Em popload festival:

Se (não) juntas já causam, imagina juntas: gigante do entretenimento T4F se associa à Popload

>>

Captura de Tela 2019-02-28 às 4.14.32 PM

Quando tudo isso aqui era mato, a Popload, que já se chamou “Download” e era uma tripa em página de lançamento de discos na Folha de S.Paulo, foi parar no mundo virtual dentro de uma seção de articulistas chamada “Pensata”, dentro da Folha Online (igualmente da “Folha”). Isso lá por 2000. A coisa tomou proporções “ousadas”, o “Pensata” ficou pequeno demais para a Popload, ganhou espaço nobre no caderno “de papel” Ilustrada e logo encaramos o desafio de se tornar um site. As popices semanais passaram a ser publicadas por aqui diariamente, tipo em 2006.

Depois, veio o próximo passo. Não apenas o de falar sobre bandas para o nosso público, mas, também, trazê-las ao Brasil, para perto desse “nosso” público. Nascia em 2009 o Popload Gig, selo de shows que se tornou referência no Brasil da “nova música”, tanto internacional quanto da CENA brasileira, abrindo as portas para grupos iniciantes da cena rock e eletrônica. E até com um Nick Cave, um LCD Soundsystem, um Tame Impala e uma Courtney Barnett no meio de mais de 50 atrações.

Já que o negócio aqui é se arriscar, surgiu a bela e bem louca (e estúpida também, haha) ideia de se fazer um festival. Um festival “diferente” dos festivais. Um festival que a gente iria. Sem reclamar como se reclama de festivais. E lá em 2013 o cultuado trio inglês The XX apareceu por aqui para dar sua benção. Ano após ano, a Cat Power veio nos ver, o incrível Iggy Pop também. A PJ Harvey botou seu nome em nosso humilde mural de atrações. O Wilco acabou com um período de longo espera e saciou seus fãs. A Lorde, menina que a gente viu crescer, pisou em nosso palco já na sua fase “Que mulher!”, e o Blondie, só o Blondie, fez sua estreia em terras brasileiras. Popload corrigindo o erro histórico da história dos shows legais no Brasil. Quanta honra, Debbie Harry.

Em meio a todas essas fases, mudanças, erros, acertos, ideias e muito suor, a Popload dá um novo passo, talvez o maior de sua curta e tão intensa história, e firma a partir desta quinta-feira, 28 de fevereiro, uma parceria com a Time For Fun (T4F), a maior empresa de mercado de entretenimento ao vivo da América Latina.

Fazem parte, a partir de agora, do pacote da T4F, a plataforma 360º da Popload, que inclui: Popload News, Popload Festival, Popload Gig, Popload Social, Popload Radio e Ticketload.

As duas passam, então, a produzir os shows e festivais de forma conjunta, com o compromisso de continuar levando um conteúdo e atrações de qualidade para um público cada vez maior. E melhor. Porque o nosso compromisso é fazer as coisas bem-feitas.

Depois a gente fala mais disso, porque o trabalho continua, apesar de estar só começando. Afinal, o Popload Festival 2019 está logo ali.

Untitled-4

* Obrigado pela parceria de sempre. A gente aqui deixa uma musiquinha para ilustrar este momento.

>>

Melhores do Ano da Popload. Qual o SHOW INTERNACIONAL de 2018? Vote

>>

* Estou em dúvida aqui se tiro o Nick Cave da contenda, para facilitar para os outros. Você me entende? Ou não?

Mas ok, vamos lá. Melhores shows internacionais do incrível ano de 2018 de taaaaaantas apresentações gringas boas. Escolha o seu em nossa enquete ou aponte outro que não está nas opções oferecidas.

