas, despertar outras predileções. A preços “amigáveis” pela quantidade de atração.

O 5 Bandas de hoje chega a sua segunda edição, já foi experimental antes disso (teve testes nos estúdios da Freak, na SIM São Paulo, na Casa do Mancha) e em sua primeira, em março, saiu já pronto da banca de avaliação estudantil. Era o trabalho escolar ganhando vida real, com Brvnks, Raça, Geo, Alaska e Mustache e os Apaches como atrações.

Nesta noite, novamente ocupando o Estúdio Bixiga, na Treze de Maio, o 5 Bandas vai reunir Glue Trip, Papisa (foto abaixo), Pessoas Estranhas, Gab Ferreira (foto acima) e The Raulis. Os ingressos, em seu segundo lote (R$ 25), podem ser comprados online. Na porta custará R$ 30.

5bandas

Dia 12 de outubro o 5 Bandas será “aplicado” no Rio de Janeiro, com atrações ainda a ser divulgadas. A ideia é fazer mais uma edição em São Paulo, provavelmente em dezembro.

“O porquê de 5 Bandas, o nome? Porque eu ia em shows, geralmente eram duas bandas que se apresentavam, shows longos, às vezes maçantes, preços caros pelo que entregavam. Tudo atrapalhando a experiência. Apresentações mais curtas, com mais nomes, a preços mais acessíveis podem formar um novo público para todo mundo. Dá para experimentar mais. Assim surgiu o 5 Bandas”, diz Giglio.

Não é a descoberta da roda indie. Mas que funciona bem, isso funciona.

Untitled-1

>>

CENA – Em vida após-Inky, surge o Pessoas Estranhas para virar o indie do avesso

>>

1 - cenatopo19

image (1)

* Bom, como a banda Inky está morta, viva a nova banda Pessoas Estranhas.

Eu costumo seguir o baixista Guilherme Silva há muitos anos, porque o cara só se mete em coisa boa. Lááááá atrás, ele esteve no assombroso Pop Armada, grupo de som intenso e vida curta. Acabou, ajudou a formar a Inky, que entre outras muitas “glórias indies” em sete anos de uma sólida trajetória na música independente abriu até um Popload Gig com nada menos que o LCD Soundsystem.

PE_3_Foto Luciano Kim

Agora o Gui Silva (à esq. na foto acima), com o parceiro de Inky, o ótimo guitarrista Stephan Feitsma (dir.), montou a Pessoas Estranhas, de cara um promissor quarteto (Bruno Bruni, nos teclados, e Nico Paoliello, na bateria, completam a banda) que mesmo em pouco tempo já tem com coisas boas para mostrar. Inclusive ao vivo. Um indie que vai a um experimentalismo de vanguarda, vamos dizer, tipo Talking Heads. E com o Guilherme cantando, pensa. O Stephan também assume o microfone.

Há algumas semanas, lançaram o primeiro single, “O Dez”, cartão de visitas da nova fase. Soltaram um delicioso vídeo com os Chun Kids, quatro irmãos coreando fazendo dancinha.

Captura de Tela 2018-09-28 às 12.30.52 PM

A Popload lança agora duas novas músicas do Pessoas Estranhas, “Sanguessuga” e “Ao avesso”, outros dois bons singles da banda. E em vídeo. E ao vivo, já para mostrar como os caras se viram live.

Abaixo disso, ainda, o vídeo para o primeiro trabalho deles, “O Dez”.

Sinta a pegada do Pessoas Estranhas (insta @pessoasestranhaz).

***

** Os vídeos ao vivo do Pessoas Estranhas foram filmados por Rodrigo Gionesi. O do vídeo de “O Dez”, por Anna Penteado.

** A foto do Pessoas Estranhas da home da Popload é de Daniel Liu. A que abre este post, de Luciano Kim. Acima dos vídeos, a imagem do Pessoas Estranhas em forma de quarteto para se apresentar ao vivo tem clic de Felipe Gabriel.

>>