Em queremos:

Popload Live: hoje, 17h, no Stories da @poploadmusic, conversa com Bruno Natal, co-fundador do Queremos! e a voz do iluminado podcast Resumido

>>

* Desculpa a brodagem escancarada, mas ela, aqui, faz o maior sentido. O convidado de hoje da Popload Live, em conversa musical ou música conversada às 17 horas no Stories da @poploadmusic, é o jornalista/produtor/agitador carioca Bruno Natal, parceiro da velha guarda do jornalismo digital, um dos criadores da plataforma de shows Queremos! e hoje o condutor do importantíssimo podcast + lives Resumido, de cultura digital.

Se você não ouve o semanalmente, você não sabe ao certo para onde o mundo conectado está caminhando, quais as discussões necessárias, esse tipo de coisa de quem não sabe ao certo como sobreviver neste planeta cada vez mais digital. Não que o Resumido (ou o mundo) tenha todas as respostas. Mas, quando alguém tiver, ela vai estar iluminada no Resumido.

O papo com Bruno vai além, óbvio, e pendendo para o mundo musical. Bruno colaborou muito tempo com o “Segundo Caderno”, do jornal O Globo, entre feras musicólogas importantes como Calbuque e Tom Leão e toca há centenas de anos o site URBe, primo da Popload.

O único problema de Bruno é ser flamenguista, mas isso é uma outra história. Vem com a gente hoje, às 17h, no @poploadmusic. Que a conversa vai ser boa.

5 - CARD

A live da Popload foi criada para proporcionar, em tempos de clausura, papo e performance com pessoas legais da nossa música. Inclusive… tocando música.

Já rolou por aqui conversa e som com Flavio FingerFingerrr, André Aldo, Eduardo Apeles, Vivian Kuczynski, Lucas Fresno, Rita Papisa Oliva e Ale Sater, do Terno Rei, Bianca e Rodrigo do Leela, Lucas da Glue Trip, Fefel do Boogarins, Duda Brack, Clarice Falcão, Gabriela Deptuski, do My Magical Glowing Lens, Jay Horsth, do Young Lights, Salma & Macloys, do Carne Doce, a trinca Naíra, Érica e Caro, do sexteto Mulamba, e João Erbetta, do Los Pirata, e o Popoto, da banda Raça. Tudo regado a som ao vivo, adaptado, rearranjado, diferente, tecnicamente perdoadíssimo.

Já teve até DJ set, do ótimo Willian Mexicano, na semana passada, com a digníssima diva pop Pabllo Vittar participando animada. Já teve conversa sobre a história da CENA brasileira com um dos personagens principais dela desde sempre, o agitador Fabrício Nobre. Já teve papo de jornalismo musical com Pedro Antunes, editor da “Rolling Stone”, porém mais conhecido como o inventor do programa “Tem um Gato na Minha Vitrola”.

A ideia da live é que ela, diária, de segunda a sexta no período de quarentena, não necessariamente tenha um horário padrão para rolar, mas até que tem acontecido bastante às 17h. A gente avisa aqui e nas redes o horário certo do dia. Ou, melhor, reforça o aviso quando NÃO for às 5 da tarde.

Então, hoje, às 17h, daqui a pouquinho, no Stories do @poploadmusic, receberemos o Bruno Natal, entre muuuuuitas coisas, a voz do Resumido, o podcast.

E lembrando que as Lives passaram a ficar disponíveis no igtv da conta do Popload Music, para outras revisitações ou mesmo para ver pela primeira vez. É isso.

>>

Respeita as mina! L7 e Carne Doce vão tomar conta de BH nesta quinta. Quer ingressos?

>>

180618_L7_slider

No público, muita barba e cabelo branco misturados num mar de camisas de flanela. No palco, quatro senhoras de respeito voltando ao país depois de 25 anos. E com o gás de antes e o mesmo apelo para hits. Foi mais ou menos assim o cenário do show do L7 em São Paulo, no último final de semana.

O L7 tem uma fórmula pra canção chiclete que se mantém intacta mesmo após um hiato da banda. Das 20 músicas do setlist, dá para dizer que mais da metade eram cantadas do começo ao fim. A verdade é que mesmo as mais desconhecidas ou novas também não deixaram a desejar, com refrões grudentos fazendo com que os velhos/novos grunges cantassem juntos. E muita gente saiu do Tropical Butantã achando que foi um dos grandes shows de um ano recheado de shows.

Nesta quinta, as meninas ícones do Riot Grrrl vão fechar sua turnê em grande estilo no país com um show imperdível em Belo Horizonte, no Mister Rock (Av.Tereza Cristina, 295, Prado). Como se não bastasse toda a bagagem de seis discos bastante honesta, a banda norte-americana ainda terá como show de suporte o nosso lindo e incrível Carne Doce, que tem também na vocalista Salma Jô uma vertente feminista de respeito, apresentando o show de seu novo disco, “Tônus”.

pf_carnedoce

Os ingressos para o show, promovido pelo Queremos!, custam R$ 80 e podem ser adquiridos aqui.