4 - 141218_lcd
3 - 141218_ff

Ano que começou com Phoenix em Curitiba, teve o espetacular Gorillaz na chuva no Jockey, todo o Lollapalooza com os mágicos LCD Soundsystem, Liam Gallagher e David Byrne, não esqueçamos a Laninha Del Rey arrasando, o especialíssimo Mogwai tropicalizando um barulho no Butantã, os supraindies Connan Mockasin e Thee Oh Sees, o galã Father John Misty chamando todo mundo para uma intimidade no palco do mais bonito auditório do Brasil, At the Drive in brigando com fãs da Lorde, a Lorde em si e de sutiã, o Death Cab for Cutie tocando sentado mas tocando, a volta incrível do Franz Ferdinand, a dobradinha Foo Fighters & Queens of the Stone Age, o fodaço Deerhunter. A reta final com Morrissey e New Order.

Teve também três shows históricos. O histórico porque é sempre histórico Radiohead, o primeiro do Roger Waters no Allianz, mais pela tensão política absurda e provocando quase uma guerra de classes e de pensamento real, e o transformador Nick Cave & The Bad Seeds, retornando ao país para uma dessas experiências sonoras e sensoriais que fica muito injusto chamar de “show”.

A gente, semana que vem, vai publicar aqui duas listas. Uma de melhores da Popload em si, outra dessa convocação deste post, chamando você a votar através deste link aqui. VOTE!!!

Grande parte dos concertos sugeridos tem um “olhar paulistano”, por causa da força de SP como praça de shows e tal. Fique livre para votar, por exemplo, no Noel em Belo Horizonte (eu estava lá e até votaria, se…) ou Franz Ferdinand em Natal.

2 - 141218_radiohead
1 - 141218_lorde

** A foto do LCD Soundsystem no Lolla, a primeira deste post, é de Marcelo Brandt, do G1. Na sequência, o Franz Ferdinand em ação em São Paulo, do Fabrício Vianna/Popload. A do Radiohead, a terceira, tem crédito de César Tavares, do G1. A que fecha, da Lorde, é de Fabrício Vianna, da Popload, assim como a do Nick Cave, na home.

>>

Músico puto, banda que quase não veio, cantor carregado no colo, Debbie histórica, Lorde absurda, brazucas emocionantes, público lindo. Popload Festival 2018 viveu sua melhor e mais emocionante edição

>>

FAB_4433** Fotos de Fabrício Vianna

* É claro que o Popload Festival, como parte dos empreendimentos Popload, Popload Inc. e tal, é filho nosso. E estamos aqui para proteger a nossa cria. Então, não leve a mal que a gente considera este Popload Festival 2018, que aconteceu ontem em São Paulo para cerca de 14 mil pessoas, o melhor de todos.

Que acontecimento, que público lindo e absurdo, que shows, que água gostosa para se beber, que confusão nos bastidores com riscos graves pra escalação rolando enquanto a galera tomava sua cerveja e seu drink geladinhos, que chuva uma hora, que sol forte em outras, que frescura (no sentido de clima) à noitinha.

FAB_1197

* Que mulher essa Letrux, abrindo o festival deusa, de vermelho, dominando o já grande público para um primeiro show, esvoaçante e toda de vermelho, palco lindo, banda foda.

FAB_0879

* Que gostosura o Tim e a Mallu, novinhos e tão talentosos, segurando uma onda em um show diferente pra eles, fora da curva, delicado e intenso, recebendo um chuvaréu que lavou o Memorial e, se amenizou o calorzão de antes, ferrou uns looks caprichados e tudo mais.

FAB_1054

* Daí entra o primeiro gringo, a banda texana At the Drive In, histórica para os indies-indies, furacão sonoro para tirar o Popload Festival de sua zona de conforto. Banda putaça com alguém da plateia que eu não entendi, xingando muito, temperatura altíssima em todos os níveis, show rápido e veloz (conceitos diferentes). Resumindo: histórico, ainda que para uma boa parte do público era só “uns caras barulhentos”.

FAB_1239

* Depois teve a fofura master do Death Cab for Cutie em show guerreiro, porque quase não aconteceu. Seu líder, o vocalista e guitarrista Ben Gibbard, precisou ser levado ao palco no colo, por conta de um problema de saúde que o pegou horas antes de ir ao Memorial para a apresentação. Santa médica, santa medicação. Que comunicado importante e quase aterrorizante ontem que a Bel Lenza, da equipe da Popload, foi obrigada a pronunciar antes de a banda entrar em ação. Agregou público e banda. No fim, foi lindo. Espero que tenha sido lindo também para o Gibbard. Principalmente depois que os efeitos dos remédios que salvaram o show passaram.

