Em record store day:

MTV Unplugged clássico do Pearl Jam puxa lista de lançamentos da Black Friday do Record Store Day na América

>>

091019_pearljam2

O Record Store Day, evento anual no qual têm sido oferecidos lançamentos cada vez mais legais por parte de bandas que a gente adora, possui uma segunda data, em menor escala, que é a Black Friday.

Neste ano, em 29 de novembro, alguns artistas importantes irão colocar em lojas independentes algumas raridades de suas discografias. Entre elas, está o inédito lançamento em vinil do MTV Unplugged do Pearl Jam, gravado em 1992, na época em que o grupo norte-americano estava estourado no mundo todo com o discaço “Ten”. Aliás, seis das sete canções cantadas pelo grupo são do álbum. A outra é “State of Love and Trust”, da trilha sonora de “Singles”.

** Outros lançamentos de destaque na Black Friday americana:

* Vinil do EP “Coconut Oil”, da Lizzo, de 2016, com tiragem de 5.500 cópias

* Vinil 7″ de “Neighborhood #1 (Tunnels)”, do Arcade Fire, com uma cover de “My Buddy”, da The Alvino Rey Orchestra junto

* Vinil 7″ com as faixas “Home Tonight” e “In A Hurry”, que Paul McCartney não incluiu em seu último álbum, “Egypt Station”

* Relançamento do EP “Three”, do U2, lançado originalmente em 1979 com as canções “Out of Control”, Stories for Boys” e “Boy-Girl” remasterizadas

* Vinil 7″ cor de rosa da Jenny Lewis, com uma versão inédita de “Rabbit Hole” e uma cover de “Standing In The Door Way”, do Bob Dylan, com tiragem limitada de 2.000 cópias

* Disco ao vivo do DEVO com gravações registradas em uma campanha promocional da banda feita pela Warner Bros. em 1980, comercializado pela primeira vez

* Lançamento em vinil do EP “Day Old Belgian Blues”, do Kings of Leon, lançado em 2004, com tiragem de 3.000 cópias

* Session do Jeff Buckley na rádio KCRW em 1994 sairá em vinil, com tiragem limitada a 3.750 cópias

>>

CENA – São Paulo entra de vez no Record Store Day. MIS anuncia “a maior e melhor” feira de discos para o dia 22

>>

cena

* Ok. Ainda não temos os lançamentos especiais de discos, para a data, que no exterior funciona que é uma beleza. Mas, no próximo Record Store Day, que terá em São Paulo sua terceira edição no próximo dia 22, o Museu da Imagem e do Som – MIS está anunciando a “maior e melhor” feira de discos da cidade, com 80 expositores, palestras com diversos nomes da indústria, oficina de DJ e, claro, shows. As bandas Autoramas, carioca, e Mundo Alto, de SP, tocam no Museu, como parte do evento.

Feira de Discos no MIS 2014 (14) Crédito Letícia Godoy MIS

É a terceira edição no MIS, para ser mais exato. O evento será feito em parceria com a Locomotiva Discos, loja do centro de SP que inseriu a cena brasileira do dia que celebra as lojas de discos de todo o mundo em 2011.

Venda de vitrolas e toca-discos acontecerão também na feira do MIS. O estúdio Vinyl Lab. O evento, nas horas em que não acontecerem shows, vai ser embalado por discotecagens. Do lado de fora do museu, food trucks alimentarão a galera.

Além de comprar, o público também pode levar até 50 LPs usados para venda ou troca somente com os expositores. E um dos destaques desta edição será a participação do Casarão do Vinil, tradicional loja da Mooca que tem um acervo absurdo de 700 mil itens, que vão de discos de 78 rotações a livros e compacto. O Casarão botará na feira do MIS uma banca com discos de R$ 1,99.

autoramas

Mas quem disse mesmo que não haverá lançamentos de discos especialmente para o Record Store Day brasileiro? A gravadora independente HBB vai lançar no MIS um split de sete polegadas das bandas Autoramas (foto acima) e Mundo Alto. O disquinho, vinil marrom e com projeto gráfico assinado por Antônio Augusto, conta com duas faixas de cada uma das bandas.

Ah, a entrada para a celebração do Record Store Day é gratuita. Mas é preciso retirar uma senha com uma hora de antecedência para cada uma das palestra na recepção do MIS.

Mais informações, no site do MIS.

