Em peter bjorn and john:

Refletindo sobre relacionamentos longos, Peter Bjorn and John soltam mais uma canção do novo disco

>>

peter

O esperto trio sueco Peter Bjorn and John, a turma do assobio indie da década passada, está preparando o lançamento de seu nono disco de estúdio.

Intitulado “Endless Dream”, o novo álbum aparece dentro das comemorações de 20 anos de história do grupo e é deste projeto que acabamos de conhecer o novo single “Reason to Be Reasonable”.

A faixa tem uma pegada pop rock, admitida pelo próprio Peter Morén, o P do PB&J. “Eu estava procurando por um clássico power-pop com um gostinho do PB&J. É sobre quando você está em um relacionamento longo e acha que ainda vale a pena lutar pelos altos e baixos. É algo que também pode ser aplicado à uma banda”, destacou.

O novo single pode ser conferido abaixo. O álbum estará nas lojas no dia 13 de março de 2020.

>>

Três músicas para um trio. Peter Bjorn & John anuncia novo disco e libera logo uma trinca de canções

>>

Eles ficaram sumidos por mais ou menos cinco anos até lançarem “Breakin’ Point” em 2016. E relançarem o mesmo projeto ano passado. Agora, o trio Peter Bjorn & John continua acelerando e anunciou pra 19 de outubro mais um disco de inéditas.

“Dark Days” será o oitavo álbum de estúdio da trupe sueca, terá no total 11 faixas, e três delas foram divulgadas neste final de semana, para dar um gostinho de ansiedade a mais.

As canções lançadas são “One For The Team”, “Every Other Night”, e “Gut Feeling”. As gravações ocorreram em Estocolmo e cada música “representa uma interpretação diferente de cada membro do trio”, eles informam.

>>

Antes de tocar em SP, trio Peter Björn & John relança último disco em versão turbinada

>>

100316_peterbjorn2

Com visita marcada para o Brasil semana que vem, mais precisamente para dois shows com o Parquet Courts no “The Art of Heineken”, dias 11 e 12 de março no topo do Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, o grupo indie sueco Peter Björn & John vai relançar nesta sexta, 3, seu último disco que saiu ano passado, em versão turbinada.

O álbum, no caso, é “Breakin’ Point”, lançado em junho de 2016, e que agora tem releitura atualizada com 8 faixas bônus, incluindo demos e versões alternativas. Uma delas é “Stuck”, single que pode ser conferido no fim do post.

“Breakin’ Point” deu fim a um período de 5 anos sem discos de estúdio do trio e foi produzido por um pesado time de produtores, incluindo Greg Kurstin, Emilie Haynie e Paul Epworth, que nos últimos tempos estiveram envolvidos com Adele, FKA twigs e U2, respectivamente.

Breakin’ Point Reissue – tracklist
01 “Dominos”
02 “Live Is What You Want”
03 “Do-si-do”
04 “What You Talking About”
05 “Breakin’ Point”
06 “A Long Goodbye”
07 “Nostalgic Intellect”
08 “In This Town”
09 “Hard Sleep”
10 “It’s Your Call”
11 “Between The Lines”
12 “Pretty Dumb, Pretty Lame”
13 “Bad Taste (Bonus Track)”
14 “Stuck (Bonus Track)”
15 “Spoken Word (Bonus Track)”
16 “High Up (Bonus Track)”
17 “What You Talking About (Early Version)”
18 “It’s Your Call (Early Version)”
19 “A Long Goodbye (Early Version)”
20 “Breakin’ Point (Early Version)”

>>

Urgente. Parquet Courts toca em São Paulo, na Heineken, dias 11 e 12 de março. E com o Peter Bjorn and John ainda por cima. Vou repetir: Parqu…

>>

* Toma esta, Brasil. Banda das mais favoritas desta Popload desde que gritava em música que estavam chapados e famintos, os nova-iorquinos do Parquet Courts (foto abaixo) têm compromisso de dois shows em São Paulo pós-Carnaval, mais precisamente nos dias 11 e 12 de março, no evento “The Art of Heineken”, no topo do Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, o MAC-USP.

Screen Shot 2017-02-23 at 17.31.13

*foto de Ben Rayner

Será um grand finale da exposição da marca de cerveja holandesa, que teve início nos primeiros dias de fevereiro com show das californianas do Warpaint. Desta vez, no encerramento do evento, o Parquet Courts se apresenta nas mesmas noites do grupo sueco Peter Bjorn and John, como a gente adiantou por aqui há uns dez dias. Repetindo, os shows são sábado e domingo, dias 11 e 12/3.

Grupo art-punk do Brooklyn com forte sotaque de Austin pela parte doideira de suas músicas, o Parquet Courts é supernovo mas já carrega cinco álbuns nas costas. O último deles, o brilhante “Human Performance”, foi lançado em abril do ano passado. O Peter Bjorn and John (abaixo), famosaços nos anos 2000 com o superhit do assobio “Young Folks”, traz ao Brasil o concerto de seu último álbum lançado, o “Breakin’ Point”, também de 2016.

Os ingressos já estão à venda no site do evento, em primeiro lote, ao preço de R$ 90, por noite. Depois vai a R$ 150, na segunda carga. A capacidade para os shows do Art of Heineken é de 450 pessoas, o que dá direito a uma vista incrível do Parque do Ibirapuera e de SP, no geral.

pbj

>>

Peter Bjorn & John faz session na Califórnia, assobiando e tudo

>>

300816_pbj2

* Em rolê de shows pelo lado oeste da América fazendo o “circuito mágico”, o distinto grupo sueco Peter Bjorn & John foi obrigado à tradicional parada na KCRW, rádio decentíssima de Los Angeles, na qual o chapa Jason Bentley apresenta o sempre obrigatório e matinal programa “Morning Becomes Eclectic” etc. e tal.

O PB&J tocou em Los Angeles na sexta-feira, no sábado foi destaque do beeeeeeeem bacana festival FYF, de Downtown LA, domingo se apresentou em Portland, hoje é a vez de Vancouver, já no Canadá, e amanhã a turma desce a Seattle, faltando só San Francisco na quinta para fechar o West Coast. Dias agitados.

Convidados de Bentley para ir à KCRW fazer uma session em manhã ensolarada, semana passada, o trio sueco e banda apresentaram músicas do simpatissíssimo novo disco, acho que sétimo da carreira do grupo que já foi sucesso mundial por causa da “canção do assobio”. O álbum, “Breakin’ Point”, foi lançado agora em junho.

A session, fofinha, subiu ontem à internet e está aqui embaixo.

>>