FAB_1722

* Outro show que foi uma emoção no bastidor foi o do duo-banda americano MGMT. Você não tem ideia. Nem vai ter hahaha. Mas rolou lindo, com climão delícia de fim de tarde pós-chuva pré shows principais. Você também teve vontade de chorar em “Electric Feel” ou fui só eu?

FAB_2407

* Eu espalhei uns termos “históricos” acima, mas nada foi tão lendário quanto o Brasil finalmente ver o Blondie, a Debbie Harry e o baixista que já tocou com Elvis Presley em ação, aqui na nossa casa, ali na nossa cara. Tantos hits inesquecíveis, eternos. Não sei nem direito o que dizer.

FAB_3020

* Para acabar, entrou a menina Lorde, a atração principal. A responsável para o estouro da manada de fãs quando as portas se abriram, a da articulação na internet prévia, a garota neozelandesa com uma carreira de veterana mas que tem ainda 22 anos. Em sua segunda vez no Brasil, nem parece o bebê de um disco só que veio tocar no Lollapalooza de anos atrás, em um show entre o tímido e o confuso. Agora dona total de um palco, comandante de dançarinos, também de vermelho, ousadinha só de sutiã, distribuindo palavras de sabedoria com tão pouca mas intensa vivência. Que show. Que final consagrador com o megahit “Green Light” em clima carnavalesco, chuva de papel, galera pulando tipo o que acontecia em concerto do Nirvana.

FAB_4234

Bom, o Popload Festival 2018 está morto. Viva o Popload Festival 2019! Você vai amar saber qual banda a gente já fechou.

** VÍDEOS

>>

Popload Radio. Sua última chance para ganhar ingressos para o Popload Festival está aqui

>>

**** RESULTADO ********

A vencedora do par de ingresso é a

Bruna Lino

>>

Captura de Tela 2018-11-14 às 11.49.12 AM

* Esta eu quero ver. UM PAR de ingressos de pista para o fervente Popload Festival vai estar disponível para sorteio aos ouvintes da Popload Radio. Daqui a pouco e de modo relâmpago. O esquema é o seguinte:

* Hoje, logo mais, das 14h às 17h, a Popload Radio vai tocar músicas dos artistas e bandas que participarão do festival amanhã.

É preciso anotar pelo menos 5 nomes da banda/artista e da música que você ouviu. E mandar essa lista para um email rápido criado especialmente só para esta promoção: poploadradio@gmail.com.

Sortearemos o par de ingressos entre as respostas corretas. O resultado será divulgado aqui neste post às 19h.

Difícil?

popload_radio_p

** A Popload Radio pode ser ouvida em aplicativos. Tem app para iPhone e para celulares do sistema Android. Pode ser ouvida por aqui mesmo, neste site, na barra principal acima ou na aba “radio”, no menu. Também é alcançada no Facebook da Popload/Popload Gig, no item “Popload Radio”, na barra à esquerda.
 E está disponível no TuneIn, a plataforma americana de streaming ao vivo, que tem milhares de rádios cadastradas.
>>

Spoiler Alert: tudo o que você precisa saber e que a Heineken pode te contar sobre o show do MGMT no Popload Festival!

>>

****
Esta série de posts tem apresentação da marca de cerveja Heineken, mais uma vez junto do Popload Festival!
****

MGMT_popload_festival

Agora a coisa ficou séria: faltam DOIS dias para a maior edição do Popload Festival! E também para o maior feriado do ano (e não estamos falando dos seis dias emendados, se você mora em SP). Nesta quinta-feira, Lorde, Blondie, Death Cab For Cutie, MGMT, At The Drive In, Mallu & Tim e Letrux se apresentam no Memorial da América Latina a partir das 12h15. A festa começa cedo!