* As fotos de vinis, as deste post e a da home da Popload, são de Letícia Godoy, da feira no MIS de 2014, a primeira edição.

>>

Veja um show brutal do Metallica. Em uma loja de discos…

>>

poploadcaliforniaLA3280416_metallica2

Embaixadores do Record Store Day, que rolou no último 16 de abril, o gigante Metallica fez sua parte e deu exemplo ao fazer um show especial para marcar a data.

Em Berkeley, aqui na Califórnia, o grupo norte-americano invadiu a loja Rasputin Music e mandou um show incrível para algumas dezenas de fãs sortudos.

No set, que teve nove músicas no total, faixas tipo as clássicas “The Four Horsemen” e “For Whom the Bell Tolls”. A apresentação, claro, foi registrada e divulgada pela própria banda e pode ser conferida abaixo.

** A Popload está na Califórnia a convite do VisitCalifornia.

>>

RECORD STORE DAY DA POPLOAD – LEILÃO DE 800 CDS E MUITAS OUTRAS COISAS

>>

leilao1

Para o dia mundial das lojas de discos, sábado que vem, a Popload monta sua loja particular e bota a leilão, que corre desde já até este sabadão dia 16, uma caixa fechada com cerca de 800 CDs, 60 DVDs (de música em sua grande maioria), 15 livros, 5 camisetas usadas ou não (entre elas uma dos Stones, oficial da turnê de 50 anos), 25 revistas (NME de colecionador, com capa de Strokes, Nirvana, uma do Kings of Leon de 2003), 5 fitas VHS, 3 gravuras obras-de-arte, alguns álbuns/singles em vinil (entre eles um classe do David Bowie e um picture disc lindão da Lana Del Rey), 1 par de baquetas Gope usadas por alguém que tocou na Popload Gig (que se não me engano é o Friendly Fires), 1 calendário artsy do Belle & Sebastian (de 2005, veja lá embaixo), 1 cerveja do Iron Maiden e alguns pôsteres.

A caixa é fechada, não haverá venda parcial.

Os discos fazem parte da minha coleção pessoal. Com o coração partido, preciso me desfazer deles por motivos de… espaço para sobreviver na minha casa e limpa compulsória na casa da minha mãe.

Dê seu lance. O valor inicial do leilão é de R$ 1800,00. Lance serão recebidos no email lucio@uol.com.br, com a linha de assunto “Leilão Popload”. No email, informe seu telefone. Os lances acima do valor mínimo, o “placar do leilão”, vão ser informados no post do leilão do Facebook.

Tem raridades, tem coisas “normais”, tem edições especiais que nunca mais você vai ver, tem pérolas, tem CDs de gosto duvidoso, tem cópias para jornalista, tem novos no plástico, tem algumas caixinhas quebradas… É uma coleção bem usufruída durante anos.

Dê uma olhada em parte dos CDs, nas fotos abaixo.

leilao2

leilao3

** Quanto aos discos em vinil, saliento que o do David Bowie é duplo e importado. E o single com a CARA da Lana Del Rey é o fantástico “Video Games”, com “Blue Jeans” de lado B. Só esse deve estar hoje o valor da caixa toda, haha. Mais: tem o lindo e duplo e novo do Caribou, também.

leilao9

leilao10

** Na parte dos DVDs, tem, entre outras coisas:
– Radiohead ao vivo em Londres, 1994
– The Stone Roses, com show em Blackpool, Inglaterra, mais performances na TV
– Stones, quatro DVDs com sete horas de Stones em 2005 e 2006, com a íntegra do show de Copacabana mais o show de Austin e na China.
– Pavement, 16 vídeos e show em Seattle, 1999
– Oasis, documentário de turnê + 1 show em Manchester na íntegra
– “Nevermind”, do Nirvana, na série não autorizada “Classic Album”
– CD + DVD do Guns N’Roses ao vivo em Las Vegas
– Pearl Jam ao vivo em Santiago, Chile, em 2006.
– Show do México do U2, da Popmart Tour
– DVDs do Nine Inch Nails, Iggy Pop, Smashing Pumpkins
– Séries de TV em primeira temporada completa, tipo “The Office”, “Entourage”, “Arrested Development”.
– Filmes como “Kill Bill” e “Amnesia”
– Especial de Punk, especial de glam rock, especial do Jools Holland