Mas, como a Popload é camarada, a gente coloca para sorteio 2 PARES DE INGRESSOS para o rolê. Basta enviar um e-mail para lucio@uol.com.br com nome completo e RG, com o assunto “L7 BH”. O resultado sai nesta quinta, dia do show, por volta de 13h. Bora?

>>

Hearts on fire! Em mais uma parceria Popload e Queremos!, Cut Copy também vai tocar em SP no fim de agosto

>>

060618_cutcopy2

Está pouco de show? Então toma mais um.

Banda anos 2000 mais anos 80 do indie moderno, o Cut Copy é mais uma atração que a cidade de São Paulo receberá no segundo semestre. Em mais uma parceria da Popload com a galera do Queremos!, o grupo australiano tocará no Fabrique, dia 28 de agosto, com ingressos já disponíveis aqui.

O Cut Copy está na estrada divulgando seu ótimo disco “Haiku from Zero”, lançado ano passado, e que chegou ao mercado para dar fim a um intervalo de quatro anos desde o lançamento do petardo “Free Your Mind”.

Mesmo que nos últimos cinco anos os australianos tenham soltado apenas dois discos, eles ainda divulgaram nesse meio tempo duas mixtapes. Um de seus integrantes, Ben Browing, tirou um tempinho para lançar um disco solo.

Grupo que tem uma sonoridade atual, mas que olha com carinho para o dance dos anos 80, o Cut Copy tem no catálogo canções incríveis tipo : “Lights & Music”, “Hearts on Fire” e, mais recente, “Airbone” e “Standing in the Middle of the Field”.

O lance é não perder tempo e cair na pista de dança do Fabrique, reforçando, dia 28 de agosto. Os ingressos custam a partir de R$ 90. O Cut Copy ainda fará outros dois shows no Brasil, dia 25/8 no Queremos! Festival, na Marina da Glória, no Rio de Janeiro, e no dia 29/8 no Bar Opinião, em Porto Alegre.

>>

Popload e Queremos! trazem a São Paulo, pela primeira vez, o deuso indie Father John Misty

>>

050618_fjmposter

Em parceria com os cariocas do Queremos!, a Popload põe para se apresentar em São Paulo o dândi romântico Father John Misty, que está bombando em festivais lá fora com seu novo disco, “God’s Favorite Customer”, lançado semana passada.

A estreia do distinto Josh Tillman nos palcos paulistanos acontecerá dia 26 de agosto, um domingão, no renovado Auditório Simón Bolívar, no Memorial da América Latina.

“God’s Favorite Customer” chega um ano depois do complexo álbum “Pure Comedy” e conta com produção do próprio Tillman em parceria com amigos tipo Jonathan Rado, do Foxygen, Jonathan Wilson, Natlie Mering e The Haxan Cloak.

FJM tem relatado em suas entrevistas promocionais mundo afora que este seu novo projeto é marcado pela simplicidade e pelo tom intimista que vai na contramão de seus antecessores.

“A maior parte deste próximo álbum foi escrita em um período de seis semanas em que eu estava meio que no limite. Eu estava morando em um hotel por dois meses. É uma espécie de desventura. As palavras estavam apenas saindo de mim. Ele está realmente enraizado em algo que aconteceu no ano passado que foi… Bem, minha vida explodiu. Eu acho que a música essencialmente tem o propósito de tornar o doloroso e o isolamento menos doloroso e menos isolador. Mas em suma, é um álbum de melancolia”, destacou em um comunicado que acompanhou o anúncio do disco.

Os ingressos para o show de Father John Misty em São Paulo custam a partir de R$ 100 e podem ser adquiridos no site do Queremos!.

>>

Opa! Com Father John Misty, Cut Copy e muito mais, Queremos! anuncia seu festival para agosto, no Rio. Ingressos à venda hoje

>>

210218_fjm2

Pode reservar mais uma data aí no seu calendário de shows e eventos internacionais para este ano no Brasil. O atuante coletivo Queremos! acaba de anunciar para 25 de agosto, na Marina da Glória, Rio de Janeiro, o Queremos! Festival.

As atrações confirmadas são, atenção: FATHER JOHN MISTY, ANIMAL COLLECTIVE, BAIANASYSTEM, BOOGARINS, CUT COPY, IONNALEE, RINCON SAPIÊNCIA, RUBEL e XÊNIA FRANÇA. Ok?

A venda de ingressos começa daqui a pouco, às 11h, no site do festival. As entradas custam a partir de R$ 140.

 

IMG-20180504-WA0037

>>