Nesta série de posts, damos uma olhada no que as bandas têm feito, postado e tocado por aí antes de chegarem ao Brasil. Com exceção do Blondie, no último fim de semana nosso lineup já se encontrava em terras sul-americanas em shows pelo Peru, Chile e Argentina.

MGMT: BREVE HISTÓRIA

O duo MGMT, formado pelos amigos de faculdade Ben Goldwasser e Andrew VanWyngarden, tinha uns dos maiores hits das pistas em 2007 e carregava, assim, o peso de dar continuidade ao buzz incessável de grandes bandas vindas do Brooklyn. Mas, então, veio a fase experimental que frustrou a gravadora, confundiu boa parte da crítica e provocou uma relação de amor e ódio entre os fãs.

Com seu primeiro álbum em cinco anos, o elogiadíssimo Little Dark Age, lançado em fevereiro deste ano, o MGMT deixa o experimentalismo dos dois últimos discos um pouco de lado e volta com a mesma força e sintonia dos áureos tempos de Oracular Spectacular, álbum com uma trinca infalível que certamente você sabe cantar até hoje: “Kids”, “Electric Feel” e “Time to Pretend”. Little Dark Age pode não ter sucessos tão radiofônicos como esses, mas traz umas das melhores canções que a dupla já fez! Tem um pouco de synth-pop, indie-pop, chillwave e da atmosfera dos anos 80. É uma nova fase promissora e não estamos falando só do novo visual neo-goth de Goldwasser e VanWyngarden.

O MGMT toca em São Paulo nesta quinta depois de uma maratona internacional e de uma mini-tour nacional: tocam hoje em Porto Alegre e amanhã no Rio do Janeiro!

SETLISTS RECENTES

Os últimos setlists da banda variaram bastante nas músicas escolhidas assim como na ordem. Separamos as mais tocadas tanto em show solo como nos shows em festivais e, provavelmente, este é o repertório que podemos esperar por aqui (*nos shows do RJ e PoA a lista de músicas aumenta, claro)! As últimas cinco músicas apareceram em várias apresentações, mas com menos frequência que as outras:

Weekend Wars
When You Die
Time to Pretend
James
Flash Delirium
Little Dark Age
Electric Feel
Me and Michael
Kids
Of Moons, Birds & Monsters
TSLAMP
****
Alien Days
Siberian Breaks
Congratulations
She works out too much
The Youth

PLAYLIST

O setlist acima na ordem para você chegar ao festival com tudo na ponta da língua!

MGMT NO INSTAGRAM

****
A criaturinha de Little Dark Age
****

View this post on Instagram

Oh dear oh dear oh dear dear me 📸 @ladyjandry

A post shared by MGMT (@whoismgmt) on

****
Virou até fantasia de Halloween!
****

****
Uma pequena multidão esperando a dupla no Firefly Festival
****

****
Iti Malia <3 ****

****
Na dúvida sobre o que vestir no festival?
****

****
#tbt para MGMT em 2007!!
****

****
10 anos depois!
****

View this post on Instagram

10 years later LOL #mgmt #mgmtkittenz #westilltogether

A post shared by MGMT (@whoismgmt) on

****
Novo look
****

****
A foto acima serviu de referência para os nossos adesivos e gif!
****

****
By The Pipou!
****

****
Um clássico: tentar dançar “Kids” e filmar ao mesmo tempo
****

****
Será que vai chover no Popload Festival?
****

****
O setlist de Buenos Aires!
****

MERCH!

UM teaser do que você vai encontrar na lojinha! Fora isso, teremos mais estampas, bonés, ecobags, meias e muito mais:

mgmtmerch1

MGMT AO VIVO

Um show inteirinho do MGMT para você que curte MESMO um spoiler:

SPOILER ALERTS

Saiba o que esperar dos shows:

* Da Lorde
* Do Death Cab For Cutie
* …e do Blondie!

INGRESSOS POPLOAD FESTIVAL

Compre o seu ingresso aqui!

POST_popload_festival

***
O Popload Festival é apresentado por Heineken! Aprecie com moderação.
#LiveYourMusic
***

EHR_LogoGreenPMS

>>