leilao6

*** Tem gravura do artista americano Justin Hillgrove, entre elas um Robert Smith (The Cure), tem outra que são dois cupcakes conversando sobre uma banda, de série da famosa Cake Spy Shop, de Seattle

leilao7

*** Entre os VHS, tem REM, show do Pulp no Hyde Park nos anos 90, 1 cópia de duas horas da série cult Twin Peaks, tem a história da Creation Records inglesa (fita com músicas de Primal Scream, My Bloody Valentine e Ride…)

leilao8

*** Na parte das 25 revistas, além das já citadas a caixa carrega Uncut, Word, Under the Radar, 1 edição do jornal “King of Limbs”, distribuído pelo Radiohead na Inglaterra quando lançaram o disco do mesmo nome, 1 especial sobre o Noel Gallagher.

leilao5

*** Na parte das camisetas, tem, além da de tour americana dos Stones, uma do Chet Faker, uma do Two Door Cinema Club e uma do Aldo

leilao4

*** Na lista de livros disponíveis, um especial do Kurt Cobain, com todas as matérias sobre ele e o Nirvana na “Rolling Stone” americana; uma edição do clássico “Laranja Mecânica”, um romance do Leonard Cohen, uma HQ do Scott Pilgrim, livros importados, o roteiro original do “Bastardos Inglórios” do Tarantino, uma edição da “Granta” com textos de Martin Amis, Ian etc. E mais…

leilao11

leilao12

**********

Essa é a caixa, parte do meu tesouro acumulado em aaaaaanos de música, shows e lojas de disco. Um pedaço do meu “Alta Fidelidade” particular.

E tudo começa com R$ 1800. Você pode comprar sozinho ou em grupo, por exemplo. Junte seus amigos e se virem para dividir tudo depois (sem briga!!!).

Quem dá mais?

>>

Habemus Record Store Day. MIS abriga 70 expositores de discos no dia 16

>>

* Não ia ter, mas vai ter. A Locomotiva Discos, loja do centro de São Paulo que não só vende discos como arma feiras, conseguiu em parceria com o Museu da Imagem e do Som paulistano, o MIS, para estabelecer o Brasil dentro do evento internacional Record Store Day.

Com o mesmo número de expositores do ano passado, o Record Store Day brasileiro ocorre no domingo dia 16 de abril, na área externa do MIS.
Será das 12h as 20h e a entrada, gratuita.

vinylrecord

O Dia da Loja de Disco nasceu no exterior em 2007 e, na gringa, acontece sempre no terceiro sábado de abril. Ele surgiu como um movimento das lojas de discos americanas, para debater a subexistência das record stores nesta época de consumo virtual e falência dos gigantescos conglomerados de discos. Com o passar dos anos e a adesão de lojas britânicas e do Japão, principalmente, o Record Store Day pegou firme e motivou selos a relançarem discos clássicos, novidades e edições especiais em tiragens limitadas, enquanto bandas grandes fazem shows especiais dentro das lojas ou em palcos montados em seus estacionamentos.

A Popload já soltou recentemente post sobre como está programado o Record Store Day 2016 no exterior. Em São Paulo, estão programados no MIS show gratuito da banda Elo da Corrente, veterano trio de rap paulistano, e lançamento de discos do selo Stereomono, da Skol Music.

Tanto aqui como no exterior, o músico David Bowie, morto em janeiro, inevitavelmente vai ser o destaque. Aqui no Brasil, cópias de “Blackstar”, tanto novo quanto último disco da carreira do astro inglês, poderão ser encontradas no Record Store Day brasileiro do MIS, na versão vinil 180 gramas, no plástico, ao preço de R$ 240.

Outros destaques do evento: “Jorge Ben” (1969), reedição nova desse clássico da música brasileira (vinil 180 gramas, novo, lacrado – R$ 80); “Killers” (1981), do Iron Maiden, reedição nova desse álbum ícone do metal (vinil 180 gramas, importado, novo, lacrado – R$ 160); Vinis raros de música brasileira, como discos clássicos de Caetano Veloso, Gal Costa, Cartola e Chico Buarque, também estarão na feira.

O show do Elo da Corrente ocorrerá às 16h no Autitório MIS, que tem capacidade para 172 pessoas. Para assisti-lo, é preciso retirar ingresso com com uma hora de antecedência na recepção do museu.

>>